Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Instituto de Biociências
 
Botânica
 
Disciplina: BIB0444 - Glândulas Vegetais e sua Interação com o Ambiente: Estrutura, Desenvolvimento e Análise da Secreção
Plant glands and their interaction with the environment: structure, development and secretion analysis

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 90 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2014 Desativação: 31/12/2018

Objetivos
Capacitar o aluno na identificação e caracterização das estruturas secretoras, reconhecendo a importância desses tecidos para a sobrevivência e reprodução das plantas, além de aprofundar os conhecimentos sobre a identificação e localização dos compostos do metabolismo secundário presentes nos diferentes exsudatos. Objetivos específicos: a) reconhecimento da diversidade de estruturas secretoras; b) análise da importância ecológica, taxonômica e filogenética dessas glândulas; c) desenvolvimento de projeto sobre o tema.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
7340079 - Diego Demarco
 
Programa Resumido
1. Caracterização e relevância das estruturas secretoras para as plantas. 2. Classificação das glândulas vegetais: ontogênese, estrutura e função. 3. Fixação e histoquímica para localização e identificação de metabólitos secundários. 4. A célula secretora. 5. Hidatódios, hidropótios e glândulas de sal. 6. Nectários. 7. Coléteres, tricomas glandulares e urticantes. 8. Glândulas de plantas carnívoras. 9. Idioblastos, cavidades e canais secretores. 10. Laticíferos. 11. Glândulas florais relacionadas à polinização e fecundação. 12. Tecidos secretores relacionados à dispersão de sementes. 13. Estruturas secretoras: subsídios taxonômicos, importância ecológica e evolutiva.
 
 
 
Programa
1. Caracterização e relevância das estruturas secretoras para as plantas. 2. Classificação das glândulas vegetais: ontogênese, estrutura e função. 3. Fixação e histoquímica para localização e identificação de metabólitos secundários. 4. A célula secretora. 5. Hidatódios, hidropótios e glândulas de sal. 6. Nectários. 7. Coléteres, tricomas glandulares e urticantes. 8. Glândulas de plantas carnívoras. 9. Idioblastos, cavidades e canais secretores. 10. Laticíferos. 11. Glândulas florais relacionadas à polinização e fecundação. 12. Tecidos secretores relacionados à dispersão de sementes. 13. Estruturas secretoras: subsídios taxonômicos, importância ecológica e evolutiva.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas expositivas; aulas práticas em laboratório e no campo; realização de trabalho prático; seminários; debates e discussões; estudo dirigido; roteiro de leitura.
Critério
Participação e engajamento nas atividades propostas; Apresentação do projeto desenvolvido; Clareza na redação e organização do relatório; Propriedade da linguagem na comunicação formal; Lógica e encadeamento de ideias nos trabalhos elaborados.
Norma de Recuperação
Não há.
 
Bibliografia
     
BENTLEY, B. & ELIAS, T.S. 1983. The biology of nectaries. Columbia University Press, New York.
DICKISON, W.C. 2000. Integrative plant anatomy. Academic Press, New York
ESAU, K. 1977. Anatomy of seed plants. 2nd ed., John Wiley & Sons, New York.
EVERT, R.F. 2006. Esau’s plant anatomy: meristems, cells, and tissues of the plant body.
FAHN, A. 1990. Plant anatomy. 4th ed., Butterworth-Heinemann, Oxford.
GAHAN, P.B. 1984. Plant histochemistry and cytochemistry. Academic Press, London.
JOHANSEN, D.A. 1940. Plant microtechnique. McGraw-Hill, New York.
JUNIPER, B.E.; ROBINS, R.J. & JOEL, D.M. 1989. The carnivorous plants. Academic Press, London.
KIERNAN, J.A. 1990. Histological and histochemical methods: theory and practice. 2nd ed., Pergamon Press, London.
METCALFE, C.R. & CAHLK, L. 1950. Anatomy of the dicotyledons: leaves, stem and wood in relation to taxonomy with notes on economic uses. 2 v., Clarendon Press, Oxford.
METCALFE, C.R. & CAHLK, L. 1979. Anatomy of the dicotyledons: systematic anatomy of leaf and stem, with a brief history of the subject. 2nd ed., v.1, Clarendon Press, Oxford.
PEARSE, A.G.E. 1985. Histochemistry: theoretical and applied. 4th ed., 2 v., C. Livingstone, Edinburgh.
RODRIGUEZ, E.; HEALEY, P.L. & MEHTA, I. 1984. Biology and chemistry of plant trichomes. Plenum Press, New York.
ROSHCHINA, V.V. & ROSHCHINA, V.D. 1993. The excretory function of higher plants. Springer-Verlag, Berlin.
SASS, J.E. 1951. Botanical microtechnique. 2nd ed., The Iowa State College, Ames.
TAIZ, L. & ZEIGER, E. 2010. Plant physiology. 5th ed., Sinauer Associates, Sunderland.

COMPLEMENTAR
FAHN, A. 2000. Structure and function of secretory cells. Advances in Botanical Research 31:37-75.
JENSEN, W.A. 1962. Botanical histochemistry: principles and practice. W.H. Freeman & Co., San Francisco.
LÜTTGE, U. 1971. Structure and function of plant glands. Annual Review of Plant Physiology 22:23-44.
METCALFE, C.R. & CAHLK, L. 1983. Anatomy of the dicotyledons: wood structure and conclusion of the general introduction. 2nd ed., v. 2, Clarendon Press, Oxford.
 

Clique para consultar os requisitos para BIB0444

Clique para consultar o oferecimento para BIB0444

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2021 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP