Disciplina
Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Ciências Farmacêuticas
 
Farmácia
 
Disciplina: FBF0341 - Farmacotécnica

Créditos Aula: 5
Créditos Trabalho: 0
Tipo: Semestral

Objetivos
Capacitar o aluno quanto aos fundamentos teórico-práticos da Área de Farmacotécnica, para o desenvolvimento de formulações, preparo, acondicionamento e estabilidade das principais formas farmacêuticas.
 
Docente(s) Responsável(eis)
Cristina Helena dos Reis Serra
Humberto Gomes Ferraz
Vladi Olga Consigliere de Matta
 
Programa Resumido
Boas práticas de manipulação Pré-formulação, estabilidade e biofarmácia Formas farmacêuticas líquidas Formas farmacêuticas semi-sólidas Formas farmacêuticas sólidas Formas farmacêuticas estéreis Formas farmacêuticas de liberação prolongada
 
Programa
PROGRAMA TEÓRICO 1. Boas Práticas de Manipulação 2. Biofarmácia 3. Pré-formulação 4. Estabilidade de medicamentos 5. Formas farmacêuticas líquidas: soluções orais e de uso externo 6. Formas farmacêuticas líquidas: suspensões 7. Formas farmacêuticas plásticas: óvulos e supositórios 8. Formas farmacêuticas plásticas: géis, cremes, loções, pomadas e pastas 9. Formas farmacêuticas sólidas: pós e granulados 10. Formas farmacêuticas sólidas: cápsulas 11. Formas farmacêuticas sólidas: comprimidos e comprimidos revestidos 12. Formas farmacêuticas estéreis: injetáveis e colírios 13. Formas farmacêuticas de liberação prolongada PROGRAMA PRÁTICO Aulas práticas envolvendo as seguintes preparações: Formas farmacêuticas líquidas: soluções orais e de uso externo Formas farmacêuticas líquidas: suspensões Formas farmacêuticas plásticas: géis, cremes, loções, pomadas e pastas Forrmas farmacêuticas plásticas: óvulos e supositórios Formas farmacêuticas sólidas: pós e granulados Formas farmacêuticas sólidas: cápsulas Formas farmacêuticas sólidas: comprimidos e comprimidos revestidos
 
Avaliação
 
      Método
      1) Método de Ensino: A disciplina é ministrada sob a forma de aulas teóricas interativas, aulas práticas e aulas de estudo complementar. As aulas práticas tem o objetivo de aplicar os conceitos teóricos, nas quais os alunos devem preparar formulações estudadas. No estudo complementar os alunos são estimulados a resolver exercícios, estudar assuntos em grupo e discutir os temas abordados em aula teórica. Nas aulas de estudo complementar também são realizadas dinâmicas, apresentações de filmes, demonstrações de experimentos e os alunos são avaliados quanto a sua participação. 2) Método de Avaliação: Os alunos são avaliados ao longo das aulas teóricas e atividades complementares mediante a aplicação de testes, provas ou questões sobre o assunto ministrado, de modo individual ou em grupo. Nas aulas práticas a avaliação é baseada na frequência, assiduidade e participação no preparo das formulações propostas.
 
      Critério
      Critério (pesos, cálculo de média, frequência mínima): A média final da disciplina será constituída pela soma de: Média das avaliações teóricas X 0,7; média das atividades complementares X 0,2 e avaliação das aulas práticas X 0,1. Observação: No caso das avaliações teóricas, serão descartadas as duas piores notas e para as avaliações das atividades complementares, será desconsiderada a pior nota. Será aprovado o aluno que obtiver nota média superior ou igual a 5,0 e frequência mínima de 70%.
 
      Norma de Recuperação
      Os alunos com frequência mínima de 70% e nota média de 3,0 a 4,9 poderão fazer uma prova escrita sobre o conteúdo teórico e prático da disciplina, no período determinado pelo Calendário Escolar da USP.
 
Bibliografia
BIBLIOGRAFIA BASICA: CONSIGLIERE DE MATTA, V.O., BATISTUZZO, J.A.O. Farmacotécnica – Helou, Cimino e Daffre. 2 ed. Rio de Janeiro: Atheneu, 2021. 477 p. AULTON, M.E. Delineamento de formas farmacêuticas. 2 ed. Porto Alegre: Artmed, 2005. 677 p. REMINGTON. The Science and practice of pharmacy. 23st ed. Philadelphia: Williams & Wilkins, 2020. BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR: ANSEL, H. C., STOKLOSA, M. J. Cálculos farmacêuticos. 12 ed. Porto Alegre: Artmed, 2008. 451p. The MERCK INDEX. An encyclopedia of chemicals, drugs, and biologicals. 15th ed. Cambridge: UK Royal Society of Chemistry, 2013. HANDBOOK of pharmaceutical excipients. 7th ed.London: Pharmaceutical Press, 2012. 1033 p.
 
Requisitos
Os Requisitos variam conforme o curso para o qual ela é oferecida.

Clique para consultar o oferecimento para FBF0341.

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2022 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP