Atividade

89789 - Moda e Arte Contemporânea

Período:
Terça 19:30 às 22:50
Quinta 19:30 às 22:50
 
Descrição: Ementa:
A arte pode ser considerada como os efeitos a serem produzidos, e também as causas que produzirão tais efeitos; “a adequada disposição das qualidades que deverão eclodir na sensação”. A arte visual, representação simbólico (cadeia de signos que permitem uma associação de significados, metáforas e metonímias), representação real (material e objetiva baseada na interpretação da realidade), e representação imaginária (baseada na fantasia e na ilusão) norteia a moda. A arte do pós-movimento, como ficou conhecida ou a arte pós-moderna, menosprezando os esforços coletivos de um trabalho em grupo se caracterizando por um movimento, se pretendia uma imagem de liberdade pessoal, uma imagem de múltiplas ações, opções, com escolhas abertas. Se eles tinham uma unidade não era pela noção tradicional de estilo, cada artista com seu valor estratégico caminhou, analisando-se posteriormente, para uma desmaterialização da arte. O que significou isto ?

Objetivos:
Proporcionar um entendimento das estruturas visuais que surgiram com o desenvolvimento da arte pós-moderna, através da contextualização estética e histórico-crítica das ações e intervenções contemporâneas. Acredita-se que, a tradução das diferentes linguagens pós-modernas, e de seus processos de produção visual, que romperam com a narrativa descritiva, pode motivar a percepção para o diferencial, atraente e único, dos estilos da moda contemporânea, proporcionando soluções criativas, de conteúdo e forma.

Metodologia:
O curso é ministrado através de imagens que exemplificam as produções contemporâneas desenvolvidas em torno de video-arte, intervenções, ações e instalações, propiciando a compreensão dos princípios que nortearam as estruturas visuais contemporâneas, e, seus conceitos de percepção. Sintetizando em cada intervenção o arranjo, composição, tratamento e conteúdo, através da contextualização dos artistas e de suas produções, pretende-se colocar em evidência os processos que muito influenciaram os contornos da arte contemporânea.

Conteúdo Programático:
1. A Invenção do Gosto: a autonomia do sensível
2. A Apropriação da Tradição Moderna: Marcel Duchamp e Lygia Clark, introdução do corpo como suporte artístico
3. O olhar que ouve: A Psicanálise na Pós Modernidade
4. Instalações na Moda: Objetos Penetráveis
5. A Desmaterialização da Arte e os Novos Suportes:
6. (Instabilidade ou Equilíbrio, Atração ou Agrupamento, Assimetria-Simetria, Regularidade-Irregularidade, Simplicidade-Complexidade, Fragmentação-Unidade, Profusão-Economia, Exagero-Minimização, Espontaneidade-Previsibilidade...)
7. O mal Estar do Pós Moderno
8. O Simulacro e o Efêmero na arte e na moda
9. A participação do corpo na Obra Contemporânea
10. O significante e o significado do corpo na contemporaneidade. O enigma do corpo: identidade cultural, social, identidade mediática e de representação na obra-objeto


Avaliação Discente:
Trabalho teórico de reflexão sobre um dos tópicos do Curso.

Bibliografia Básica:
COCCHIARALE, F. O CORPO NA ARTE CONTEMPORANAEA BRASILEIRA, ITAU CULTURAL, CATALOGO DE EXPOSIÇÃO, 2005.
DIDEROT, D. Recherches philosophiques sur l’origine et la nature du beau. Paris: Classiques Garnier, 1965, pp. 417-9.
DUVE, T. DE. Au nom de l’art: pour une archéologie de la modernité. Paris: Ed. de Minuit, 1987.
JIMENEZ, M. Qu’est-ce que l’esthétique? Paris: Gallimard, 1997
PAREYSON, L. Os problemas da estética. São Paulo: Martins Fontes, 1987.
BOCHNER, M. Primary structures. Arts Magazine, Londres, jun. 1966.
CELANT, G. Art Povera. New York: Praeger Publishers, 1969.
JUDD, D. Specific objects. In: GINTZ, C. Regards sur l’art américain des années 60. Anthologie critique. Paris: Ed. Territoires, 1979.
GINTZ, C. Regards sur l’art américain des années 60. Anthologie critique. Paris: Ed. Territoires, 1979.
FERRY, L. Homo Aestheticus, São Paulo, ed. Ensaio, 1994.
MEIRA, S. A Imagem Moderna : um olhar, Ed. Com Arte, Belo Horizonte, 2006

Bibliografia Complementar:
BARTHES, R. O sistema da moda. São Paulo: Cia. Editora Nacional, 1979.
BAUDRILLARD, Jean. “La mode ou la féerie du code”. Traverses, número 3. Paris: Centre Georges Pompidou, 1984.
BAUDRILLARD, J. Da Sedução. Campinas, ed. Papirus, 1991.
BAUDRILLARD, J. La Sociéte de Consommation. Paris: ed. Planète, 1976.
Baumman, Z.O mal-estar da pós- modernidade, Rio de Janeiro, Jorge Zahar Editor, 1998, pp.13-26.
Celant, G. Art Povera. New York: Praeger Publishers, 1969.
DUBUFFET, J. L'homme du commun à l'ouvrage. Paris, Gallimard, 1973.
FRANCASTEL, P. L'Image, la vision et l'imagination, Paris, ed. Denoel-Gonthier, 1983.
Ferry, L. Homo aestheticus: a invenção do gosto na era democrática. São Paulo: Ed. Ensaio, 1995.
FLÜGEL, John-Carl. A psicologia das roupas. São Paulo: Ed. Mestre Jou, 1966.
GUILLAUME, V. Art et Mode , Paris, Art Press, n. 18, 1997.
LAPLANCHE, J.& PONTALIS, J.B. Vocabulário da Psicanálise, São Paulo, Livraria Martins Fontes Editora Ltda, 1983.
LIPOVETSKY, Gilles. O império do efêmero. São Paulo: Cia. Das Letras, 1989.
MARTIN, R. Fashion and Surrealism, New York, Rizzoli, 1987
MAFFESOLI, Michel. Au creux des apparences. Paris: Plon, 1990.
METZ, C. O significante imaginário, Lisboa, Livros Horizonte Lda, 1980.

Carga Horária:

20 horas
Tipo: Obrigatória
Vagas oferecidas: 50
 
Ministrantes: Hugo Fernando Salinas Fortes Junior


 
 voltar

Créditos
© 1999 - 2020 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP