Disciplina Discipline CBD5945
Catalogação ao Quadrado: Estudos Aplicados sobre as Normas, Padrões e Protocolos no Âmbito da catalogação descritiva.

Cataloging by the Square: applied studies on norms, standards and protocols in descriptive cataloging

Área de Concentração: 27151

Concentration area: 27151

Criação: 16/05/2019

Creation: 16/05/2019

Ativação: 22/05/2019

Activation: 22/05/2019

Nr. de Créditos: 7

Credits: 7

Carga Horária:

Workload:

Teórica

(por semana)

Theory

(weekly)

Prática

(por semana)

Practice

(weekly)

Estudos

(por semana)

Study

(weekly)

Duração Duration Total Total
3 2 2 15 semanas 15 weeks 105 horas 105 hours

Docente Responsável:

Professor:

José Fernando Modesto da Silva

Objetivos:

Aplicar, analisar e refletir sobre os instrumentos que se configuram nas normas, padrões e protocolos norteadores dos processos catalográficos existente no contexto atual das bibliotecas, repositórios e serviços de informação bibliográfica. Avaliar as tendências destes instrumentos e das estruturas de dados orientados para a ambiência digital. Discutir os processos desde as listagens em fichas bibliográficas impressas até os atuais catálogos semânticos embebidos no conceito da web semântica. Por meio de leituras e atividades aplicadas, observar os efeitos das diretrizes tradicionais e atuais sobre os dados e os bancos de dados bibliográficos. Também, analisar as relações com outras normas, padrões e protocolos administrados na área da arquivologia e museologia em busca de harmonizações que favoreçam um diálogo colaborativo à construção do universo bibliográfico digital. A intenção da disciplina é proporcionar uma reflexão coletiva sobre os conceitos relativos à catalogação descritiva e as implicações nos processos atuais e das tendências aplicadas ao ambiente da informação digital, bem como identificar as transformações ou mudanças estabelecidas às normas, padrões e protocolos pertinente a área do universo bibliográfico.

Justificativa:

A evolução da catalogação descritiva tem sublinhado uma mudança de paradigma em seu fazer prático e formação acadêmica. Mudança moldada em fundamentos teóricos e conceituais redefinidos na atualidade do contexto digital e para a qual requer uma ação sistêmica de pesquisa e de aplicação. Anteriormente, na disciplina PPGCI – CBD5941 – 1, desenvolveu-se um estudo sobre a evolução teórica e conceitual que remodelou a área da catalogação bibliográfica, nesta disciplina proposta dobra-se a questão dos instrumentos aplicados e os impactos sofridos pelos novos conceitos no contexto do cenário tecnológico e de conteúdo digital. Assim, importa agora observar se os métodos tradicionais e as novas diretrizes aplicadas ao o tratamento dos dados e/ou informações bibliográficas prescrevem suporte aos desafios desses novos contextos. Assim, conhecer, compreender e refletir sobre a catalogação descritiva e seu cenário de pesquisa e aplicação é um procedimento que deve contribuir com o aperfeiçoamento da própria área. Como meta procura-se disseminar entre os estudantes a problemática da representação descritiva diante da informação gerada sob a égide da ambiência digital, bem como fomentar a constituição de uma massa crítica sobre a temática para pensar a realidade do mundo do trabalho catalográfico.

Conteúdo:

TEMA 1. Os códigos de catalogação da Biblioteconomia análise comparativa e evolutiva da representação descritiva TEMA 2. Os Formatos de Intercâmbio Bibliográfico e de Autoridade na catalogação descritiva TEMA 3. Os Formatos Dublin Core, MODS, METS entre outros e a catalogação descritiva. TEMA 4: As normas descritivas da Arquivologia e Museologia: análise das características e estrutura. TEMA 5. Softwares e a harmonização com a catalogação descritiva. TEMA 6. A catalogação descritiva e de autoridade e os conceitos do linked data, Web semântica, Inteligência Artificial e etc. TEMA 7. Catalogação descritiva comparada na LAM (Library, Archive e Museum): reflexão sobre a harmonização dos atributos descritivos. TEMA 8. Desenvolvimento de Trabalho sobre os temas propostos e comentados em aula Escolha um dos temas abordados e desenvolva um texto com a finalidade de apresentar em evento ou publicar em revista da área. Extraia do texto uma apresentação de 15 minutos para compartilhar na disciplina. TEMA 9. Apresentação do trabalho escrito em uma apresentação de 15 minutos

Forma de Avaliação:

Trabalhos apresentados em sala; Elaboração de textos finais sobre temas tratados; Resumos de Artigos lidos; Frequência e Participação nos encontros e atividade

Observação:

Serão aceitos até 20 alunos regulares, bem como até 7 alunos na categoria “Aluno Especial” que sejam, preferencialmente, bibliotecários.

Bibliografia:

TEMA 1. Frías Montoya, J. A. La descripción bibliográfica y sus puntos de acceso em el catálogo de la biblioteca: evolución histórica y problemática actual. Madrid, 1995. Tese (Doutorado) Facultad de Filología - Universidad Complutense de Madrid. Garrido Arilla, M.R. Teoria e História da catalogación de documentos. Madrid: Sintesis, 1996. Bianchini, C.; Guerrini, M. From Bibliographic Models to Cataloging Rules: Remarks on FRBR, ICP, ISBD, and RDA and the Relationships Between Them. Cataloging & Classification Quarterly, vol.47, n. 2, p.105 —124, 2009. Código de catalogação anglo-americano [Anglo American Cataloging Rules]. Preparado sob a direção do Joint Steering Committee for Revision of AACR. 2a. ed. rev. 2002. Trad. para a língua portuguesa sob responsabilidade da FEBAB. São Paulo: FEBAB/Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2004. Descripción Bibliográfica Internacional Normalizada (ISBD): Edición Preliminar Consolidada [versão em espanhol]. http://www.ifla.org/files/cataloguing/isbd/isbd-cons_2007-es.pdf Escolano Rodríguez, E.; McGarry, D. ISBD consolidada: um passo em frente. 2007. http://www.ifla.org/VII/s13/isbd-rg.htm Gorman, M. RDA: the coming cataloguing debacle. Disponível em: http://www.slc.bc.ca/rda1007.pdf Holborn, G. Cataloguing: AACR2 and All That. Legal Information Management, vol. 10, p. 18–23, 2010. Joint Steering Committee for Development of RDA. RDA: Resource Description and Access. JSC, 19 May 2014 Código de catalogação anglo-americano [Anglo American Cataloging Rules]. Preparado sob a direção do Joint Steering Committee for Revision of AACR. 2a. ed. rev. 2002. Trad. para a língua portuguesa sob responsabilidade da FEBAB. São Paulo: FEBAB/Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2004. TEMA 2. Andresen, Leif. After MARC – what then? Library Hi Tech, vol. 22, n. 1, p. 40 – 51, 2004. Doi: http://dx.doi.org/10.1108/07378830410524486 McCallum, S.H. BIBFRAME Development. JLIS.it, vol. 8, n. 3, p. 71-85, Sep. 2017. doi: 10.4403/jlis.it-12415. TEMA 3. Méndez, E. Dublin core, metadatos y vocabularios. In: Anuario ThinkEPI, 2007, pp. 61-64. Rios Hilário, A. B. Nuevos horizontes em el análisis de los registros y la normativa bibliográfica. Gijón: Ediciones TREA, 2003. Elings, M. W.; Waibel, G. Metadata for all: Descriptive standards and metadata sharing across libraries, archives and museums. First Monday, vol. 12, n. 3-5, Mar. 2007. Disponível em: https://goo.gl/KQJPMK. McCallum, S. H. An introduction to the Metadata Object Description Schema (MODS). Library Hi Tech, vol. 22, n.1, p.82-88, 2004. Alves, R. C. V. Metadados para a representação de recursos informacionais na web semântica. In: _____. Web Semântica: uma análise focada no uso de metadados. Marília, 2005. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) – UNESP. p.107-158. Library of Congress. MARC to Dublin Core Crosswalk. MARC Standards Office Library of Congress, Feb. 2001. Disponível em: https://www.loc.gov/marc/marc2dc-2001.html. TEMA 4. VRA Core Oversight Committee. VRA Core: a data standard for the description of images and Works of art and culture. Disponível em: http://core.vraweb.org/vracore_about.html. TEMA 5. Calhoun, K. (2006). The changing nature of the catalog and its integration with other discovery tools. (Final report prepared for the Library of Congress. March 17, 2006). Retrieved, 1 October 2006, from www.loc.gov/catdir/calhoun-report-final.pdf . Dempsey, L. (2006, July). The library catalogue in the new discovery environment: Some thoughts. Ariadne, No. 48. (Online). Retrieved, 30 September 2006, from http://www.ariadne.ac.uk/issue48/dempsey/ . TEMA 6. Arlitsch, K.; Newell, B. Thriving in the Age of Accelerations: A Brief Look at the Societal Effects of Artificial Intelligence and the Opportunities for Libraries. Journal of Library Administration, vol. 57, n.7, p.789-798, 2017. Disponível em: https://doi.org/10.1080/01930826.2017.1362912 Baker, T. e outros. Library Linked Data Incubator Group Final Report. W3C Incubator Group Report, 25 Oct., 2011. Disponível em: https://goo.gl/3aGTvR. Acesso em: 12/12/2017. Hidalgo Delgado, Y.; Rodríguez Puente, R. La web semántica: una breve revision. Revista Cubana de Ciencias Informáticas, vol. 7, n. 1, p.76-85, Enero-Marzo, 2013. Malmsten, M. Making a Library Catalogue Part of the Semantic Web. Proc. Int’l Conf. on Dublin Core and Metadata Applications, 2008. MILLER, E.; WESTFALL, M. Linked Data and Libraries. The Serials Librarian, vol. 60, p.17–22, 2011. Oyelude, A. A. What’s trending in libraries from the internet cybersphere – artificial intelligence and other emerging technologies. Library Hi Tech News, vol. 34, n. 2, p.11-12, 2017. https://doi.org/10.1108/LHTN-02-2017-0008 Yee, M. M. Can bibliographic data be put directly onto the Semantic Web? Information Technology and Libraries, june. 2009. TEMA 7. Tonta, Yaşar Libraries and Museums in the Flat World: Are They Becoming Virtual Destinations?, 2006 . In Sofia 2006: Globalization, Digitization, Access, and Preservation of Cultural Heritage, Sofia (Bulgaria), 8-10 November 2006. (In Press) [Conference paper] http://eprints.rclis.org/9426/ Zorich, D. M.; Waibel, G.; Erway, R. Beyond the silos of the LAMs: collaboration among libraries, arquives and museums. Dublin, Ohio: OCLC, 2008. Angel, C. M. Comparison of descriptive tagging practices by library, archives and museum professionals using and inter-indexing consistency approach. 2012. Degree of Doctor of Philosophy in Library and Information science. University of South Carolina.