Informa??es da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Escola de Comunicações e Artes
 
Informação e Cultura
 
Disciplina: CBD0260 - Elementos de Lógica para Documentação
Elements of Logic for Documentation

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2019 Desativação:

Objetivos
a) apresentar as características básicas da razão, do raciocínio na perspectiva da lógica; b) caracterizar a linguagem e descrever as formas de argumentos dedutivos e indutivos. Identificar parâmetros da lógica aplicados à organização, tratamento e recuperação da informação.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
5504324 - Marivalde Moacir Francelin
 
Programa Resumido
a) objeto da lógica; b) estudo dos procedimentos válidos e gerais do pensamento: conceitos, juízos e raciocínios, considerados nas formas em que são enunciados; c) aplicação da lógica aos procedimentos de produção, organização e disseminação da informação.
 
 
 
Programa
1. Contexto da lógica na Biblioteconomia, na Documentação e na Ciência da Informação. 2. Razão. Pensamento intuitivo. Pensamento lógico: distinção, características e funções. 3. Lógica e lógica instrumental aplicada à Organização do Conhecimento. 4. Objeto da lógica: argumento. O argumento: tipologia e estrutura. Inferência. 5. Descoberta e justificação. Principais tipos de argumentos: dedutivos e indutivos. Dedução. 6. Argumentos dedutivos. 7. Argumentos indutivos. 8. Indução, ciência e hipótese. 9. Lógica e linguagem. Falácias. Introdução às definições. 10. Palavra, termo e conceito na Organização do conhecimento.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas teóricas e práticas
Critério
Desempenho dos alunos nas atividades discentes. Prova final.
Norma de Recuperação
Apresentação de trabalho e / ou realização de prova escrita pelos alunos reprovados que obtiveram mínimo regimental e nota superior a TRÊS, segundo os prazos fixados pelo calendário de Atividades Acadêmicas.
 
Bibliografia
     
ARISTÓTELES. Órganon. Tradução, textos adicionais e notas de Edson Bini. 3. ed. São Paulo: Edipro, 2016. BACON, Francis. Novum Organum. Tradução de José Aluysio Reis de Andrade. 4. ed. São Paulo: Nova Cultural, 1988. Os Pensadores. BRANQUINHO, João; MURCHO, Desidério; GOMES, Nelson Gonçalves. (ed.) Enciclopédia de termos lógico-filosóficos. São Paulo: Martins Fontes, 2006. BUFREM, Leilah Santiago; BREDA, Sônia Maria. Presença da lógica no domínio da organização do conhecimento: aspectos interdisciplinares no currículo de ensino superior. Perspectivas em Ciência da Informação, v.16, n.1, p.185-194, jan./mar.2011. CARROLL, Lewis. Logique sans peine. Paris: Hermann, 1966. CHAUI, Marilena. Convite à Filosofia. 12. ed. São Paulo: Ática, 2002. COPI, Irving M. Introdução à Lógica. Tradução de Álvaro Cabral. 2. ed. São Paulo: Mestre Jou, 1978. COSTA, Newton Carneiro Afonso da. Ensaio sobre os fundamentos da lógica. 3. ed. São Paulo: HUCITEC, 2008. CUNHA, Isabel Maria Ribeiro Ferin. "O Falcão Maltês": a lógica em análise documentária. Revista de Biblioteconomia de Brasília, v. 17, n. 1, p. 51-61, jan./jun.1989. DAHLBERG, Ingetraut. Teoria do conceito. Ciência da informação. Rio de Janeiro, v. 7, n. 2, p. 101-107, 1978. HEGENBERG, Leônidas; ARAÚJO JUNIOR, Antonio Henrique de; HEGENBERG, Flávio E. N. (Org.). Métodos de pesquisa: de Sócrates a Marx e Popper. São Paulo: Atlas, 2012. HEMPEL, Carl G. Filosofia da Ciência Natural. Tradução de Plínio Sussekind Rocha. 3. ed. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1981. KNEALE, William; KNEALE, Martha. O desenvolvimento da lógica. Tradução de M. S. Lourenço. 2. ed. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 1980. MONTEIRO, Silvana Drumond; GIRALDES, Maria Júlia Carneiro. Aspectos lógico-filosóficos da organização do conhecimento na esfera da Ciência da Informação. Informação & Sociedade, v. 18, n. 3, p. 13-27, set./dez. 2008. ORRICO, Evelyn; RIBEIRO, Leila Beatriz; DODEBEI, Vera. Doze homens e uma sentença: a informação e o discurso no jogo da memória. Morpheus, ano 07, n. 12, 2008. Disponível em: http://www4.unirio.br/morpheusonline/numero12-2008/evelynleilavera.htm. Acesso em: 04 fev. 2015. PEIRCE, Charles Sanders. Ilustrações da lógica da ciência. Tradução e introdução de Renato Rodrigues Kinouchi. Aparecida, SP: Ideias & Letras, 2008. POE, Edgar Allan. A carta roubada. In:______. Antologia de contos extraordinários. Seleção e tradução de Brenno Silveira. Rio de Janeiro: BestBolso, 2010. p. 221-243. SAGREDO FERNÁNDEZ, Félix; IZQUIERDO ARROYO, José Maria. Concepción lógico-linguística de la documentación. Madrid: IBERCOM, 1983. SALMON, Wesley C. Lógica. Tradução de Álvaro Cabral. 3. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2002. SHERA, Jesse H.; EGAN, Margaret E. Princípios gerais para a elaboração de um sistema de classificação. In:______. Catálogo sistemático: princípios básicos e utilização. Tradução de Maria Neile Teles Landau. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 1969. p. 35-87. TÁLAMO, Maria de Fátima Gonçalves Moreira. A definição para a elaboração de glossários. In: SMIT, J. W. Análise documentária: a análise da síntese. Brasília: CNPq/IBICT, 1987. p.87-98. TODOROV, Tzvetan. Colombo hermeneuta. In:______. A conquista da América: a questão do outro. Tradução de Beatriz Perrone-Moisés. 4. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2016. p.19-46. WAGNER, Pierre. A lógica. Tradução de Marcos Marcionilo. São Paulo: Parábola, 2009. WALTON, Douglas N. Lógica informal: manual de argumentação crítica. Tradução: Ana Lúcia R. Franco e Carlos A. Salum. 2. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2012.
 

Clique para consultar os requisitos para CBD0260

Clique para consultar o oferecimento para CBD0260

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2019 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP