Informa??es da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
 
Psicologia
 
Disciplina: 5940656 - Teorias e Práticas em Psicologia Clínica: Melanie Klein, Bion e Winnicott
THEORIES AND PRACTICES IN CLINICAL PSYCHOLOGY: MELANIE KLEIN, BION AND WINNICOTT

Créditos Aula: 3
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 75 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2018 Desativação:

Objetivos
Geral: Propiciar condições para que o aluno apreenda o modelo teórico psicanalítico como uma forma de interpretar o universo humano e como estudo da personalidade, reconhecendo as concepções iniciais e contemporâneas dos modelos abordados. Específicos: Os modelos apresentados deverão ser reconhecidos como uma expressão de concepção de ser humano e como um conjunto de conhecimentos sobre a estrutura, desenvolvimento e dinâmica da personalidade. Eles devem ser compreendidos como um dos vértices de abordagem dos processos de saúde mental, e como um referencial cujos pressupostos determinam um modo de compreensão, avaliação e atuação específico nessa área da Psicologia.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
53802 - Manoel Antonio dos Santos
 
Programa Resumido
Estudo do modelo teórico psicanalítico como um vértice de concepção, análise e interpretação do universo humano, enfatizando os aspectos de desenvolvimento, estrutura e dinâmica da personalidade.
 
 
 
Programa
Unidade I – Melanie Klein Os pressupostos de Klein. Fantasia inconsciente. Desenvolvimento da personalidade. Posição Esquizoparanóide. Posição Depressiva. Psicopatologia das posições: - Inveja - Defesas maníacas Estágios primitivos do conflito edípico. Processo de formação simbólica. Pensamento e criatividade artística Unidade II – Bion A teoria psicanalítica em Bion. O trabalho com grupos. Psicoses. Parte Psicótica e Não-Psicótica da Personalidade. A teoria do pensamento. Teoria do conhecimento. Unidade III – Winnicott Teoria e técnica em Winnicott. A teoria do processo de amadurecimento. A teoria da técnica em Winnicott. O desenvolvimento emocional primitivo. Objetos e fenômenos transicionais. Psicoses e cuidados maternos. Distorção do ego em termos de Falso e Verdadeiro Self.
 
 
 
Avaliação
     
Método
- Exposição teórica de aspectos principais do tema abordado. - Estudo dirigido, com coordenação de discussão dos textos com os alunos. - Orientação dos trabalhos de acordo com os temas escolhidos pelos alunos. - Seminários preparados pelos alunos. Atividades discentes: - Seminários sobre tópicos da disciplina - Leitura e discussão em sala de aula sobre os temas estudados. - Elaboração de questões escritas sobre os temas estudados em cada aula. - Elaboração de trabalho escrito individual e realização de prova escrita.
Critério
A nota final será composta pela média ponderada das provas escritas individuais (Peso 2), a nota dos trabalhos escritos (Peso 1), e a nota das perguntas sobre cada um dos temas estudados, com reflexão pessoal sobre a concepção de personalidade proposta por cada um dos modelos estudados (Peso 1).
Norma de Recuperação
Realização de uma prova escrita e/ou prova oral, síntese de leituras e seminários sobre o conteúdo da disciplina, no prazo previsto para essa realização. Os alunos que necessitarem dessa alternativa para cumprir os critérios de aprovação na disciplina devem procurar o docente responsável para definição das atividades.
 
Bibliografia
     
Avellar, L. Z. (2004). Jogando na análise de crianças. São Paulo: Casa do Psicólogo. Bléandonu, G. (1990). Wilfred R. Bion: A vida e a obra. Rio de Janeiro: Imago. Brenner, C. (1987). Noções básicas de psicanálise. Rio de Janeiro: Imago. Cintra, E. M. U. & Figueiredo, L. C. (2004). Melanie Klein: Estilo e pensamento. São Paulo: Escuta. Grinberg, L. e col. (1973). Introdução às idéias de Bion, Rio de Janeiro: Imago. Hinshelwood, R. D. (1992). Dicionário do pensamento kleiniano. Porto Alegre: Artes Médicas. Klein, M. (1991). Inveja e gratidão e outros trabalhos (1946-1963). Coord. Rocha, E. M. e Chaves, Liana P. R. (Orgs.). Rio de Janeiro: Imago. Klein, M. (1991). Amor, culpa e reparação e outros trabalhos (1921-1945). Coord. Rocha, E. M. e Chaves, Liana P. Rio de Janeiro: Imago. Laplanche, J., & Pontalis, J-B. (1986). Vocabulário de Psicanálise. São Paulo: Martins Fontes. Roudinesco, E. & Plon, M. (1998). Dicionário de Psicanálise. Rio de Janeiro: Zahar. Segal, H. (1975). Introdução à obra de Melanie Klein. Rio de Janeiro: Imago. Segal, H. (1982). A obra de Hanna Segal. Rio de Janeiro: Imago. Segal, H. (1975). Introdução à obra de Melanie Klein. Rio de Janeiro: Imago. Zimerman, D. E. (1995). Fundamentos da técnica psicanalítica. Porto Alegre: Artes Médicas. Zimerman, D. E. (1995). Bion: Da teoria à prática. Porto Alegre: Artes Médicas. Winnicott, D. W. (2000). Da pediatria à psicanálise: Obras escolhidas. Rio de Janeiro: Imago. Winnicott, D. W. (1963). O ambiente e os processos de maturação. Porto Alegre: Artes Médicas.
 

Clique para consultar os requisitos para 5940656

Clique para consultar o oferecimento para 5940656

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2019 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP