Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Instituto de Ciências Biomédicas
 
Fisiologia e Biofísica
 
Disciplina: BMB0272 - O Significado de Modelos e Teorias em Ciências Biológicas
The Meaning of Models and Theories in Biological Sciences

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2021 Desativação:

Objetivos
O objetivo da disciplina é conduzir uma discussão crítica de questões relacionadas à concepção, refinamento, utilização e ao abandono de modelos e teorias das ciências naturais, em geral, e das ciências biológicas, em particular, permitindo que os alunos possam alcançar uma visão mais ampla e fundamentada de sua própria prática científica.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
55850 - Marcus Vinicius Chrysostomo Baldo
8215230 - Roberto de Pasquale
 
Programa Resumido
Esta disciplina introdutória à filosofia da ciência irá abordar, em aulas teóricas e nas discussões subsequentes, algumas questões relativas à construção e ao uso de modelos e teorias na prática científica, tais como: –Por que buscamos teorias gerais? –Qual o papel da matemática na construção de modelos e teorias científicas? –Existem teorias em ciências biológicas? –De que forma modelos em ciências biológicas se relacionam com a teoria da evolução? –De que forma modelos e teorias são capazes de predizer e explicar fenômenos empíricos? –Qual é o método científico por trás da construção, avaliação, confirmação e refutação de modelos e teorias? O curso será baseado em exemplos extraídos da história da ciência bem como da ciência contemporânea, sobretudo das ciências biológicas.
 
 
 
Programa
O nascimento da filosofia das ciências Observação, indução e dedução Modelos, teorias e o método científico As ideias de Popper: falsificacionismo e suas limitações As ideias de Kuhn: paradigmas e programas de pesquisa As ideias de Feyerabend: a teoria anarquista do conhecimento A sociologia e os domínios da ciência Debates na ciência: realismo e antirrealismo Reducionismo, teleologia e auto-organização A concepção bayesiana de ciência
 
 
 
Avaliação
     
Método
MÉTODOS UTILIZADOS: Aulas teóricas Discussões em grupo ATIVIDADES DISCENTES: Redação de ensaios Participação em grupos de discussão (tutoriais)
Critério
Ensaios redigidos Participação nos grupos de discussão (tutoriais)
Norma de Recuperação
Será oferecida prova de recuperação (Res. COG 3583/89) nos meses de julho para as disciplinas do 1o semestre e em fevereiro para as disciplinas do 2o semestre, exigindo-se média igual ou superior a 5,0 (cinco) para aprovação.
 
Bibliografia
     
Básica: LOSEE, J. A Historical Introduction to the Philosophy of Science. Oxford, New York: Oxford University Press, 2001. CHALMERS, A. F. O que é Ciência Afinal? São Paulo: Brasiliense, 2000. NOUVEL, P. Filosofia das Ciências. Campinas: Papirus, 2013. BARBEROUSSE, A., KISTLER, M., LUDWIG, P. Filosofia das Ciências do Século XX. Lisboa: Instituto Piaget, 2001. Complementar: HULL, D. & RUSE, M. (Eds.). The Cambridge Companion to the Philosophy of Biology. New York: Cambridge University Press, 2007. HEMPEL, C. Filosofia da Ciência Natural. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1974 CHALMERS, A. F. What is this Thing Called Science? St Lucia: University of Queensland Press, 4th ed., 2013. DUTRA, L.H.A. Introdução à Teoria da Ciência. Florianópolis: Editora UFSC, 4ª ed., 2017. BARBEROUSSE, A., BONNAY, D., COZIC, M. The Philosophy of Science. Oxford, New York: Oxford University Press, 2018. KUHN, T. A Estrutura das Revoluções Científicas. São Paulo: Editora Perspectiva, 2013. POPPER, K.R. A Lógica da Pesquisa Científica. São Paulo: Cultrix, 2013. FOUREZ, G. A Construção das Ciências. São Paulo: UNESP, 1995. BALDO, M.V.C. Ciencia como cartografía: los mapas como una metáfora intuitiva para la ciencia. In: GUTIÉRREZ, G. (Ed.). Teorías en Psicología - Integración y el Futuro de da Disciplina. Bogotá: Manual Moderno, 2018. p. 2-14. BALDO, M.V.C. & BARBEROUSSE, A. O ciclo pecepção-ação como modelo da atividade científica. In: NOGUEIRA, M.I., FERREIRA, F.R., PESSOA Jr., O. (Eds.). História e Filosofia da Neurociência. São Paulo: Libers Ars, 2015. p. 221-237.
 

Clique para consultar os requisitos para BMB0272

Clique para consultar o oferecimento para BMB0272

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2021 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP