Informa??es da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Escola de Artes, Ciências e Humanidades
 
Artes, Ciências e Humanidades
 
Disciplina: ACH5016 - Assistência à Mulher em Risco Obstétrico
Women Care in situation of Obstetric Risk

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2013 Desativação:

Objetivos
A disciplina deve instrumentalizar o aluno para:
• Conceituar risco obstétrico;
• Conhecer a fisiopatologia das principais intercorrências da gestação, parto e puerpério;
• Fundamentar as condutas a serem tomadas na vigência destas intercorrências.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
2037300 - Ruth Hitomi Osava
 
Programa Resumido
Avaliação materna e fetal na gestação e detecção dos fatores de risco gestacional. Intercorrências clínicas e obstétricas na gestação. Intercorrências no parto e nascimento. Intercorrências no pós-parto. Manejo das complicações.
 
 
 
Programa
I. Intercorrências obstétricas na gestação
Síndromes hemorrágicas: abortamento, gestação ectópica, mola hidatiforme, descolamento prematuro de placenta, placenta prévia, ruptura uterina, choque hipovolêmico, CIVD
Síndromes hipertensivas: DHEG, síndrome HELLP
Desvios do crescimento fetal: RCIU, macrossomia fetal
Alterações da duração da gravidez: nascimento pré-termo, gestação prolongada
Alterações do volume amniótico: oligoâmnio, polidrâmnio
Ruptura prematura de membranas. Corioamnionite
Óbito Fetal Intra-Uterino (OFIU)
Gestação múltipla
II. Intercorrências clínicas na gestação
Distúrbios hipertensivos crônicos
Diabetes Mellitus Gestacional
Doenças infecciosas e Gestação
III. Intercorrências no parto e nascimento
Parto disfuncional: distocia funcional, anomalias de apresentação e de trajeto
Complicações do terceiro período: retenção placentária, acretismo
IV. Intercorrências no pós-parto
Hemorragia pós-parto
Infecção puerperal
 
 
 
Avaliação
     
Método
• Participação em aula, nas leituras e discussões de casos, na realização e apresentação dos trabalhos.
• Avaliações individuais e em grupo ao longo do semestre.
Critério
• Média ponderada dos itens de avaliação. O aluno será aprovado se a média final for maior ou igual a 5 (cinco).
Norma de Recuperação
• Prova de recuperação sobre o conteúdo de todo o semestre para os alunos que não obtiverem média final igual a 5 (cinco).

Prova Substitutiva
• Não se prevê prova substitutiva nesta disciplina.
 
Bibliografia
     
Bibliografia básica
Neme B. Obstetrícia Básica. São Paulo: Sarvier, 2000.
Cunnigham FG, Leveno K. Manual de Obstetrícia Williams. 21 ed, Porto Alegre: Artmed, 2005.
Organização Mundial da Saúde (OMS). Manejo das complicações na gestação e no parto. Porto Alegre: Artmed, 2005.

Bibliografia complementar
Brasil. Ministério da Saúde (MS). Gestação de alto risco. Secretaria de Políticas de Saúde. Área Técnica da Saúde da Mulher. Brasília: MS, 2000.
Brasil. Ministério da Saúde (MS). Urgências e emergências maternas: guia para diagnóstico e conduta em situações de risco de morte materna. Secretaria de Políticas de Saúde. Área Técnica da Saúde da Mulher. 2 ed. Brasília: MS, 2000.
Zugaib M. et al. Obstetrícia. São Paulo: Manole, 2012
Rezende J, Montenegro O. Obstetrícia Fundamental. 10 ed, Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2006.
Varney H, Kriebs JM, Gegor CL. Partería profesional de Varney. 4 ed. Washington: OPS/OMS, 2006.
 

Clique para consultar os requisitos para ACH5016

Clique para consultar o oferecimento para ACH5016

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2019 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP