Informa??es da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Escola de Artes, Ciências e Humanidades
 
Artes, Ciências e Humanidades
 
Disciplina: ACH5023 - Temas Contemporâneos em Saúde da Mulher
Contemporary Themes in Women’s Health

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2016 Desativação:

Objetivos
Refletir sobre problemas sociais culturais e científicos relacionados às questões de Aids e DSTs e à violência contra a mulher.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
7317228 - Claudia Medeiros de Castro
5997291 - Elizabete Franco Cruz
 
Programa Resumido
Temáticas específicas da saúde da mulher do âmbito da promoção da saúde e das relações de gênero.
 
 
 
Programa
(1) Caracterização da violência contra a mulher
(2) A violência contra a mulher como tema transversal para as ações dos profissionais de saúde
(3) As questões culturais e psicossociais associadas a aids e as DSTs
(4) Aborto inseguro como uma questão de saúde pública
(5) O conceito de vulnerabilidade
(6) Estratégias de Promoção a saúde
(7) Elaboração de materiais educativos
 
 
 
Avaliação
     
Método
Serão realizados três módulos concomitantes e cada grupo de alunos permanecerá por 4 semanas com um docente para produzir conhecimentos sobre as diferentes temáticas da dsiciplina. Em cada módulo o aluno realizará um trabalho em grupo. A nota final será a média elaborada a partir das notas dos trabalhos (A+B+C dividido por 3).
Critério
Presença e participação nas aulas
Avaliação dos trabalhos realizados.
Norma de Recuperação
Provas e/ou trabalhos para os alunos que não obtiverem média final igual a 5 (cinco).
 
Bibliografia
     
Bibliografia básica:

SCHRAIBER, LILIA BLIMA;D'OLIVEIRA, ANA FLAVIA P. Violencia dói e nao é direito.UNESP 2005
SEFFNER,Fernando.O conceito de vulnerabilidade:uma ferramenta útil em seu consultório. Disponível em: www.aids.gov.br - consulta em dezembro de 2008.

Bibliografia complementar:

AYRES,J.R.C.M.;FRANÇA-JUNIOR,I.CALAZANS,G.J.SALETTI FILHO,HC.O conceito de vulnerabilidade e as práticas de saúde:novas perspectivas e desfios.IN:
BARBOSA,R.M.;PARKER,R.Sexualidades pelo avesso.Direitos,Identidades e Poder.Rio de Janeiro:IMS/UERJ.Editora 34,1999.
BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Ciência e Tecnologia. Aborto e saúde pública no Brasil: 20 anos, Brasília : Ministério da Saúde, 2009
CZERESNIA,D;FREITAS,C.M.(org.)Promoção da Saúde:conceitos, reflexões, tendências.Rio de Janeiro.Ed.Fiocruz,2003,p.117.139.
CRUZ,E. F.;BRITO,N..Fios da Vida tecendo o feminino em tempos de aids. São Paulo:GIV Grupo de Incentivo à Vida;Brasília: Coordenação Nacional de DST AIDS, 2000.
MAKUSUD, I - O discurso da prevenção da Aids frente às lógicas sexuais de casais sorodiscordantes: sobre normas e práticas. Rev Physys vol.19 no.2 Rio de Janeiro 2009
OTOMARI, Leandro Castro e CAMARGO, Brigido Vizeu. Representações sociais de profissionais do sexo sobre prevenção de doenças sexualmente transmissíveis e contracepção. Psicologia: Teoria e Prática, 6 (2), 75 – 87, 2004;
SAFFIOTI, Heleieth I. B. Gênero, patriarcado, violência. Perseu Abrahmo 2004
SCHRAIBER, L., D’OLIVEIRA, A.F., FRANÇA JÚNIOR, I., OLIVEIRA, E. A violência contra as mulheres. Busca ativa e demandas espontâneas em Unidades Básicas de Saúde. Saúde e Sociedade, n. 9: 2-15, 2000.
 

Clique para consultar os requisitos para ACH5023

Clique para consultar o oferecimento para ACH5023

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2019 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP