Informa??es da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Escola de Artes, Ciências e Humanidades
 
Artes, Ciências e Humanidades
 
Disciplina: ACH5025 - Políticas e Programas de Saúde da Mulher
Women’s Health Policies and Programmes

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2013 Desativação:

Objetivos
- Conhecer as bases históricas da atenção à saúde da mulher no Brasil e sua relação com a construção do Sistema Único de Saúde.
- Discutir e analisar a Política atual da Atenção à Saúde da Mulher na perspectiva dos Direitos Sexuais e Reprodutivos.
- Conhecer as principais diretrizes para a atenção obstétrica e a interface com políticas e programas do Sistema Único de Saúde.
- Analisar uma política, programa e ou ação na Saúde da Mulher.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
7317228 - Claudia Medeiros de Castro
2796301 - Jacqueline Isaac Machado Brigagão
 
Programa Resumido
Evolução histórica das políticas de saúde do Brasil. Princípios e diretrizes do Sistema Único de Saúde (SUS). A organização dos serviços de assistência à saúde da mulher nas instituições de saúde no SUS. Avaliação de políticas e programas dirigidos às mulheres.
 
 
 
Programa
• Políticas de Saúde: perspectiva histórica.
• Movimento de saúde, democratização do país e ações que antecederam o Sistema Único de Saúde (SUS);
• O Sistema Único de Saúde: princípios e diretrizes e desafios
• Aspectos históricos da atenção à Saúde da Mulher e a criação do PAISM.
• Principais diretrizes para atenção à Saúde da Mulher: avanços e desafios.
• Do PHPN à Rede Cegonha: análise das ações para a atenção obstétrica.
 
 
 
Avaliação
     
Método
• Participação nas aulas teóricas, nas atividades propostas durante as aulas, nas leituras e discussões de casos.
• Avaliações individuais ao longo do semestre.
• Trabalho escrito
Critério
• O aluno será aprovado se a média final for maior ou igual a 5 (cinco) e a freqüência maior ou igual a 70%.
Norma de Recuperação
• Prova de recuperação sobre o conteúdo de todo o semestre para os alunos que não obtiverem média final igual a 5 (cinco).
 
Bibliografia
     
Bibliografia básica

BRASIL. Ministério da Saúde. Pesquisa Nacional de Demografia e Saúde da Criança e da Mulher – PNDS 2006 : dimensões do processo reprodutivo e da saúde da criança. Brasília: Ministério da Saúde, 2009. disponível em http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/pnds_crianca_mulher.pdf
COHN, Amélia e ELIAS, Paulo E. Saúde no Brasil. Políticas e organização de serviços. São Paulo: Cortez/CEDEC, 2003
FOUCAULT, Michel. Microfísica do Poder. Rio de Janeiro: Graal, 1999

Bibliografia complementar
ANDRADE, Luiz Odorico Monteiro de; PONTES, Ricardo José Soares; MARTINS JUNIOR, Tomaz. A descentralização no marco da Reforma Sanitária no Brasil. Revista Panamericana Salud Publica, July/Aug. 2000, vol.8, no.1-2, p.85-91. ISSN 1020-4989..Disponível at: http://www.scielosp.org
ARILHA,Margareth;CITELI, MariaTeresa. Políticas, Mercado e ética: demandas e desafios no campo da saúde reprodutiva. São Paulo: Ed. 34.Comissão de Cidadania e Reprodução.1998,136 p.
BECKER D. et. al. Empowerment e avaliação participativa em um programa de desenvolvimento local e promoção da saúde. Ciência e Saúde Coletiva, 9(3):655-667 2004. Disponível at: Http://www.nusp.ufpe.br/projetos/projeto4/Empowerment%20e%20avaliacao%20participativa.pdf
CARVALHO S. R. Saúde coletiva e promoção da saúde. Sujeito e Mudança. 3ª.ed.São Paulo:Hucitec, 2010.
DEL PRIORE, M.(org.) História das Mulheres no Brasil. São Paulo: Contexto, 2000.
O SUS PRA VALER – Universal Humanizado e de qualidade – Fórum da Reforma Sanitária Brasileira. Disponível at: http://www.redeunida.org.br/arquivos/manifesto_final.pdf
ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE, JONHS HOPKIN. BLOOMBERG. SCHOOL OF PUBLIC HEALTH. Planejamento Familiar. Um Manual Global para Profissionais e Serviços de Saúde. OMS, JONHS HOPKINS. BLOOMBERG - SCHOOL OF PUBLIC HEALTH, USAID, 2007.
RICO E.M. (org) Avaliação de políticas sociais : uma questão em debate. Ed Cortez. São Paulo, 2006.
SILVA, P L. B. e MELO M. A.B. -O Processo de implementação de políticas públicas no Brasil [recurso eletrônico] : características e determinantes da avaliação de programas e projetos. Disponível : http://nepp.unicamp.br/Cadernos/Caderno48.pdf
VILLELA, W.; MONTEIRO, S. Gênero e Saúde - Programa Saúde da Família em questão. Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco). Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), 2005. Disponível em:
 

Clique para consultar os requisitos para ACH5025

Clique para consultar o oferecimento para ACH5025

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2019 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP