Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Arquitetura e Urbanismo
 
Tecnologia da Arquitetura
 
Disciplina: AUT0577 - Percepção e Organização Espacial Bi e Tridimensional
Visual Perception and Spatial organization: planes and volumes

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2012 Desativação:

Objetivos
Trabalhar fundamentos da relação entre percepção e organização do espaço, como subsídio metodológico à atividade projetual.
Contribuir no desenvolvimento da habilidade de imaginação, visualização e representação do espaço.
Exercitar o desenho de croquis em escala e a construção de modelos tridimensionais.
Aprimorar a percepção estético-espacial.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
2880820 - Vera Maria Pallamin
 
Programa Resumido
Estudam-se relações entre percepção e organização espacial bi e tridimensional. Com enfoque eminentemente prático, desenvolve-se uma série de exercícios abordando representações no plano, volume e ambiente construído, este último trabalhado segundo obras de caráter escultórico-arquitetônico (em diversas escalas). nas quais são considerados materiais, técnicas e modos de construção, associados a requisitos de implantação da obra, manutenção, iluminação, durabilidade e fruição.
 
 
 
Programa
Estudam-se relações entre percepção e organização espacial bi e tridimensional. Com enfoque eminentemente prático, desenvolve-se uma série de exercícios abordando representações no plano, volume e ambiente construído, este último trabalhado segundo obras de caráter escultórico-arquitetônico (em diversas escalas).
 
 
 
Avaliação
     
Método
Exercícios práticos feitos pelo aluno,a cada aula, individualmente. Utilizam-se croquis de implantação simulando visuais dos partidos criados, execução de modelos tridimensionais e fotomontagens
Critério
- Todas as aulas são eminentemente práticas. Os aspectos teóricos relativos à percepção e fundamentos da organização bi e tridimensional são trabalhados durante os exercícios práticos
Norma de Recuperação
- Exercícos bidimensionais utilizando-se figuras geométricas básicas e colagem.
- Exercícios tridimensionais utilizando-se volumes básicos (em isopor)- elaboração de modelos e representação via croquis de implantação, em escala.
- Elaboração de fotomontagens de duas obras de caráter escultórico, para o campus da USP.
 
Bibliografia
     
• ARNHEIM, Rudolf (1980, 1986, 1997): Arte e Percepção Visual. Trad. de Ivonne Terezinha de Faria. São Paulo: Ed. USP, Pioneira.

• ARNHEIM, Rudolf (1988): A Dinâmica da Forma Arquitectónica. Editorial Presença, Lisboa.

• ARNHEIM, Rudolf (1989): Intuição e intelecto na arte. São Paulo: Fontes.

• ARNHEIM, Rudolf (1990): Poder do centro: Um estudo da composição nas artes visuais. Lisboa: Ed. 70.

• DONDIS, A. (1991). A sintaxe da linguagem visual. Trad. J. Luiz. São Paulo, Martins Fontes, 1991.

• DORNBURG, Julia Schulz (2000).. Arte y arquitectura: nuevas afinidades. Barcelona,.Gustavo Gili.

• FRACCAROLI, Caetano (1952, 1983): A Percepção da Forma e sua Relação com o Fenômeno Artístico: O Problema Visto Através da Gestalt (Psicologia da Forma). São Paulo: FAUUSP.

• GOMES FILHO, Joao (2000): Gestalt do objeto: Sistema de leitura visual da forma. São Paulo: Escrituras (2.ed.).

• GUILLAUME, Paul (1960, 1966): Psicologia da Forma. Tradução de Irineu de Moura. São Paulo: Compª. Editora Nacional.

• JORAY, Marcel. Le beton dans l'art contemporain. Neuchatel, Griffon, 1977.

• KOFFKA, Kurt (1975): Princípios da Psicologia da Gestalt. Trad. de Alvaro Cabral. São Paulo: Cultrix e USP.

• KÖHLER, Wolfgang (1968, 1980): Psicologia da Gestalt. Trad. de David Jardim. Belo Horizonte: Itatiaia.

• KÖHLER, Wolfgang (1978): Psicologia, 2. ed., São Paulo: Editora Ática.

• KRAUSS, Rosalind (1998) Caminhos da Escultura Moderna. Trad. Júlio Fischer. São Paulo, Martins Fontes.

• MOORE, Henry. Henry (1970). Moore: sculptures and drawings 1921-1969. London, Thames & Hudson.

• PEDROSA, Mário (1947): Da natureza afetiva da forma na obra de arte. Faculdade Nacional de Arquitetura.

• RHYNE, Janie (2000): Arte e Gestalt: padrões que convergem. Tradução de Maria Betania Norgren, São Paulo: Summus Ed..

• PALLAMIN, Vera (1987). Princípios da Gestalt na organização da forma: abordagem bidimensional. São Paulo, FAUUSP.

• PALLAMIN, Vera (1992). A Construção da espacialidade plástica. Plano e voluminosidade sob abordagem fenomenológica. São Paulo, FAUUSP.
Secretariat Général des Villes Nouvelles (1990). L´Art et la Ville. Urbanisme et Art Contemporain. Genève, Skira.

• Secretariat Général des Villes Nouvelles (1990). L´Art et la Ville. Urbanisme et Art Contemporain. Genève, Skira.

• SCHODEK, Daniel L (1993). Structure in Sculpture. Cambridge, Massachusetts, MIT Press.

• TRIER, Eduard (1968). Form and space: sculpture of the 20th century. NY, Frederick a Praeger.

• WAGENKNECHT-HARTE, Kay (1989). Site + Sculpture - the collaborativE design process. NY, Van Nostrand Reinhold.
 

Clique para consultar os requisitos para AUT0577

Clique para consultar o oferecimento para AUT0577

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2019 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP