Atividade

95173 - Figurações da Família na Literatura Brasileira do Século XX

Período:
Terça 10:00 às 12:00
 
Descrição: O curso terá carga horária de 16 horas, divididas em 8 aulas expositivas de 2 horas cada.

Nas primeiras três aulas, apresentaremos contribuições teóricas e metodológicas advindas dos diversos campos do saber que possam fundamentar a leitura dos textos literários e a pesquisa, no interior deles, dos temas relacionados à família.

1ª. aula: Estudos de família no campo das Ciências Humanas:
- Evolucionismo e Estruturalismo;
- Contribuições dos estudos de História da família brasileira;
- Estudos de família no campo da Teoria Crítica.

2ª. aula: Estudos de família nos campos psicológico e psicanalítico:
- Origens e contribuições do trabalho com famílias no campo psicológico: a família como sistema e aportes da teoria da comunicação humana;
- A compreensão da família a partir do campo psicanalítico: inconsciente familiar, teoria do vínculo, trauma e transmissão intergeracional.

3ª. aula: Método de leitura, sobre ler/interpretar um texto: entre compreender e explicar.
- Trabalho com textos de Paul Ricoeur, Antonio Cândido e Davi Arrigucci Jr.

As cinco aulas seguintes serão dedicadas à leitura de textos literários, sempre com foco nas questões relativas à família.

4ª. aula: "O peru de Natal", do livro Contos novos (1947/2015), de Mário de Andrade.

5ª. aula: "A imitação da rosa", do livro Laços de família (1960/1969), de Clarice Lispector.

6ª. aula: "Sorôco, sua mãe, sua filha", do livro Primeiras estórias (1962/1964), de Guimarães Rosa.

7ª. aula: Poemas "Confidências do itabirano", "Retrato de família", "Convívio", "Perguntas", da Antologia poética (1962/1987), e "Mancha", "Paredão" e "Fim da casa paterna", de Boitempo (1968/1979), de Carlos Drummond de Andrade.

8ª. aula: Lavoura arcaica (1975/1989), de Raduan Nassar.

Bibliografia:

Andrade, C. D. Antologia poética. RJ: Record, 1987.

_____________. Boitempo. RJ: J. Olympio, 1979.

Andrade, M. Contos Novos. Belo Horizonte-Rio de Janeiro: Ed. Itatiaia,1999.

Arrigucci Jr., D. Em busca do sentido. In: O guardador de segredos. São Paulo: Companhia das letras, 2010, p. 219-238.

Barthes, R. (1977) Aula. SP: Cultrix.

Berquó, E. (2014). A família no século XXI: um enfoque demográfico. Revista brasileira de estudos de população, 6(2), 1-16.

_____________. Arranjos familiares no Brasil: uma visão demográfica. In: Schwarcz, L. (org.) História da vida privada no Brasil, v. 4. SP: Companhia das Letras, 1998.

Candido, A. Os elementos de compreensão. In: Formação da literatura brasileira. 5ª. edição. Belo Horizonte: Ed. Itatiaia/São Paulo: Edusp, 1975. p. 34-36

_____________. The Brazilian Family. In: Smith, T. L. & Marchant, A. (orgs.). Brazil: portrait of half a continent. Nova York: The Dryden Press, 1951.

_____________. Vários escritos. 3ª. edição, revista e ampliada. SP: Livraria Duas Cidades, 1995.

Corrêa, M. Repensando a família patriarcal brasileira. In: Cadernos de pesquisa n°37. São Paulo: Fundação Carlos Chagas, 1981. p. 5-16.

Correa, O. R. (org.) Os avatares da transmissão psíquica geracional. SP: Escuta, 2001.

Freud, S. (1909). Romances familiares. Edição Standard das Obras Psicológicas Completas de S. Freud, v. 9. RJ: Imago, 1976.

_____________. (1913-1914). Totem e Tabu. Edição Standard das Obras Psicológicas Completas de S. Freud, v. 13. RJ: Imago, 1976.

_____________. (1915-1917). Luto e melancolia. Edição Standard das Obras Psicológicas Completas de S. Freud, v. 14. RJ: Imago, 1976.

Horkheimer, M; Adorno, T. (1956). Família. In: Temas básicos da sociologia. Tradução de Álvaro Cabral. São Paulo: Cultrix, 1978, p. 132-150.

Kafka, F. (1919). Carta ao pai. SP: Companhia das Letras, 1997.

Lévi-Strauss, C. A família. In: O olhar distanciado. Lisboa: 70, 1986.

Lispector, C. “A imitação da rosa”. In: Laços de família (1960). Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1991.

Mandelbaum, B. Psicanálise da família. SP: Casa do Psicólogo, 2ª edição, 2010.

_____________. Trabalhos com famílias em Psicologia Social. SP: Casa do Psicólogo, 2014.

_____________. Na lavoura arcaica. Estudos Avançados, IEA/USP: 32 (92), 2018.

Meyer, L. Acaso, destino, memória. In: Rumor na escuta: ensaios de psicanálise. SP: editora 34, 2008.

Nassar, R. Lavoura arcaica. SP: Companhia das Letras, 3a edição, 1989.

Pellegrino, H. Édipo e a paixão. In: Novaes, A. (org.) Os sentidos da paixão. SP: Companhia das Letras, 1987.

Ricoeur, P. ¿Qué es un texto?. In: Del texto a la acción: ensayos de hemenéutica II. Trad. Pablo Corona. Buenos Aires: Fondo de Cultura Económica, 2000, [1986], p. 127-147.

Rosa, J. G. Primeiras estórias (1962). Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1988.

Samara, E. O que mudou na família brasileira (da colônia à atualidade). Psicologia USP, vol.13, n.2, 2002, p. 27-48.

Sedlmeyer, Sabrina. Ao lado esquerdo do pai. BH: Pós-graduação em Letras, UFMG, 1997.

Wisnik, J. M. Maquinação do mundo: Drummond e a mineração. SP: Companhia das Letras, 2018.

Carga Horária:

16 horas
Tipo: Obrigatória
Vagas oferecidas: 480
 
Ministrantes: Belinda Piltcher Haber Mandelbaum


 
 voltar

Créditos
© 1999 - 2020 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP