Atividade

89440 - Laboratório de Ensino e Aprendizagem da Arte

Período da turma: 21/08/2019 a 04/12/2019

Selecione um horário para exibir no calendário:
 
 
Descrição: Objetivos:

O curso pretende oferecer aos professores um espaço de estudo, pesquisa, reflexão, experimentação e criação a partir de uma perspectiva decolonial, que faça frente aos desafios contemporâneos da arte na educação escolar. No Módulo I, os participantes terão contato com as bases epistemológicas desta perspectiva e vivenciarão experiências que fomentarão o trabalho a ser desenvolvido no Módulo II, que se voltará aos projetos poético-pedagógicos dos participantes em conconância com os projetos político-pedagógicos das escolas em que trabalham.

Ementa:

1. Perspectivas e experiências decoloniais em arte e educação;
2. O ensino de arte no espaço escolar frente aos desafios contemporâneos;
3. A Lei 11645: culturas indígenas e afro-brasileiras e o ensino de arte;
4. Arte e seu ensino para além da escola: meio artesanal, cultura popular, movimentos artísticos e movimentos sociais;
5. A docência da arte como práxis criadora;
6. O projeto político-pedagógico da escola e os projetos poético-pedagógicos dos professores.
7. Onde nasce um currículo de arte?


Referências bibliográficas:

ALMEIDA, Leandro Antonio (Org). Caminhos para a efetivação da lei nº11.645/08. Cruz das Almas: EDUFRB; Belo Horizonte: Traço Fino, 2016. Coleção UNIAFRO
ALMEIDA, Patrícia Ribeiro de. O mundo é redondo como a rosa: imaginação poética e criação pedagógica. Dissertação (Mestrado em Artes Visuais), Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo., 2013. Disponível em: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27160/tde-11022014-115335/en.php
ARAÚJO, Cintia Monteiro. Uma outra história é possível? O saber histórico escolar na perspectiva intercultural. MONTEIRO, Ana Maria; PEREIRA, Amilcar Araujo (org). Ensino de história e culturas afro-brasileiras e indígenas. Rio de Janeiro: Pallas, 2013, pp. 265-285.
BÁ, Hampatê. Tradição viva (In: História geral da Áfria I – Metodologia e Pré-história da África. Brasília: UNESCO, 2010.
BOSI, Ecléa. Cultura e desenraizamento. In: BOSI, Alfredo. Cultura Brasileira: temas e situações. São Paulo: Ática, 1992.
CANDAU, Vera ; OLIVEIRA, Luiz Fernandes. Pedagogia decolonial e educação antirracista e intercultural no Brasil. Educ. rev. [online]. 2010, vol.26, n.1, pp.15-40.
CERTEAU, Michel de. A cultura no plural. 7ª ed. Campinas: Papirus, 2012.
CUNHA, Lilian do C. O.; OLIVEIRA, Luiz Fernandes; LEMOS, Roma Gonçalves (Org). Diferenças étnico-raciais e formação docente: um diálogo necessário. Rio de Janeiro: Editora Selo Novo, 2016.
FANON, Frantz. Pele negra, máscaras brancas. Tradução de Renato da Silveira. Salvador: EDUFBA, 2008.
FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia. São Paulo: Paz e Terra, 1996.
GAVILLAN, Victor. El pensamiento en espiral: El paradigma de los pueblos indígenas. Santiago: Ñuke Mapuförlaget, 2011.
MASSCHELEIN, Jan; SIMONS Maarten. Em defesa da escola: uma questão pública. São Paulo: Autêntica Editora, 2013.
MATTAR, Sumaya. Sobre Arte e Educação: entre a Oficina Artesanal e a Sala de Aula. Campinas: Papirus, 2010.
___________, Sumaya. Aprender a ouvir o som das águas: o projeto poético-pedagógico do professor de arte. Dissertação (Mestrado). Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002. Disponível em: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-27112007-150820/en.php
___________, Sumaya. Descobrir as texturas da essência da terra: formação inicial e práxis criadora do professor de arte. Tese (Doutorado). Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-27112007-150820/pt-br.php
__________, Sumaya e ROIPHE, Alberto (orgs.). Processos de criação na educação e nas artes. São Paulo: ECA/USP, 2012.
__________, Sumaya e ROIPHE, Alberto (orgs.). Arte e educação: ressonâncias e repercussões. São Paulo: ECA/USP, 2016.
MUNDURUKU, Daniel. O caráter educativo do movimento indígena brasileiro (1970-1990). São Paulo : Paulinas, 2012, cap. 3, pp. 209-224. Disponível em: https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/345975/mod_forum/intro/munduruku_cons_finais_3.pdf
NAKASHATO, Guilherme. Das estradas e dos desvios: o curso de Especialização em Arte/Educação da ECA/USP (1984-2001) e a formação do professor de arte. Tese (Doutorado) - Escola de Comunicações e Artes / Universidade de São Paulo, 2017. Disponível em: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27160/tde-07072017-144537/pt-br.php
SUZUKI, Clarissa. Cadernos de Artista: páginas que revelam olhares da arte e da educação. 2014. Dissertação (Mestrado em Artes Visuais) - Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo., 2014.
WALSH, Catherine. Pedagogías decoloniales: Prácticas insurgentes de resistir, (re)existir y (re)vivir. TOMO I e TOMO II. Catherine Walsh (editora). SERIE PENSAMIENTO DECOLONIAL. Quito, Ecuador: Ediciones Abya-Yala, 2013.

Carga Horária:

60 horas
Tipo: Optativa
Vagas oferecidas: 25
 
Ministrantes: Sumaya Mattar


 
 voltar

Créditos
© 1999 - 2024 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP