Informa??es da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
 
Educação, Informação e Comunicação
 
Disciplina: 5961095 - Teorias do Currículo
Currículum Theories

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 90 h ( Práticas como Componentes Curriculares = 20 h )
Tipo: Semestral
Ativação: 15/07/2014 Desativação:

Objetivos
a) Geral
Possibilitar aos futuros professores (pedagogos) o contato com um corpo organizado de ideias que subsidiam e justificam o processo e o desenvolvimento do campo do currículo na educação básica.
b) Específicos
• Analisar criticamente a teoria e a história do currículo.
Contextualizar e discutir as diferentes concepções curriculares da escola básica.
• Compreender o ensino na escola e a complexidade dos fenômenos educativos.
• Analisar a ordenação geral do currículo na escola, no âmbito político e macroorganizativo, o projeto pedagógico da escola e o papel dos professores no desenvolvimento do currículo.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
2917757 - Noeli Prestes Padilha Rivas
 
Programa Resumido
Análise critica da teoria e a história do currículo, contextualização e discussão das diferentes concepções curriculares e análise da ordenação geral do currículo na educação básica.
 
 
 
Programa
A historicidade do currículo: epistemologia
O conceito do currículo escolar, a história das disciplinas escolares e as tendências curriculares no Brasil.
Currículo, cultura e sociedade:
A teoria crítica do currículo, a política do conhecimento oficial, a cultura popular e a pedagogia radical crítica; a dupla determinação: escolarização e cultura; o currículo do Curso de Pedagogia.
Os currículos da educação básica:
Os parâmetros Curriculares como referência para o Currículo Nacional; o currículo do Ensino Fundamental e Médio. O currículo da Educação Infantil. A educação de jovens e adultos. O currículo das demais modalidades da educação.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas expositivas, discussões de textos, estudo dirigido, seminários, filmes, análise de relatórios dos temas investigados, acompanhamento na escola, de atividades relacionadas ao desenvolvimento do currículo na escola básica.
Critério
1) Prova escrita - valor 30%
2) Relatórios individuais sobre os temas dos seminários, trabalhos de classe e exercícios - 40%
3) Trabalho final: 30
Norma de Recuperação
1. A recuperação procurará ocorrer durante todo o processo.
2. Se isto não for possível, o professor poderá solicitar ao aluno a complementação de atividades, uma prova escrita e/ou síntese de leitura e/ou trabalho escrito sobre o conteúdo da disciplina.
 
Bibliografia
     
APPLE, Michael. Para além da lógica do mercado: compreendendo e opondo-se ao neoliberalismo. Rio de Janeiro: DP&A, 2005.
APPLE, M.W; BURAS, K. Currículo, poder e lutas educacionais: com a palavra, os subalternos. Porto Alegre: ARTMED, 2008.
ARROYO, M. G. Currículo, território em disputa. Petrópolis, RJ: Vozes, 2011.
ARROYO, M.G. Imagens Quebradas: Trajetórias e tempos de alunos e mestres. 2ª edição, Vozes.Petrópolis, RJ, 2004.
BALL, S.J; MAINARDES J. (Orgs). Políticas educacionais: questões e dilemas. São Paulo: Cortez Editora, 2011.
BERNSTEIN, B. A estruturação do discurso pedagógico, classe, códigos e controle. Petrópolis: Vozes, 1996.
BOURDIEU, P. Razões Práticas: sobre a teoria da ação. Papirus. Campinas, SP, 1997.
CHERVEL, A. História das disciplinas escolares: reflexões sobre um campo de pesquisa. Teoria e Educação, Porto Alegre, Pannonica, nº2, p.177-229.
GIMENO SACRISTÁN, J. O Currículo. Porto Alegre: ARTMED, 1998.
GIMENO SACRISTÁN, J. A educação que ainda é possível: ensaios sobre uma cultura para a educação. Porto Alegre: ARTMED, 2007.
GOODSON, I.F. Currículo: Teoria e História. Petrópolis, Vozes, 2005.
GIROUX, Henry A. Rumo a uma nova sociologia do currículo. In: GIROUX, Henry A. Os professores como intelectuais. Porto Alegre: Artmed, 1997.
LIBÂNEO, José Carlos. A escola com que sonhamos é aquela que assegura a todos a formação cultural e científica para a vida pessoal, profissional e cidadã. In: COSTA, Maria Vorraber. A escola tem futuro? Rio de Janeiro: DP&A, 2003.
LOPES, A.C; MACEDO, E. Teorias do Currículo. São Paulo: Cortez Editora, 2011.
MORIN, Edgar. Os sete saberes necessários à Educação do Futuro. São Paulo: Cortez Editora/UNESCO, 2000.
MOREIRA, A.F. A importância do conhecimento escolar em propostas curriculares alternativas. Educação em Revista, v.45, p.265-90, 2007.
MOREIRA, A. F. B. et al. Currículo, Cotidiano e Tecnologias. Araraquara: Junqueira & Marin, 2006.
MOREIRA. Antonio Flavio. Currículo, Conhecimento e Cultura. In: MOREIRA, A.F. et al. Indagações sobre currículo. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2007.
MOREIRA, Antonio Flavio . Humanismo e Prática Docente. Texto inédito apresentado no GEPEFE/FE/USP, no mês de agosto de 2008.
MOREIRA, Antonio Flavio & MACEDO, Elizabeth Fernandes. Currículo, políticas educacionais e globalização. In: PACHECO, José Augusto. (org). Políticas de Integração Curricular. Porto, Portugal: Editora Porto, 2000.
MORGADO, J. A desconstrução curricular: um estudo exploratório. Braga, PT: Universidade do Minho, 2005.
OLIVEIRA, Inês Barbosa. Criação Curricular, autoformação e formação continuada no cotidiano escolar.In: FERRAÇO, C.E. (org). Cotidiano escolar, formação de professores (as) e currículo. São Paulo: Cortez, 2005.
PACHECO, José Augusto .Educação, Formação e Conhecimento.Porto: Porto Editora, 2014.
PACHECO, J.A Ciências da Educação e investigação. O pesadelo que é o presente. Sísifo. Revista de Ciências da Educação, 12, pp. 5-18, 2010.
PACHECO, J.A. Discursos e lugares das competências em contextos de educação e formação. Porto, Portugal: Porto Editora, 2011. (Coleção Panorama).
PEREIRA J.E. D. Formação de professores- pesquisa, representações e poder. Autêntica. Belo Horizonte, MG, 2000.
ROLDÃO, M.C. Os professores e a gestão do currículo. Porto: Editora Porto, 1999.
RIVAS, N.P.P. As reformas curriculares no processo de constituição das escolas de formação de professores no Estado do Paraná. Tese de Doutorado. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo, 2002. 293 pp.
SANTOS, L.L.C.P. História das disciplinas escolares: perspectivas de análise. Teoria e Educação, Porto Alegre, Pannonica, nº2, 2000, p.21-29.
YOUNG, M.F.D. Conhecimento e Currículo: do socioconstrutivismo ao realismo social na sociologia da educação. Porto, PT: Porto Editora, 2010.
 

Clique para consultar os requisitos para 5961095

Clique para consultar o oferecimento para 5961095

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2020 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP