Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Faculdade de Saúde Pública e Faculdade de Ciências Farmacêuticas
 
Disciplinas interunidades FSP/FCF
 
Disciplina: 1020001 - Epidemiologia e Farmacoepidemiologia
Epidemiology and Pharmacoepidemiology

Créditos Aula: 3
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 45 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2020 Desativação:

Objetivos
Desenvolver a habilidade de compreender e discutir o raciocínio epidemiológico e capacitar o aluno a enfrentar e resolver problemas relacionados ao processo de utilização de medicamentos pela população, com vistas à promoção do seu uso seguro e racional.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
775033 - Jose Leopoldo Ferreira Antunes
7365528 - Patricia Melo Aguiar
3304071 - Tatiana Natasha Toporcov
 
Programa Resumido
Conceito saúde-doença; história natural das doenças e níveis de prevenção. Farmacoepidemiologia. Métodos de investigação epidemiológica, com abordagem da epidemiologia descritiva, formulação e teste de hipóteses. Desenhos de estudos observacionais, experimentais e clínico laboratoriais. Estudos de Utilização de Medicamentos. Farmacovigilância.
 
 
 
Programa
Conteúdo Teórico:

1.	Introdução à epidemiologia 
2.	História natural da doença e níveis de prevenção 
3.	Medidas de ocorrência de eventos em saúde 
4.	Transição demográfica e epidemiológica 
5.	Epidemiologia das Doenças Transmissíveis e Doenças Crônicas 
6.	Métodos epidemiológicos aplicados aos estudos de utilização de medicamentos: Relato e Séries de casos. Estudos transversais, ecológicos, caso-controle e coortes. Ensaios clínicos controlados randomizados
7.	Medidas de efeito e medidas de associação 
8.	Validade de testes diagnósticos.
9.	Farmacovigilância: Situação no Brasil. Sistemas de notificação de eventos adversos a medicamentos. Segurança do Paciente. Erros de medicação.
10.	Estudos de Utilização de medicamentos: Classificação de medicamentos (Classificação Anatomical Therapeutic Chemical – ATC; Dose diária definida – DDD). Estudos de utilização de medicamentos por grupos populacionais específicos (gestante, idosos, crianças). Estudos sobre adesão à terapia medicamentosa. Estudos sobre automedicação. 
 
 
 
Avaliação
     
Método
1) Método de Ensino: aulas expositivas dialogadas, discussão de casos, exercícios, seminários. 2) Método de Avaliação: duas provas escritas e apresentação de um seminário. Provas peso 2 e seminário peso 1.
Critério
Nota final igual ou superior a 5,0 (cinco) e frequência mínima de 70%.
Norma de Recuperação
Prova escrita sobre todo o programa para alunos com nota final de 3,0 a 4,9 e frequência mínima de 70%.
 
Bibliografia
     
BÁSICA:
BONITA R et al. Epidemiologia Básica. 4ª ed. São Paulo: Livraria Santos, 2010, 232p.
OSÓRIO DE CASTRO CGS. Estudos de Utilização de Medicamentos. Noções Básicas. Rio de Janeiro: Editora FIOCRUZ; 2002, 192p.
COBERT B. Cobert´s Manual of drug safety and pharmacovigilance. 2ª ed. Jones & Bartlett Learning, 2011, 408p.
GORDIS L. Epidemiology. 5ª ed. Elsevier. 2014, 392p.
STROM BL et al. Textbook of Pharmacoepidemiology. 2ª ed. Wiley-Blackwell, 2013, 480p.

COMPLEMENTAR:
MARQUES LFG et al. Segurança do Paciente no Uso de Medicamentos. Pharmabooks, 2015, 141p.
MEDRONHO RA e cols. Epidemiologia. 2ª ed. São Paulo: Editora Atheneu, 2009, 676p.
STORPIRTIS S. et al. Farmácia Clínica e Atenção Farmacêutica. Guanabara-Koogan, 2007 p. 37-45.
WORLD HEALTH ORGANIZATION. The importance of Pharmacovigilance. Safety Monitoring of Medicinal Products. Geneva; 2002.
 

Clique para consultar os requisitos para 1020001

Clique para consultar o oferecimento para 1020001

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2022 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP