Informa??es da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
 
Educação, Informação e Comunicação
 
Disciplina: 5961143 - Política Educacional e Organização da Educação Básica II
The educational policy and organization of Basic School II

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2013 Desativação:

Objetivos
Gerais:
Estudar a política educacional brasileira a partir de 1930, com ênfase no período que se inicia com a aprovação da nova Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei 9.394/96), analisando de que forma esta política se concretiza nos indicadores educacionais, referenciando-se esta análise nos pressupostos teóricos encontrados nas matrizes das Ciências Sociais e nos seus desdobramentos.
Específicos:
1. O aluno deverá ser capaz de fazer uma análise genérica, porém, substancial sobre a evolução do pensamento sociológico no que tange às questões da educação e sua relação com a estrutura social;
2. O aluno deverá ter uma noção básica dos condicionantes históricos que moldaram o atual sistema de ensino brasileiro;
3. O aluno deverá tomar contato com o contexto em que a Lei de Diretrizes e Bases (lei 9.394/96) foi gerada e suas conseqüências na estrutura do sistema educacional, visando estabelecer uma relação entre o estatuído na lei, seus condicionantes sociais, políticos e econômicos, e a realidade concreta das políticas educacionais.
4. O aluno deverá desenvolver, na parte prática da disciplina (estágio), uma pesquisa de campo que propicie uma tomada de contato com a realidade educacional da região de Ribeirão Preto.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
2106360 - Elmir de Almeida
 
Programa Resumido
Objetiva-se problematizar a organização dos Sistemas de Ensino e da Política Educacional no Brasil, o acompanhamento da sua concretização, em nível de Sistema e de unidade escolar. A Política e a gestão educacional serão debatidas, ainda, principalmente quanto aos seus princípios éticos, seu financiamento e questões referentes ao público x privado.
 
 
 
Programa
1. Organização do Sistema Escolar Brasileiro
2. Elementos Teóricos-Metodológicos para a análise de Políticas Públicas
3. Políticas para a Educação Básica
4. A Lei nº 9.394/96 (LDB) e arealidade educacional
a) contexto de aprovação da LDB
b) os princípios norteadores da LDB
c) a Educação Básica no Brasil: lei X realidade
d) a Educação Superior: lei X realidade
e) o financiamento da educação no Brasil
5. A Educação no Estado de São Paulo
a) principais características dos Sistemas de Ensino do Estado de São Paulo
b) trabalho de campo realizado em escolas da região de Ribeirão Preto.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas expositivas
- Leituras e discussões de textos
- Dramatizações/seminários
- trabalho prático de campo
Critério
- Duas Provas escritas individuais (0-10)
- Relatório do trabalho de campo (0-10)
A nota final será a média aritmética das três avaliações, sendo aprovado o aluno com média igual ou superior a cinco (5,0).
Norma de Recuperação
Realização de uma prova escrita e/ou uma prova oral, e/ou sínteses de leitura, e/ou seminários, e/ou relatório de pesquisa de campo sobre o conteúdo da disciplina, no prazo previsto pela legislação.
 
Bibliografia
     
Brzezinski, I LDB Interpretada: diversos olhares se entrecruzam. SP, Cortez, 1997.
Brandão,C.R. O que é educação. SP, Brasiliense.
Cunha,L.A.R e Góes, M. O golpe na educação. RJ; J.Zahar, 1985.
Cury, J.C.J. Educação e contradição. SP, Cortez, 1985.
Enguita, Mariano, F. A Face oculta da escola. Porto Alegre, Artes Médicas, 1989.
Fernandes, F. Educação e sociedade no Brasil. SP, Dominus, 1976.
Fletcher, Philip & Castro, Cláudio M. Os mitos, as estratégias e as prioridades para o ensino de 1º Grau. Brasília, IPEA-CNRH, 1985. (mimeo)
Freitag, B. Escola, estado e sociedade. SP, Moraes, 1980.
Gadotti, M. Concepção dialética da educação. SP, Cortez, 1986.
Gentili, P. e Silva T. (org.) Neoliberalismo, qualidade total e educação. São Paulo, Vozes, 1995.
Kuenzer, Acácia. Ensino Médio e Profissional: as políticas do Estado Neoliberal. SP, Cortez,1997.
Libâneo, J.C. Democratização da escola pública. SP, Loyola, 1986.
Martins, C.B. Privatização : A política do Estado autoritário para o ensino superior. Cadernos CEDES, SP, Cortez Ed., 5: 43-61, 1987.
Melchior, J.C.A. O financiamento da educação. SP, EPU, 1989.
Monlevade, J. O financiamento da Educação na Constituição Federal e na LDB. In o ensino de 1º Grau. Brasília, IPEA-CNRH, 1985. (mimeo)
Penna, L.A. Uma história da república. RJ, Nova Fronteira, 1989.
Piletti,N. Ensino de 2o grau : Educ. Geral, ou Prof. E.P.U. 1988.
Pinto, J.M.R A quem interessa a municipalização do ensino fundamental? In Revista ANDE 12 (19) 51:59, 1993.
Pucci, Bruno (org.). Teoria Crítica e Educação. SP, Vozes-Ed. da UFSCAR, 1995.
Rama, L.M.J.S. Legislação do ensino. E.P.U.-EDUSP, 1987.
Ribeiro, M.L. História da educação brasileira. SP, Cortez,1979.
Romanelli, O. História da educação no Brasil. SP, Vozes, 1981.
Sanfelice, José L. Movimento estudantil: A UNE na resistência ao golpe de 64. São Paulo, Cortez, 1986.
Santana, Vanya. Ciência e Sociedade no Brasil. SP, Cortez, 1987.
Saviani, D. Política e educação no Brasil. SP, Cortez, 1986.
Saviani, D. A nova lei da Educação. São Paulo, Autores Associados, 1997.
Tragtenberg, M. Sobre educação, política e sindicalismo. Cortez.
 

Clique para consultar os requisitos para 5961143

Clique para consultar o oferecimento para 5961143

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2020 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP