Atividade

96785 - Módulo Gestão do Conhecimento na Era Digital e a Prática de Projetos Interdisciplinares

Período:
Sexta 19:00 às 23:00
 
Descrição: 3.1 O uso da tecnologia na educação: princípios e práticas
Objetivo: Promover reflexão sobre novas formas de aprender e de ensinar, relacionadas ao uso de tecnologias, proporcionando conhecimentos que permitam os cursistas orientarem sua comunidade escolar uma prática de ensino/aprendizagem pautada na colaboração. Neste sentido, visa uma qualificação compatível realidade escolar vivenciada pelo cursista, em torno da esfera regional, social e profissional nos campos de atuação.
Conteúdo Programático: Aspectos teóricos das tecnologias; A evolução da tecnologia e sua inserção nas escolas; Nativos digitais: desafios da educação; Real e Virtual: conceito e tecnologias; Ambientes tecno-pedagógicos; As mudanças de paradigmas no ensino brasileiro devido a presença das novas tecnologias no processo educativo.

3.2 Tecnologia da informação e comunicação (TICs) na educação
Objetivo: Discutir sobre as tecnologias e seu impacto na educação. Desenvolvimento de competências para elaboração de projetos de utilização da tecnologia, a partir do projeto político-pedagógico das escolas.
Conteúdo Programático: O desenvolvimento científico e tecnológico; O impacto das Tecnologias na Educação; Planejando a integração das TIC na educação; Ambientes Virtuais de Aprendizagem e as novas práticas de ensino e aprendizagem na era digital; A internet vai à escola: domínio e apropriação de ferramentas culturais.

3.3 Novas tecnologias aplicadas à gestão educacional
Objetivo: Discutir os aspectos relacionados à gestão escolar educação com ênfase no desenvolvimento e utilização das tecnologias nos ambientes educacionais com base em ferramentas de apoio à gestão e da contextualização das estratégias metodológicas.
Conteúdo Programático: Gestão da inovação na educação; Gestão com Tecnologias; Ferramentas de apoio à gestão; conhecendo sistemas de apoio a gestão escolar; Gestão com tecnologias e das tecnologias; Diferenciais das escolas inovadoras.

3.4 O projeto político-pedagógico da escola e a equipe gestora
Objetivo: Contribuir, por meio de estudos, reflexões e atividades práticas, com que os atores envolvidos na gestão escolar, compreenda que a razão de ser da escola, como instituição social integrada a um sistema educativo, e do trabalho coletivo e democrático na construção de seus planos de ação, a fim de refletir sobre a escola como o lugar de concepção, realização e avaliação do Projeto Político-Pedagógico.
Conteúdo Programático: O trabalho do gestor na escola: dimensões, relações, conflitos, formas de atuação; Diferentes sentidos de Projetos na instituição escolar; PPP como projeção do futuro; Formulação e desenvolvimento de projeto de intervenção ou pesquisa na escola com estreita vinculação com o PPP; Rotinas administrativas e pedagógicas.

3.5 Interdisciplinaridade e transversalidade em projetos
Objetivo: Compreender o conceito de interdisciplinaridade e transversalidade na educação; Discutir a elaboração de projetos pautados na interdisciplinaridade e transversalidade, dimensionando os conteúdos escolares tradicionais e incorporando temáticas problematizadoras; Abordar a construção de projetos em rede.
Conteúdo Programático: Conceituação de Interdisciplinaridade e transversalidade; Pedagogia de Projetos; Conhecimento em rede; Estratégia de Projetos e a Construção da Rede.

3.6 Problematização e contextualização na aprendizagem de conceitos
Objetivo: Introduzir o conceito de problematização, enfatizando a observação da realidade de maneira crítica, relacionando esta realidade com o conteúdo específico que se deseja ensinar/aprender. A valorização dos conhecimentos prévios e sua respectiva ativação para a definição dos aspectos relevantes da problemática analisada.
Conteúdo Programático: Problematização e contextualização; Situações-problema no ensino e aprendizagem; Características das situações-problema; Práticas Investigativas.

3.7 Aprendizagem baseada em problemas
Objetivo: Compreender o método da Aprendizagem Baseada em Problemas como forma de promover o desenvolvimento da habilidade de trabalhar em grupo, e estimular o estudo individual, dependendo do envolvimento de cada estudante. O aprendizado passa a ser centrado no aluno, que passa a ser responsável pelo seu aprendizado.
Conteúdo Programático: Aprendizagem; Como aprender?; Aprendizagem Baseada em Problemas; Estrutura de uma situação-problema; Metodologias Ativas de Aprendizagem; Aprendizagem Baseada em Problemas e por Projetos; Design Thinking; Processo de Prototipação.

3.8 Recursos didáticos de apoio ao professor
Objetivo: Apresentar como a escola deve adequar as suas estratégias e metodologias de ensino a este contexto; Fornecer ao gestor exemplos de recursos didáticos, com foco na implementação, que permitam tornar as atividades de ensino-aprendizagem motivadoras e eficientes.
Conteúdo Programático: Ensino-aprendizagem; Definição de recursos didáticos; Importância do uso dos recursos didáticos; Tipos; Objetivos; Critérios para utilizar; Aspectos práticos.

3.9 Neurociência aplicada à educação

Objetivo: Relacionar as áreas da saúde e educação, no intuito de melhorar a prática de ensino; Entender os mecanismos neurais relacionados ao aprendizado e às funções executivas.
Conteúdo Programático: Neuropsicologia e Aprendizagem; A Importância da Neurociência na Educação; Sistema Nervoso Autônomo e Aprendizagem; Vias neurais e aprendizagem.

3.10 Importância da educação inclusiva
Objetivo: Apresentar a discussão a respeito da educação inclusiva e da educação especial, contextualizando seus fundamentos e políticas; Discutir o paradigma da educação; Educação Inclusiva; Apresentar o Atendimento Educacional Especializado como proposta da Educação Especial; Analisar os impactos da inclusão escolar para a unidade escolar; Apresentar práticas pedagógicas que valorizem as diferenças e a diversidade nas salas de aula.
Conteúdo Programático: Ideário da Educação Inclusiva; Educação Especial: Histórico; Educação Especial: Legislação; Atendimento Educacional Especializado; Como gestor, o que posso fazer para de fato incluir pessoas com deficiência em minha escola?; Empoderamento.

3.11 Diversidade e múltiplas linguagens

Objetivo: Discutir sobre a importância da diversidade e múltiplas linguagens que colaboram com a criticidade, ludicidade e diversidade artística, cultural e religiosa na escola; discutir estratégias para melhor abordagem sobre migrações e seus impactos para assim possibilitar a inclusão do aluno no contexto e ambiente escolar.
Conteúdo Programático: Diversidade: entraves e possibilidades; Saberes necessários à prática educativa; Jogos para a estimulação das múltiplas inteligências; Linguagem e produção de sentidos no cotidiano.

3.12 Saúde escolar: sexualidade na escola

Objetivo: Promovendo a reflexão da Educação sexual no Projeto Político-Pedagógico; Discutir estratégias para abordagem com os alunos sobre questões preventivas e de orientação; Argumentar sobre a identificação de problemas relacionados à sexualidade pelos professores e formar de encaminhamentos.
Conteúdo Programático: Estratégias gerais de operacionalização das ações de promoção da saúde escolar; Ações de promoção da saúde escolar; Avaliação das condições de saúde das crianças, adolescentes e jovens que estão na escola; Políticas públicas, ministério da saúde, a estratégia de saúde da família e o programa saúde na escola.

3.13 Saúde escolar: drogas e violência

Objetivo: Discutir sobre drogas e violência como causadores de problemas e apresentar ações integradas para prevenção e promoção do bem-estar na escola.
Conteúdo Programático: Violência e indisciplina na escola; O papel da educação em relação à criança, o adolescente e o uso de drogas; PROERD no combate às drogas e à violência; Implementação de estratégias metodológicas diferenciadas no combate a violência e as drogas.

3.14 Saúde escolar: transtornos de aprendizagem

Objetivo: Discutir o impacto dos transtornos de aprendizagem no desempenho escolar; conceituar os transtornos e suas adaptações; Identificar os processos de desenvolvimento e aprendizagem dos alunos com deficiência intelectual e suas peculiaridades; Planejar ações pedagógicas que favoreçam o desenvolvimento e a aprendizagem dos alunos como um todo.
Conteúdo Programático: Demanda infantil por serviços de saúde mental: sinal de crise; Abordagem neurobiológica e multidisciplinar; TC/TDAH e as dificuldades no aprendizado; O papel da escola no auxílio aos transtornos de aprendizagem.

3.15 Preconceito e bullying na escola

Objetivo: Discutir o Preconceito e bullying na escola, compreender o motivo pelos quais ocorrem para poder promover a reflexão e possibilidades reais de inserir no Projeto Político-Pedagógico, questões preventivas e de orientação.
Conteúdo Programático: Educação contra a violência; Personalidade Autoritária; Tipos de Personalidade Autoritária; Preconceito; Preconceito e educação inclusiva; Bullying; Bullying, Preconceito e hierarquias escolares; Propostas de combate ao preconceito e ao bullying.

3.16 Educação ambiental e responsabilidade social

Objetivo: Refletir sobre o fazer pedagógico e o desenvolvimento da política de sustentabilidade no espaço escolar; Repensar a escola como um ambiente de formação de cidadãos aptos a tomarem decisões conscientes e responsáveis.
Conteúdo Programático: Educação Ambiental e Responsabilidade Social; Instrumentos de políticas públicas; Política e Pedagogia: Arquitetura de Capilaridade; Educação Ambiental Cotidiana; Método Oca; Coletivos Educadores.

3.17 Monografia

O trabalho deverá ser realizado individualmente, por etapas, com definições de prazos, acompanhamento e orientação de um profissional indicado pelo Pecege. A defesa será realizada por uma avaliação presencial que ocorrerá na ESALQ em Piracicaba – SP, durante o Simpósio de Agronegócio e Gestão [SIM].
Segue algumas disciplinas relacionadas a etapa de monografia que ficarão disponibilizadas gravadas durante todo o curso na “ABA MONOGRAFIA” no sistema acadêmico do PECEGE:

Importância da Ética na pesquisa
Conteúdo Programático:
• Conceito de ética
• O “Código de Nuremberg”
• Comitês de ética na pesquisa
• Pesquisas envolvendo seres humanos e o Sistema CEP/CONEP

Elaboração da Monografia
Conteúdo Programático:
• Desenvolvimento do projeto de pesquisa
• Etapas da redação da monografia
• Estrutura da monografia
• Características do texto científico no contexto da Gestão Escolar
• Normas de elaboração da monografia do MBA USP/ESALQ

Assistência a Monografia: Monografia e o Cotidiano de uma Organização
Conteúdo Programático:
• Estrutura básica de uma monografia
• A relação entre o trabalho científico e o dia a dia das organizações
• Visão sistêmica de uma organização
• Estratégias e planos de ação
• O método PDCA na elaboração da monografia

Assistência a Monografia: Metodologia Científica
Conteúdo Programático:
• Elaboração do projeto de pesquisa
• Pesquisa bibliográfica
• Métodos e técnicas de pesquisa
• Comparação entre tipos de pesquisa

Assistência a monografia: Análise Qualitativa e Quantitativa
Conteúdo Programático:
• O método científico
• Processo de pesquisa qualitativa e quantitativa
• Métodos de coleta de dados
• Análise dos dados para pesquisas qualitativas e quantitativas

Assistência a monografia: Viabilidade Econômica e Análise de Projetos
Conteúdo Programático:
• Taxas de juros nominal e real
• Aplicação de TIR, VLP, Payback e análise de sensibilidade em projetos de monografia
• Cenários alternativos para uma análise mais realista
• Organização dos dados para estruturação das planilhas de fluxo de caixa
• Custos fixos e variáveis

Assistência a monografia: Técnicas de apresentação
• Técnicas de apresentação em público
• Medo da exposição pública
• Comunicação não verbal
• Como criar e utilizar apresentações para defesa da monografia

3.18 Tópicos Especiais: Avaliações, Atividades Complementares:
Elaboração e Acompanhamento das Provas EaD (as provas são realizadas um dia após a finalização de cada aula); Acompanhamento dos alunos: indicação de materiais complementares (slides das aulas, material de leitura pré e pós-aula, bibliografia, eventos, reportagens, entre outros); esclarecimento de dúvidas via e-mail após as aulas ao vivo (caso os alunos ainda tenham dúvidas acadêmicas, estas serão encaminhadas para o professor e depois repassadas ao aluno); TalkShow: ferramenta utilizada durante as aulas (ao vivo) para pergunta ao Professor via Skype. Os questionamentos são respondidos em tempo real pelo professor; Chat: ferramenta utilizada durante as aulas (ao vivo) para pergunta ao Professor via Sistema Acadêmico. As perguntas são selecionadas e respondidas após o intervalo da aula ou no último bloco; Câmera Pecege: programa exibido nos intervalos das aulas (2 intervalos de 10minutos), com temas relacionados ao curso.


BIBLIOGRAFIA

BERBEL, N.A.N.. A metodologia da Problematização no ensino superior e sua contribuição para o plano da práxis. Semina, Londrina, v. 17, p. 7-17, 1996.
GIOLO, J. A educação a distância e a formação de professores. Educ. Soc. v. 29, n.105, p. 1211-1234. 2008.
FELDKERCHER, N., AIMI, D. S.; Apontamentos e desafios da educação a distância na formação de professores. Revista Paidéi@, UNIMES VIRTUAL, v. 2, n. 1, 2009.
LIBÂNEO, J. C. Didática. São Paulo: Ed. Cortez, 1994.
ECHEVERRÍA, M. P. P.; POZO, J. I. Aprender a resolver problemas e resolver problemas para aprender. In: POZO, J. I. (Org.). A solução de problemas. Porto Alegre: Artes Médicas, 1998.
ZABALA, A. A prática educativa: como ensinar. Porto Alegre: Artmed, 1998.
ABREU, M.C.T & MASETTO, M. T. O professor universitário em aula – prática e princípios teóricos. 8.ed. São Paulo: MG, 1990.
KISHIMOTO, Tizuko M. “O jogo e a Educação Infantil”. São Paulo: Editora Pioneira, 1998.
KISHIMOTO, T. M. Jogo, brinquedo, brincadeira e a educação. Cortez, São Paulo, 1996.
BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Especial. Política Nacional da educação especial na perspectiva da educação inclusiva. MEC, SEESP, 2008.
UNESCO. Declaração Mundial sobre Educação para Todos e Plano de Ação para satisfazer as necessidades básicas de aprendizagem. Jomtien,Tailândia, 1990.
UNICEF. Declaração de Salamanca e linha de ação sobre necessidades educativas especiais. Salamanca, Espanha, 1994.

Carga Horária:

118 horas
Tipo: Obrigatória
Vagas oferecidas: 800
 
Ministrantes: Alexandre Assaf Neto
Clarice Sandi Madruga
Cristiane de Carvalho Pinto
Evaristo Marzabal Neves
Fernando Curi Peres
Gustavo Mechereffe Estanislau
José Manuel Moran Costas
Leandro Key Higuchi Yanaze
Lino de Macedo
Luci Regina Muzzeti
Marcia Maria Barreira
Marcos Yassuo Kamogawa
Maria Antonia Ramos de Azevedo
Marly Teresinha Pereira
Nilson Jose Machado
Paloma Epprecht e Machado de Campos Chaves
Pedro Carvalho de Mello
Rosebelly Nunes Marques
Sergio Daniel Ferreira


 
 voltar

Créditos
© 1999 - 2021 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP