Informa??es da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
 
Psicologia
 
Disciplina: 5940658 - Psicologia e Deficiência
PSYCHOLOGY AND DISABILITIES

Créditos Aula: 3
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 75 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2018 Desativação:

Objetivos
Geral: Caracterizar os principais tipos de excepcionalidade, bem como as diferentes formas de atuação do psicólogo frente as mesmas. Específicos: Mostrar a complexidade dos diferentes tipos de excepcionalidade como resultado da interação dos diversos fatores biopsicossociais. Discutir suas etiologias, formas de classificação, diagnóstico diferencial e possibilidades de Intervenção. Mostrar a importância da Educação especial, bem como a Intervenção Precoce nos problemas de atrasos do desenvolvimento infantil. Discutir a necessidade de trabalho em nível preventivo junto a populações em risco de apresentar atrasos no desenvolvimento infantil e/ou qualquer tipo de deficiência.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
93850 - Eucia Beatriz Lopes Petean
 
Programa Resumido
Caracterizar os principais tipos de deficiência e as diferentes formas de atuação do psicólogo frente a cada uma delas. Discutir suas etiologias, formas de classificação, diagnóstico diferencial e possibilidades de Intervenção. Discutir o Impacto deste diagnostico nas famílias
 
 
 
Programa
I. Caracterização da Excepcionalidade - Desvio, estigma e Identidade Social - Considerações Psicológicas e sociais básicas II. Tipos de Excepcionalidade - Caracterização, formas de identificação, avaliação principais classificações e objetivos centrais na intervenção psicológicas dos seguintes tipos de excepcionalidade: II.a. Deficiência Auditiva II.b. Deficiência Intelectual II.c. Deficiência Visual II.d. Deficiência física II.e. Superdotad/Talentoso III. Diagnóstico Psicológico das Deficiências - Avaliação através: de testes de inteligência - Escolas normativas e Inventários de Desenvolvimento Infantil - Medidas referentes e critérios - Avaliação do comportamento adaptativo - Viéses da avaliação psicológica IV. A Família e a deficiência - Reações das famílias frente ao diagnostico - A dinâmica familiar - Organização da família e desenvolvimento de estratégias de atuação VI. Integração Social do Deficiente - O meio ambiente: Ajustamento, emprego e atitudes sociais - Tendências atuais sobre o movimento educacional para a integração do deficiente - A pessoa excepcional, o trabalho VII. Politicas Publicas - Politicas publicas de saúde no âmbito federal, estadual e municipal para saúde e educação VIII. Prevenção da D.M. e dos atrasos do Desenvolvimento Infantil - Aspectos gerais da Prevenção - Detecção e Intervenção - A prevenção através do conhecimento dos fatores que colocam o desenvolvimento em riscos de atrasos e de deficiência.
 
 
 
Avaliação
     
Método
1. Aulas expositivas 2. Discussão em classe de textos sobre os diferentes temas propostos 3. Discussão dos seminários apresentados 11) Atividades Discentes: 1. Assistir aulas expositivas e seminários 2. Pesquisa bibliográfica e preparação de seminários 3. Participação nas discussões referentes às aulas expositivas e apresentações de seminários.
Critério
- 1 prova escrita - peso 2 - Trabalho escrito - peso 1 - Média Ponderada
Norma de Recuperação
Não será oferecida recuperação em função da natureza das atividades, nas quais os alunos tiveram nota prova e trabalho prático no decorrer do curso.
 
Bibliografia
     
Amaral,L.A. (1995). Conhecendo a Deficiência em Companhia de Hércules. São Paulo: Ed.Robe. Amaral,L.A. (1998). Sobre crocodilos e avestruzes: falando de diferenças físicas, preconceitos e sua superação. In Diferenças E Preconceitos Na Escola: Alternativas teóricas e Práticas. Julio Groppa Aquino (org.) São Paulo Summus Editorial. American Psychiatric Association (2014). Manual Diagnostico e Estatístico de Transtornos Mentais ( DSM-5). 5ªed. Porto Alegre: Artmed. Batshaw,M.L., & Perret. (1990). Criança com Deficiência: uma Orientação Médica. São Paulo: Santos-Maltase. Figueira, E. (2010). Aspectos e Mecanismos Sociais que Envolvem as Pessoas com Deficiência. Planeta. Goffman, E. (1982). Estigma: Notas sobre a manipulação da identidade deteriorada. Rio de Janeiro: Zahar Editores. Telford, C. W., & Sawrey, J. M. (1979). O indivíduo Excepcional. Rio de Janeiro: Zahar Editores.
 

Clique para consultar os requisitos para 5940658

Clique para consultar o oferecimento para 5940658

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2019 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP