Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Instituto de Biociências
 
Zoologia
 
Disciplina: BIZ0213 - Invertebrados
Invertebrates

Créditos Aula: 8
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 150 h ( Práticas como Componentes Curriculares = 30 h )
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2019 Desativação:

Objetivos
Objetivos: Propiciar aos estudantes conhecimentos teóricos e práticos sobre a embriologia, a morfologia, a biologia e a diversidade dos grupos animais mencionados no programa, de tal forma a lhes permitir que possam: 1. Caracterizar e identificar os grandes grupos de animais abordados; 2. Conhecer a diversidade morfológica em cada filo e ser capaz de identificar, dentro dessa diversidade, caracteres que agrupem esses organismos; 3. Conhecer hábitos dos organismos e ambientes nos quais vivem, para saber relacionar as adaptações morfológicas; 4. Analisar as diferentes propostas evolutivas e de prováveis relações de parentesco entre os grupos; 5. Aprimorar a capacidade de observação, muito importante na formação do biólogo.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
348505 - André Carrara Morandini
1006036 - João Miguel de Matos Nogueira
3151384 - José Eduardo Amoroso Rodriguez Marian
5502962 - Silvio Shigueo Nihei
 
Programa Resumido
Temas gerais: Introdução e Origem de Animalia (Metazoa); caracterização do reino e conceituação da condição parazoária e eumetazoária; introdução e diversidade dos Bilateria; condição protostômia e deuterostômia; condição de arquitetura corpórea acelomada, pseudocelomada e celomada; formação do celoma (esquizocelia e enterocelia); filogenia e diversificação de Metazoa. Temas específicos: Morfologia, biologia e filogenia dos seguintes táxons: Porifera; Cnidaria; Ctenophora; Platyhelminthes; Gnathifera [Syndermata (Rotifera e Acanthocephala) e Gnathostomulida]; Lophotrochozoa [Lophophorata (Bryozoa, Brachiopoda e Phoronida) e Eutrochozoa (Nemertea, Mollusca e Annelida)]; Ecdysozoa [Cicloneuralia (Gastrotricha, Kinorhyncha, Loricifera, Nematomorpha e Priapula) e Panarthropoda (Onychophora, Tardigrada, Chelicerata; Crustacea, Myriapoda e Hexapoda)]; Echinodermata e Chaetognatha.
 
 
 
Programa
1. Introdução e Origem de Animalia (Metazoa); caracterização do reino e conceituação da condição parazoária e eumetazoária. Princípios gerais de Embriologia. 2. Porifera: caracterização e tipos morfológicos, biologia, reprodução e desenvolvimento. 3. Cnidaria: caracterização do filo. Organização estrutural, biologia, reprodução e desenvolvimento das classes Hydrozoa, Scyphozoa, Staurozoa, Cubozoa e Anthozoa. 4. Ctenophora: caracterização, biologia e reprodução. 5. Introdução aos Bilateria e sua origem. Diversificação dos Bilateria. Condição protostômia e deuterostômia. Condição de arquitetura corpórea acelomada e celomada. Formação do celoma por processo esquizocélico e enterocélico. Acoelomorpha. 6. Platyhelminthes: organização geral dos acelomados. Organização estrutural, biologia, reprodução e desenvolvimento dos táxons Turbellaria e Neodermata. Platyhelminthes de interesse médico no Brasil. 7. Gnathifera: Caracterização estrutural, biologia e reprodução de Syndermata (Rotifera e Acanthocephala), Gastrotricha e Gnathostomulida. 8. Lophotrochozoa. Caracterização das sinapomorfias que unem o grupo (Lophophorata e Eutrochozoa). Organização estrutural, biologia e reprodução de Lophophorata (Bryozoa, Brachiopoda e Phoronida). Eutrochozoa (Nemertea, Mollusca e Annelida). Nemertea: caracterização, biologia e reprodução. Mollusca: caracterização do filo. Organização estrutural e aspectos adaptativos das classes Aplacophora, Monoplacophora, Polyplacophora e Scaphopoda. Organização estrutural, biologia, reprodução e desenvolvimento das classes Gastropoda, Bivalvia e Cephalopoda. Annelida: Organização estrutural, biologia, reprodução e desenvolvimento dos táxons Polychaeta e Clitellata (Oligochaeta e Hirudinea). 9. Ecdysozoa. Cicloneuralia: organização geral dos pseudocelomados. Organização estrutural, biologia, reprodução, desenvolvimento e aspectos adaptativos do táxon Nematoda. Nematódeos de interesse médico no Brasil. Apresentação geral de outros grupos de Cicloneuralia: Kinorhyncha, Loricifera, Nematomorpha e Priapula. 10. Ecdysozoa (continuação): Panarthropoda. Introdução aos Arthropoda. Organização estrutural, biologia, reprodução e aspectos adaptativos dos grandes táxons de artrópodes: Chelicerata Merostomata e Arachnida) e Mandibulata (Crustacea, Myriapoda e Hexapoda). Apresentação de outros grupos menores de artrópodes: Onychophora e Tardigrada. 11. Deuterostomia. Organização estrutural, biologia, reprodução e aspectos adaptativos dos táxons de Echinodermata: Asteroidea, Crinoidea, Ophiuroidea, Echinoidea e Holothuroidea. Organização estrutural, biologia, reprodução de Chaetognatha. 12. Filogenia e diversificação de Metazoa 13. Atividade didática de campo 14. Atividades complementares disponibilizadas online para complementação e fixação dos conteúdos ministrados em sala de aula 15. Introdução à Paleontologia de Invertebrados e diversidade de formas fósseis. A Atividade didática de campo permite aos alunos um contato direto com animais vivos em seu ambiente natural, provendo uma oportunidade ímpar para observar e associar a diversidade da fauna de invertebrados aos diferentes tipos de ambientes (praia lodosa, costão rochoso e manguezal). Escolhemos a Praia do Araçá, em São Sebastião, por ser um local único que engloba distintos microhabitats e possibilita a integração de conhecimentos adquiridos na disciplina. 16. Atividade extra-classe de PCC (Práticas como Componente Curricular) para divulgação científica envolvendo conteúdos de zoologia de invertebrados (textos da Wikipédia em Português relacionados aos invertebrados).
 
 
 
Avaliação
     
Método
A disciplina é ministrada através de aulas expositivas e práticas, sendo dedicados 50% da carga horária para cada uma dessas atividades. As aulas expositivas são complementadas com recursos audiovisuais; as aulas práticas são orientadas através de protocolos de atividades laboratoriais, sendo fornecidos animais vivos e/ou preservados para estudo em pequenos grupos de alunos, complementadas com demonstração de outros representantes dos grupos animais em estudo. A disciplina também conta com atividade desenvolvida externamente ao IBUSP, na qual parte do conteúdo teórico-prático da disciplina é ministrada integralmente no Centro de Biologia Marinha (CEBIMar) durante um final de semana para cada turma separadamente (integral e noturno). A disciplina também inclui atividade de divulgação científica que consiste na preparação e publicação de textos relacionados aos invertebrados na Wikipédia em Português, como parte de Práticas como Componente Curricular (PCC).
Critério
Provas teórico-práticas e atividade de PCC realizadas ao longo do curso. Prova substitutiva sobre todo o conteúdo ministrado na disciplina, realizada no final do curso para os alunos que, justificadamente, perderam uma das provas. Aprovação: Média igual ou superior a 5,0 (cinco inteiros) e frequência igual ou superior a 70%.
Norma de Recuperação
prova única teórico-prática logo após o encerramento do semestre letivo.
 
Bibliografia
     
Bibliografia Básica: BARNES, R.S.K.; P. CALOW; P.J.W. OLIVE & D.W. GOLDING, 2008. Os invertebrados. Uma síntese. Atheneu, São Paulo. 495p. BORROR, D.J. & D.M. DeLONG, 1969. Introdução ao Estudo dos Insetos. Edgar Blücher Ltda, São Paulo. 653p. BRUSCA, R.C. & G.J. BRUSCA, 2007. Invertebrados. 2a edição. Editora Guanabara-Koogan, Rio de Janeiro. 968p. BRUSCA, R.C.; W. MOORE & S.M. SHUSTER, 2016. Invertebrates. 3rd Edition. Sinauer Associates, Sunderland. 1104p. FRANSOZO, A. & M.L. NEGREIROS-FRANSOZO (eds.), 2016. Zoologia dos Invertebrados. 1a edição, Roca, Rio de Janeiro, 716p. GULLAN, P.J. & P.S. CRANSTON, 2008. Os insetos: um resumo de entomologia. Editora Roca, São Paulo. 440p. NARCHI, W., 1973. Crustáceos. Editora da USP e Editora Polígono. São Paulo. 116p. RAFAEL, J.A.; G.A.R. MELO; C.J.B. DE CARVALHO & R. CONSTANTINO, 2012. Insetos do Brasil, Diversidade e Taxonomia. Holos Editora, Ribeirão Preto. 810p. RIBEIRO-COSTA, C.S. & R.M. ROCHA, 2006. Invertebrados: Manual de aulas práticas. 2a edição. Holos Editora, Ribeirão Preto, 271p. RIGHI, G., 1966 . Invertebrados: A Minhoca. Ibecc, São Paulo. 83p. RUPPERT, E.E.; R.S. FOX & R.D. BARNES, 2005. Zoologia dos Invertebrados. 7a edição. Editora Roca, São Paulo. 1145p. TRIPLEHORN, C.A. & N.F. JOHNSON, 2016. Estudo dos insetos. 2a edição, Cengage Learning, São Paulo. 816p.
 

Clique para consultar os requisitos para BIZ0213

Clique para consultar o oferecimento para BIZ0213

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2021 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP