Informa??es da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
 
Psicologia
 
Disciplina: 5940624 - Metodologias de Pesquisa em Psicologia
RESEARCH METHODOLOGIES IN PSYCHOLOGY

Créditos Aula: 3
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 75 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2018 Desativação:

Objetivos
Gerais: Discutir criticamente os conceitos de ciência, de método científico, conhecimento científico, e das estratégias de coleta de dados (estratégias experimental, observacional e indireta) em Psicologia. Específicos: Os alunos deverão, no final da disciplina, ser capazes de: - Conceituar ciência (e a Psicologia como tal), identificando suas funções, e estabelecer as diferenças entre o conhecimento científico e outras formas de conhecimento. - Caracterizar a estratégia experimental, definindo-a e especificando as suas particularidades (tipos de delineamento, controle de variáveis, seu uso e suas limitações). - Caracterizar a estratégia observacional, definindo-a e especificando seus limites em termos de fidedignidade e validade dos dados. - Caracterizar a estratégia indireta, definindo-a e especificando todas suas particularidades. - Caracterizar estratégias qualitativas de pesquisa, definindo-a e especificando sua utilização e seus limites. - Discutir o uso dos diferentes tipos de estratégia em função do problema a ser estudado, estabelecendo limites para cada um e a adequação das estratégias em função da área de pesquisa. - Problematizar e discutir a prática baseada em evidências na Psicologia.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
3266847 - Andreia Schmidt
 
Programa Resumido
A disciplina discute a inserção da Psicologia no campo científico e as principais estratégias metodológicas empregadas na produção de conhecimento em diferentes campos da disciplina.
 
 
 
Programa
Unidade I - Ciência e Método Científico a) Definição de conhecimento cientifico b) Visões de Ciência c) Objetivos da ciência d) Atitudes científicas e) A Psicologia enquanto ciência Unidade II - Estratégia Experimental a) Problemas - Objetivos e hipóteses b) Plano experimental- variáveis dependentes e independentes- controle de variáveis. c) Delineamentos experimentais d) A Psicologia enquanto ciência experimental Unidade III - Estratégia Observacional a) Enfoques básicos de Metodologia Observacional - etológico, ecológico, experimental. b) Problemas e soluções da Metodologia Observacional: interferência, intervenção, edição, seleção, fidedignidade, validade, técnica de registro e de análise de dados, escolha de ambientes e situações. c) A Psicologia enquanto ciência observacional. Unidade IV - Estratégias Indiretas a) Entrevistas, questionários, formulários b) Problemas e soluções dentro das Estratégias Indiretas - Vários enfoques c) Áreas de Pesquisa e o uso de Estratégias Indiretas. Unidade V – Pesquisa qualitativa a) Pesquisa qualitativa e pesquisa quantitativa b) Principais pressupostos e diferentes enfoques
 
 
 
Avaliação
     
Método
- Aulas expositivas - Leitura e discussão de textos e de artigos científicos - Exercícios em classe Atividades discentes: - Leitura e discussão dos textos propostos - Discussão em grupo de artigos de pesquisa, identificando as estratégias de investigação empregadas e analisando criticamente os resultados apresentados.
Critério
- Média aritmética de duas provas escritas individuais cobrindo a parte teórica da disciplina (Peso 2 para cada prova): - Média de trabalhos escritos e seminários (Peso 1) A nota final será uma média ponderada, de acordo com os pesos de cada atividade.
Norma de Recuperação
A recuperação será realizada por meio de prova escrita
 
Bibliografia
     
Bachrach, A. J. (1969). Introdução à pesquisa psicológica. São Paulo: Herder. Breakwell, S. M., Hammond, S., Fife-Schaw, C., & Smith, J. A. (2010). Métodos de pesquisa em Psicologia. Porto Alegre: Artmed. Cozby, P.C. (2003). Métodos de pesquisa em ciências do comportamento. São Paulo: Atlas. Dessen, M.A.; Murta, S.G. (1997). A metodologia observacional na pesquisa em Psicologia: Uma visão crítica. Cadernos de Psicologia, 1, 47-60. Leonardi, J. L., & Meyer, S. B. (2015). Prática baseada em evidências em Psicologia e a história da busca pelas provas empíricas da eficácia das psicoterapias. Psicologia: Ciência e Profissão, 35(4), 1139-1156. McGuigan, F. J. (1975). Psicologia experimental – enfoque metodológico. México: Trillas. Pereira, J.C.R. (2001). Análise de dados qualitativos: estratégias metodológicas para as Ciências da Saúde, Humanas e Sociais. São Paulo: EDUSP.
 

Clique para consultar os requisitos para 5940624

Clique para consultar o oferecimento para 5940624

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2019 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP