Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Instituto de Relações Internacionais
 
Bacharelado em Relações Internacionais
 
Disciplina: BRI0011 - Comércio e Negociações Internacionais
International Trade and Negotiation

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2006 Desativação:

Objetivos
Trata-se de disciplina optativa que visa a formação e o aprofundamento de estudantes de graduação em temas avançados da área de comércio internacional, com ênfase na formulação e análise comparativa de políticas comerciais, o estudo dos grandes temas das negociações internacionais e a análise de mercados e das operações de comércio exterior. O curso dirige-se a alunos regulares dos Cursos de Graduação em Relações Internacionais e Economia da USP, que já cursaram "Introdução à Microeconomia", "Introdução à Macroeconomia" e "Economia Internacional".
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
58846 - Marcos Sawaya Jank
 
Programa Resumido
O programa da disciplina cobre diversos assuntos relacionados com comércio e negociações comerciais tais como fundamentos de política comercial, o Sistema Multilateral de Comércio GATT-OMC, os grandes temas do comércio internacional (agricultura, restrições sanitárias, bens manufaturados, serviços, regras de comércio, tratamento especial e diferenciado, meio ambiente, propriedade intelectual e outros), acordos preferenciais de comércio, mídia e política comercial, formulação da política comercial nos EUA e na União Européia, economias emergentes e comércio, estratégias empresariais e operações no comércio internacional, análise de mercados internacionais, modelagens em comércio internacional e perspectivas da inserção internacional do Brasil.
 
 
 
Programa
1. Fundamentos de Política Comercial. Política Comercial Brasileira.
2. Histórico e Perspectivas do Sistema Multilateral de Comércio GATT-OMC.
3. O Brasil e os grandes temas do comércio internacional:
3.1. Negociações da Agricultura e o Acordo Agrícola da Rodada Uruguai.
3.2. Barreiras Sanitárias e Fitossanitárias e o Acordo SPS.
3.3. Negociações em Acesso a Mercados para Bens Não-Agrícolas (NAMA). Política Industrial e Política Comercial.
3.4. Negociações em Serviços.
3.5. Regras de comércio e defesa comercial: subsídios, dumping e salvaguardas.
3.6. Países em desenvolvimento: tratamento especial e diferenciado
3.7. Meio Ambiente
3.8. Propriedade intelectual.
4. Instituições e Formulação da Política Comercial nos EUA e na União Européia.
5. Acordos Preferenciais de Comércio: União Européia, NAFTA, Mercosul, ASEAN, APEC, ALCA, Acordos Bilaterais, etc.
6. Mídia, Política Comercial e Negociações Internacionais no Brasil e no exterior.
7. Comércio internacional e economias emergentes: China e Índia
8. Estratégias empresariais no comércio internacional.
9. Operações e financiamento do comércio internacional.
10. Analise de Mercados Internacionais.
11. Modelagens em comércio internacional: análise estatística das políticas comerciais, uso dos modelos de equilíbrio geral e parcial.
12. Comércio e negociações internacionais: perspectivas da inserção internacional do Brasil.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas expositivas, seminários, estudos dirigidos, trabalhos em grupo e exercícios.
Critério
- Provas Escritas (70%): 1a prova (25%) e 2ª prova (45%).
- Seminários, trabalhos em grupo e exercícios: 25%.
- Participação: 5%.
Norma de Recuperação
Prova escrita
 
Bibliografia
     
ABREU, Marcelo de Paiva (1998). Brazil, the GATT and the WTO: History and Prospects. Texto para Discussão No. 392. Departamento de Economia, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro: Rio de Janeiro.
AMARAL JÚNIOR, Alberto do (Coord.). OMC e o Comércio Internacional. São Paulo: Aduaneiras, 2002.
BARRAL, Welber (Coord.). Negociações Comerciais Multilaterais. Florianópolis: Fundação Boiteaux, 2003.
BAUMANN, Renato; CANUTO, Otaviano; GONÇALVES, Reinaldo. Economia Internacional: Teoria e Experiência Brasileira. Perspectiva Brasileira. Editora Campus, 2004.
BHAGWATI, Jagdish. The World Trading System at Risk. Princeton: Princeton University Press, 1991.
CAVES, R.E.; FRANKEL J.A. & JONES, R.W. Economia Internacional: Comércio e Transações Globais. Editora Saraiva, 2001.
DAS, B.L. The World Trade Organization: A Guide to the Framework for International Trade. Penang: Zed Books & Third World Network, 1999.
DESTA, Melaku Geboye. The Law of International Trade in Agricultural Products. From GATT 1947 to the WTO agreement on agriculture. The Hague: Kluwer Law International, 2002.
FRANKEL, J.A. Regional Trading Blocs in the World Economic System. Institute for International Economics - Washington, DC - 1998.
GILPIN, Robert (1987). The Political Economy of International Relations. Princeton University Press: Princeton, New Jersey, United States.
GOLDMAN SACHS Consulting. Dreaming with Brics: The Path to 2050. Global Economics Paper No 99. October, 2003. 24 p.
GOODE, Walter (2003). Dictionary of Trade Policy Terms. Fourth Edition. Cambridge University Press: Cambridge, United Kingdom.
HODA, Anwarul (2001). Tariff Negotiations and Renegotiations under the GATT and the WTO: Procedures and Practices. Cambridge University Press: Cambridge, United Kingdom.
HOEKMAN, B. & KOSTECKI, M. The Political Economy of the World Trading System. 2.ed. Oxford University Press, 2001.
INTER-AMERICAN DEVELOPMENT BANK. The emergence of China: opportunities and challenges for Latin America and the Caribbean. Washington D.C., 2004. 178p.
JACKSON, J. H. The World Trading System: Law and Policy of International Economic Relations. MIT Press, London, 2nd. edition, 2000.
JANK, Marcos S. (editor). Agricultural Trade Liberalization: Policies and Implications for Latin America. Washington: Inter-American Development Bank, 2004. 374p.
KENWOOD, A. G. & LOUGHEED, A. L. The Growth of the International Economy 1820-2000: an Introductory Text. London: Routledge, 2001. 349p.
KRISHNA, P, PANAGARIYA, A e BHAGWATI, J.N. Trading Blocs: Alternative Approaches to Analyzing Preferential Trade Agreements. MIT Press, 1999.
KRUGMAN, P.R. & OBSTFELD, M. Economia International: Teoria e Política. Harper-Collins, 2001, 797p.
LACARTE, Julio & GRANADOS, Jaime (editors). Inter-Governmental Trade Dispute Settlement: Multilateral and Regional Approaches. London: Cameron May, 2004. 644p.
LAFER, Celso. A OMC e a regulamentação do comércio internacional: uma visão brasileira. Porto Alegre: Livraria do Advogado, 1998, p. 23.
LIMA, Rodrigo Carvalho de Abreu. Medidas Sanitárias e Fitossanitárias na OMC: Neoprotecionismo ou Defesa de Objetivos Legítimos. São Paulo: Aduaneiras, 2005. 313p.
LIMA-CAMPOS, Aluisio de (org). Ensaios em Comércio Internacional. São Paulo: Editora Singular, 2005. 333p.
MARCONINI, Mário. OMC, Acordos Regionais e o Comércio de Serviços: Normativa Internacional e Interesse Brasileiro. São Paulo: Aduaneiras, 2003.
MARREWIJK, C.V. International Trade and the World Economy. New York, USA: Oxford University Press, 2002.
MATSUSHITA, M.; SCHOENBAUM, T., J.; MAVROIDIS, P.C. The World Trade Organization. Oxford University Press, New York, 2003.
NASSER, Rabih Ali. A OMC e os Países em Desenvolvimento. São Paulo: Aduaneiras, 2003.
ROBERTS, Ivan. Three Pillars of Agricultural Support and their Impacts on WTO Reforms. Report 03.5. Canberra: Australian Bureau of Agricultural and Resource Economics, 2003.
SALAZAR-XIRINACHS, José M. & ROBERT, Maryse (editores). Hacia el Libre Comércio en las Américas. Washington: Brookings Institution Press, 2001.
SCHOTT, J. Free Trade Agreements: US Strategies and Priorities. Washington: Institute for International Economics, 2004, 450 p.
SUTHERLAND, P.; BHAGWATI, J.; BOTCHWEY, K.; FITZGERALD, N.; HAMADA, K.; JACKSON, J. H.; LAFER, C.; MONTBRIAL, T. The future of the WTO: addressing institutional challenges in the new millennium. Switzerland: WTO, 2004. 86p.
TAKATOSHI, I, O. KRUEGER, A. (editors). Regionalism versus Multilateral Trade Arrangements, Volume 6. The University of Chicago Press, 1977.
THORSTENSEN, V. OMC - As Regras do Comércio Internacional e a Nova Rodada de Negociações Multilaterais. São Paulo: Aduaneiras, 2002. 2ª edição.
THORSTENSEN, Vera e JANK, Marcos (Orgs). O Brasil e os Grandes Temas do Comércio Internacional. São Paulo: Aduaneiras, 2005.
TREBILCOCK, Michael e HOWSE, Robert. The Regulation of International Trade. 2.ed. London: Routledge, 1995.
 

Clique para consultar os requisitos para BRI0011

Clique para consultar o oferecimento para BRI0011

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP