Informa??es da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Odontologia de Bauru
 
Fonoaudiologia
 
Disciplina: BAF0216 - Motricidade Orofacial I
Oral Motricity (Functions) I

Créditos Aula: 2
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 30 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2018 Desativação:

Objetivos
Propiciar ao aluno conhecimentos sobre o sistema estomatognático no que se refere à composição, ao desenvolvimento e às funções por ele realizadas; fornecer informações quanto às ações preventivas no campo da Motricidade Orofacial; e discutir sobre as possibilidades de atuação na área de Motricidade Orofacial integrada à Ortodontia.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
47527 - Arnaldo Pinzan
1040546 - Giédre Berretin
3189323 - Jeniffer de Cassia Rillo Dutka
 
Programa Resumido
Histórico da Motricidade Orofacial; Campo de atuação; Definição, composição e equilíbrio morfofuncional do sistema estomatognático; Introdução à Ortodontia; Crescimento e desenvolvimento craniofacial; Desenvolvimento da oclusão; Desenvolvimento das funções orofaciais; História Clínica e Prevenção em Motricidade Orofacial.
 
 
 
Programa
- Histórico da Motricidade Orofacial; - Possibilidades de atuação na especialidade Motricidade Orofacial; - Introdução à Ortodontia; - Crescimento e desenvolvimento craniofacial: conceitos e teorias do crescimento; crescimento da maxíla/mandíbula; crescimento e desenvolvimento dos arcos dentários; - Desenvolvimento da oclusão: Dentaduras decídua, mista e permanente; - Sistema Estomatognático: definição e componentes; - Desenvolvimento das funções: sucção, deglutição, respiração, mastigação e produção da fala; - Equilíbrio do sistema estomatognático e sistemas relacionados; - História Clínica em Motricidade Orofacial; - Hábitos orais deletérios.
 
 
 
Avaliação
     
Método
- Aulas expositivas dialogadas com recurso áudio visuais;
- Discussão do roteiro de História Clínica em Motricidade Orofacial;
- Acompanhamento de entrevista e exame miofuncional orofacial;
- Apresentação oral e elaboração de relatório escrito de caso clínico a partir de um roteiro;
- Análise de artigo científico.
Critério
- Frequência mínima de 70%;
- Média final mínima de 5,0 (cinco);
- Desempenho na prova formal escrita com questões teste e dissertativa (peso 6,0);
- Desempenho na apresentação oral e relatório do caso clínico (peso 3,0);
- Desempenho na análise do artigo científico (peso 1,0).
Norma de Recuperação
A recuperação será aplicada aos alunos que obtiverem média inferior a 5,0 (cinco) e superior ou igual a 3,0 (três) no conjunto das seguintes atividades: prova formal escrita, apresentação oral e relatório do caso clínico, apresentação oral e discussão de artigo científico. Não será aplicada recuperação ao aluno que obtiver média final inferior a 3,0 (três). Para a recuperação serão realizadas orientações, para esclarecimento de dúvidas, e prova formal escrita com questões teste e dissertativa, de acordo com a data estabelecida no calendário escolar da unidade.
 
Bibliografia
     
Básica: ABRÂO, J.; MORO, A.; HORLIANA, R.F.; SHIMIZU, R.H. Ortodontia Preventiva – Diagnóstico e tratamento. 1ª ed., São Paulo, Artes Médicas, 2014. DEGAN VV, BONI RC. Hábitos de sucção: chupeta e mamadeira. São José dos Campos: Pulso, 2004. 53p. DOUGLAS CR. Fisiologia aplicada à Fonoaudiologia. Rio de Janeiro: Guanabara-Koogan, 2006. FELÍCIO CM. Desenvolvimento normal das funções estomatognáticas. In: FERNANDES FDM, MENDES BCA, NAVAS ALPGP. (org). Tratado de Fonoaudiologia. São Paulo: Roca, p.17-27, 2009. VAN DER LINDEN, F. – Ortodontia – Desenvolvimento da dentição, Quintessence, 1990. Complementar: BERRETIN-FELIX G et al. Funções orofaciais, voz e o desenvolvimento da comunicação. In: LAMÔNICA DAC. Estimulação da linguagem. São José dos Campos: Pulso, 2008, p.91-114. BERRETIN-FELIX G et al. Distúrbios da comunicação humana e as funções orofaciais. In: GENARO KF et al. O processo de comunicação: contribuição para a formação de professores na inclusão de indivíduos com necessidades educacionais especiais. São José dos Campos: Pulso, 2006, p.65-80. DININNO CQMS, JESUS MSV. Abordagem fonoaudiológica atual nas fissuras labiopalatinas. São Paulo: Roca, 2009. DUTKA JCR, PEGORARO-KROOKMI. Avaliação e Tratamento das Disfunções Velofaríngeas. In: Da Silva HJ, Marchesan IQ, Tome MC. Tratado Das Especialidades Em Fonoaudiologia. SP:Roca, 2014. FARIAS AVM, VASCONCELOS MCR, FONTES LBC, BENEVIDES SD. Repercussões das estratégias de retirada dos hábitos orais deletérios de sucção nas crianças do Programa de Saúde da Família em Olinda – PE. Rev. CEFAC 2010; 12(6):971-6. http://dx.doi.org/10.1590/S1516-18462010005000142 FERREIRA, F.V. – Ortodontia – Diagnóstico e planejamento clínico. São Paulo, Artes Médicas, 6a ed. 2004. GENARO, KF ; FUKUSHIRO, AP ; SUGUIMOTO, MLFCP . Avaliação e Tratamento dos Distúrbios da Fala. In: TRINDADE, I.E.K.; SILVA FILHO, O.G.. (Org.). Fissuras Labiopalatinas: uma abordagem interdisciplinar. São Paulo: Santos, 2007. HOWARD S.; LOHMANDER A. Cleft Palate Speech: Assessment and Intervention. UK:Wiley-Blackwell, 2011. JANSON, G.; GARIB, D.G.; PINZAN, A.; HENRIQUES, J.F.C.; FREITAS, M.R. Introdução à Ortodontia. 1ª ed, São Paulo, Artes Médicas, 2013. MARCHESAN IQ. Fundamentos em Fonoaudiologia: aspectos clínicos da motricidade oral. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2ª edição, 2005. MEDEIROS AMM. Motricidade Orofacial. São Paulo: Lovise, 2006. MOYERS, R.E. - Ortodontia. Rio de Janeiro, 3a e 4a ed., Guanabara Koogan, 1979 / 1991. SILVA PB, DAVID RHF. Cadernos do fonoaudiólogo: Motricidade Orofacial. São Paulo: Lovise, 2008. www.sbfa.org.br Departamento de Motricidade e Funções Orofaciais, Comitê de Motricidade Orofacial. www.fonoaudiologia.org.br
 

Clique para consultar os requisitos para BAF0216

Clique para consultar o oferecimento para BAF0216

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2019 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP