Informa??es da Disciplina

Júpiter - Sistema de Graduação

Escola de Comunicações e Artes
 
Artes Cênicas
 
Disciplina: CAC0371 - Interpretação I
Interpretation I

Créditos Aula: 8
Créditos Trabalho: 4
Carga Horária Total: 240 h ( Práticas como Componentes Curriculares = 30 h )
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2008 Desativação:

Objetivos
1. Introduzir os alunos na prática das ações físicas como elemento essencial do trabalho criativo do ator, ligando as fontes históricas e estéticas desta abordagem metodológica ao conceito contemporâneo de atuação.
2. Iniciar um processo de treinamento físico com os alunos que permita trabalhar o corpo e a voz, além de ampliar e reconhecer as suas potencialidades expressivas.
3. Abordar na teoria e na prática as referências pioneiras das ações físicas nas principais pesquisas estéticas: Stanislavski, Meyerhold, Laban, Brecht, Artaud, Decroux e Grotowski.
4. Criar cenas a partir de textos não-teatrais como poesias, contos ou crônicas ou textos teatrais curtos que permitam experimentar a sobreposição das ações aos textos. A produção e a apresentação das cenas tem como objetivo também, refletir sobre a prática e vivenciar a relação palco-platéia.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
1235421 - Maria Thais Lima Santos
 
Programa Resumido
Ações físicas. As ações vocais e o texto. Silêncio
 
 
 
Programa
I – Ações físicas:
1. Os elementos de composição da ação física.
2. A relação entre pré-atuação, impulsos e satz.
3. A forma da ação: início, meio, ápice e fim.
4. Os segmentos da ação: direção, qualidade, fluência, velocidade e ritmo.
5. A ação física e a relação com os objetos, espaço, música.
6. Aspectos pedagógicos da Interpretação Teatral.

II- As ações vocais e o texto:
1. Ressonadores.
2. Dinâmicas: energia, volume, intensidade, tempo e duração.
3. Silêncio.

III - A composição de cenas individuais e coletivas:
1. Composição e sobreposição de partituras corporais e vocais.
2. Imagens e formas.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas práticas, compostas de estímulos para o desenvolvimento de exercícios de treinamento, improvisação e representação, nos níveis de trabalho individual e coletivo. Os alunos deverão produzir situações cênicas que articulem a expressão, a percepção, a estética e a ética, assim como a teoria e a prática vivenciadas nas aulas.
Critério
Resultados dos exercícios práticos e capacidade do aluno na execução dos mesmos. Sensibilidade, imaginação, criatividade, disciplina, pontualidade e grau de participação dos alunos também serão critérios de avaliação.
Norma de Recuperação
Não há
 
Bibliografia
     
1.ARTAUD, A. O teatro e o seu duplo. SP: Max. Limonad, 1984.
2. BARBA, E. & SAVARESE, N. A arte secreta do ator. Campinas: Hucitec, 1995.
3. BORHEIM, Gerd Brecht: a estética do teatro. RJ: Graal, 1992.
4. BROOK,Peter. O teatro e o seu espaço. Petrópolis: Vozes,1970.
5. CHEKHOV, M. Para o ator. SP: Martins Fontes, 1986.
6. GROTOWSKI, J.Em busca de um teatro pobre. RJ: Civil Bras.,l97l.
7. LABAN, R. O domínio do movimento. SP: Summus, 1978.
8.GUINSBURG, Jacó. Stanislavski, Meierhold & Cia. SP: Perspectiva, 2001.
9.MEYERHOLD, V. Teoria teatral. Madrid: Fundamentos, 1986.
10. STANISLAVSKI, C.A preparação do ator. RJ: Civ. Bras., l964.
 

Clique para consultar os requisitos para CAC0371

Clique para consultar o oferecimento para CAC0371

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2019 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP