Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
 
Biologia
 
Disciplina: 5920975 - Fisiologia Comparativa I
Comparative Physiology I

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 90 h ( Práticas como Componentes Curriculares = 20 h )
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2018 Desativação:

Objetivos
GERAL: Transmitir aos alunos noções fundamentais de fisiologia animal, usando abordagem mecanicista enfatizando o estudo do mecanismo, evolutiva enfatizando o estudo das origens evolutivas, comparativa enfatizando o estudo sintético da função de todos os animais, e ecológica enfatizando nas respostas fisiológicas às condições ambientais. ESPECÍFICOS: Permitir que o aluno possa apreciar a existência de mecanismos tanto gerais quanto específicos que constituem a base da evolução animal e da adaptação em termos de fisiologia animal, particularmente relacionada aos princípios físicos e químicos aplicados aos seres vivos, à relação entre estrutura e função, à evolução como princípio organizador, e aos mecanismos de regulação da homeostase corpórea voltados à respiração, circulação, metabolismo energético, digestão e osmorregulação. Para contemplar atividades relevantes para a formação docente, nesta disciplina são desenvolvidos os aspectos estruturais e funcionais da respiração em peixes, aspectos estruturais e funcionais da respiração em tetrápodos, medição da taxa metabólica, medição de volumes pulmonares, características morfológicas e propriedades funcionais do sistema digestivo, propriedades de corações miogênicos, hemodinâmica, e efeitos da temperatura sobre a atividade em insetos.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
3046491 - Tiana Kohlsdorf
5819990 - Wilfried Klein
 
Programa Resumido
Apresentação dos mecanismos e das estruturas responsáveis pelas trocas gasosas com o ambiente. Apresentação dos mecanismos e das estruturas responsáveis pela obtenção e pelo processamento dos alimentos. Descrição dos sistemas de circulação e o papel dos líquidos internos no transporte de materiais no organismo. Conhecimento dos mecanismos de excreção e regulação hidrossalina. Apresentação dos processos energéticos envolvidos no metabolismo animal e os fatores que os influenciam. Compreensão de como um organismo mantém a homeostase corpórea frente aos diversos processos fisiológicos.
 
 
 
Programa
• Propriedades físico-químicas da água e dos gases. • Evolução das estruturas respiratórias e seus aspectos morfológicos e funcionais. • Papel dos sistemas tegumentar, branquial, pulmonar e traqueal. • Regulação da respiração nos meios aéreos e aquáticos. • Funções respiratórias do sangue: tipos e distribuição dos pigmentos respiratórios. • Aspectos bioquímicos dos pigmentos respiratórios no transporte de oxigênio e de gás carbônico. • Aspectos comparativos das células sanguíneas, da hemostase e da coagulação. • Aspectos morfológicos e funcionais dos corações. • Aspectos funcionais das circulações abertas e fechadas. • Hemodinâmica • Regulação dos sistemas cardiovasculares. • Conceitos básicos do metabolismo energético. • Conceitos básicos da temperatura corporal. • Movimento passivo e transporte ativo pela membrana celular • Transporte epitelial • Regulação osmótica e iônica • O rim do mamífero como órgão osmorregulatório • Os rins de vertebrados não-mamíferos. • Órgãos osmorregulatórios extra-renais dos vertebrados • Estratégias alimentares: captura e ingestão. • Digestão nos invertebrados e vertebrados. • Os diferentes nutrientes e sua digestão química. Digestão intracelular versus digestão extracelular. • Estrutura geral e função do sistema gastrointestinal dos vertebrados • Controle nervoso e endócrino ao longo do sistema gastrointestinal • O sistema digestório e considerações evolutivas
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aula teórica, aula prática, exercícios teórico-práticos e apresentação de painel.
Critério
O aluno terá 2 notas: 1) Nota de exercícios teórico-prático (ETP) e/ou nota de relatório(s) de aula prática (RP) e/ou nota de elaboração e apresentação de painel (PAI) - Peso 3; 2) Nota referente a duas provas parciais (Pp1 e Pp2) sobre toda a matéria. A nota de desempenho em provas parciais terá peso 7. Média final = ([ETP+RP+PAI) x 3) + (Média Pp x 7)/10
Norma de Recuperação
Uma prova (teórico-prática) envolvendo toda a matéria lecionada no transcorrer do semestre letivo. Realização: data a ser definida de acordo com o calendário escolar.
 
Bibliografia
     
• Aires, M., de Melo, 1999. Fisiologia, Editora Guanabara Koogan, Rio de Janeiro, Brasil. • Brusca, R. C., Brusca, G.J. (2007). Invertebrados. Rio de Janeiro, Guanabara Koogan. • Costanzo, L.S., 1999 - Fisiologia. Editora Guanabara Koogan S/A, 191 pp. • Ganong, W. F. (2003). Review of Medical Physiology. New York, McGraw-Hill. • Guyton, A. C., Hall, J.E. (2006). Tratado de Fisiologia Medica. Rio de Janeiro, Brasil, Elsevier Editora Ltda. • Hildebrand, M., Goslow Jr., G.E. (2006). Análise da estrutura dos vertebrados. São Paulo, Brazil, Atheneu Editora. • Hill, R. W., Wyse, G.A., Anderson, M. (2012). Fisiologia Animal. Porto Alegre, ARTMED. • Hoar, W.S. General and Comparative Physiology. Englewood Cliffs, Prentice-Hall, Inc., 1983. • Kardong, K.V. (2011). Vertebrados - Anatomia comparada, função e evolução. São Paulo, Editora Roca. • Malnic, O. & Marcondes, M., 1969. Fisiologia Renal, Editora Edart, São Paulo, Brasil. • Mountcastle, V.B., 1993. Fisiologia Médica, Editora Guanabara Koogan, Rio de Janeiro, Brasil. • Pough, F.H., Janis, C.M., Heiser, J.B. (2006). A vida dos Vertebrados, 4. Ed., São Paulo, Atheneu Editora São Paulo. • Prosser, C.L., 1991. Comparative Animal Physiology, Vol. 1, Neural and integrative animal physiology; Vol. 2, Environmental and metabolic animal physiology, 4th Edition, Wiley-Liss Inc., New York, NY. • Randall, D., Burggren, W., French, K. Eckert Animal Physiology: Mechanisms and Adaptations. New York, Freeman and Company, 1997. • Schmidt-Nielsen, K. Fisiologia Animal: Adaptação e Meio Ambiente, São Paulo, Santos Livraria Editora, 2002. • Schmidt-Rhaesa, A. (2007). The Evolution of Organ Systems. Oxford University Press. • Willmer, P., Stone, G., Johnston, I. (2005). Environmental physiology of animals. Oxford, England, Blackwell Publishing • Withers, P.C. (1992). Comparative animal physiology. Fort Worth, Saunders College Publishing. • Wood, D.W. Princípios de Fisiologia Animal, São Paulo, Editora Polígono - Editora da Universidade de São Paulo, 1973.
 

Clique para consultar os requisitos para 5920975

Clique para consultar o oferecimento para 5920975

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2022 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP