Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Instituto de Psicologia
 
Disciplinas Interdepartamentais do Instituto de Psicologia
 
Disciplina: 4701280 - A Diversidade do Conhecimento em Psicologia: Aspectos Históricos e Epistemológicos.
Diversity of knowledge in Psychologie: historical and epistemological aspects

Créditos Aula: 3
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 75 h
Tipo: Semestral
Ativação: 15/07/2016 Desativação:

Objetivos
O objetivo central desta disciplina é oferecer aos alunos um contato sistemático com as teorias desenvolvidas pelas principais correntes da Psicologia, por meio dos eixos epistemológicos e socioculturais nos quais se organizam. A característica da Psicologia como um espaço de dispersão e sua constante esperança de reunificação será enfocada a partir do lugar da Psicologia no plano da ética e de seu lugar entre as diferentes ciências.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
3463419 - Danilo Silva Guimarães
2142872 - Nelson Ernesto Coelho Junior
 
Programa Resumido
A disciplina propõe o estudo da história das ideias e práticas psicológicas a partir da concepção de matrizes do pensamento psicológico. A proposta central é discutir a posição do saber e das práticas em psicologia, situados entre a ordem dos fenômenos vitais (e suas leis) e a ordem dos fenômenos expressivos (e seus sentidos). Propõe também o estudo da psicologia como um espaço de dispersão e a consequente esperança constante de projetos de reunificação. Para isso, as diferentes teorias e práticas psicológicas são enfocadas a partir do lugar da psicologia no plano da ética e de sua posição entre as diferentes ciências.
 
 
 
Programa
1 - O lugar das psicologias no plano da ética: (cinco primeiras semanas) - O lugar da Psicologia entre as diferentes ciências. - Atividades para avaliação: Uma prova e três breves exercícios escritos a partir de discussões em grupo 2 - As Matrizes do Pensamento Psicológico: (dez últimas semanas) a) Matriz nomotética e quantificadora b) Matriz atomicista e mecanicista c) Matriz funcionalista e organicista d) Matriz vitalista e naturista e) Matrizes compreensivas: - O Historicismo Idiográfico - Os Estruturalismos f) Matriz fenomenológica e existencialista - Atividades para avaliação: Uma prova e sete seminários
 
 
 
Avaliação
     
Método
Duas provas, seminário e pequenos exercícios escritos em grupo. A aprendizagem será avaliada mediante a verificação de leituras, da participação das discussões em grupo e dos seminários e verificação de aproveitamento nas provas e exercícios escritos.
Critério
1- assistir às aulas expositivas; 2- participar das discussões de grupo e realizar seminários e exercícios escritos; 3- realizar leituras; 4- submeter-se a provas
Norma de Recuperação
Os alunos com notas entre 3,0 e 4,9 e ao menos 70% de presença deverão fazer a recuperação por meio de uma prova extra.
 
Bibliografia
     
COELHO JUNIOR, N. (1996) “A Identidade (em crise) do Psicólogo”, Cadernos de Subjetividade, vol. 4, n. 1e 2. Pp.302-314. COELHO JUNIOR, N. (2007) “Ética e Técnica em Psicologia: Narciso e o avesso do espelho” Revista do Departamento de Psicologia da UFF. Vol. 19. N. 2 , pp.477-500. Figueiredo, L.C. (1991) Matrizes do Pensamento Psicológico, Petrópolis: Vozes. Figueiredo, L. C. (1996) Revisitando as Psicologias, Petrópolis e São Paulo: Vozes - Educ, 2ª Edição. Bibliografia Recomendada: Herrstein, R. J., e Boring, E.G.(1971) Textos Básicos da História da Psicologia, São Paulo: Herder-Usp. Heidbreder, E. (1969) Psicologias do século XX, São Paulo, Mestre Jou. Schultz, D. História da Psicologia Contemporânea, São Paulo, Cultrix.
 

Clique para consultar os requisitos para 4701280

Clique para consultar o oferecimento para 4701280

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2021 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP