Informa??es da Disciplina

Júpiter - Sistema de Graduação

Escola de Comunicações e Artes
 
Comunicações e Artes
 
Disciplina: CCA0303 - Práticas Laboratoriais em Multimídia
Laboratory Practice in Multimedia

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 2
Carga Horária Total: 120 h ( Práticas como Componentes Curriculares = 60 h )
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2020 Desativação:

Objetivos
A orientação geral das práticas laboratoriais em multimídia é a de trabalhar as mídias digitais de forma integrada, para que os alunos experimentem, na prática, as possibilidades que se abrem para uma produção participativa de conteúdos digitais no contexto educativo.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
3611960 - Marciel Aparecido Consani
3204211 - Richard Romancini
 
Programa Resumido
A disciplina destina-se a proporcionar aos estudantes informações e vivências que posibilitem o domínio das tecnologias da informação nos espaços educativos, considerando as especificidades técnicas e a potencialidade de uso dd diferentes linguagens midiáticas. As linguagens abordadas nos aspectos teórico e prático serão as das matrizes (1) Gráfico-Visuais — Design Gráfico, Fotografia, Jornalismo impresso — e (2) Sonoras — Rádio e Podcasting.
 
 
 
Programa
Conteúdo para os créditos aula: 1.Comunicação, Arte e Intencionalidade: a origem das Mídias. 2.Elementos do Design I: Princípios de comunicação visual e gráfica (layout). 3.Fotografia: leitura informacional das imagens. 4.Elementos do Design II: Tipologia e Cor. 5.O conceito de Narrativa com base na Teoria as Representações 6.História em Quadrinhos Arte Sequencial. 7.Princípios da Linguagem Jornalística. 8.Famílias de periódicos: jornais, revistas e boletins. 9.Definição de parâmetros para a criação de Newsletter: público-alvo, objetivos editoriais, abordagem estética, formatos gráficos. 10.Editoração de Periódicos para publicação impressa e online. 11.Da Arte de ouvir: Som, Áudio e Psicoacústica. 12.Fundamentos de Produção de rádio: Sistemas de Áudio e Tecnologias de Gravação. 13.Grade de programação e Roteiros para Áudio e Rádio. 14.Edição digital de Áudio. 15.Publicação de áudio digital (Podcasting). Programa para os créditos trabalho: As atividades do crédito trabalho serão cumpridos mediante o uso dos laboratórios para o desenvolvimento de práticas decorrentes das discussões teóricas,o incluirá a produção e edição de produtos midiáticos com intencionalidade educativa.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Avaliação continuada. Serão usados como instrumentos de avaliação diversos trabalho de produção individual e coletiva, fracionando a avaliação dos trabalhos mais complexos em etapas de elaboração, tais como projeto, raff, prova e versão final (trabalhos gráficos) e argumento, roteiro, material bruto e arquivo finalizado (rádio/áudio).
Critério
Os trabalhos produzidos serão avaliados com base (1) em seu cumprimento, (2) no respeito aos prazos concedidos e (3) no cumprimento ao que foi solicitado na aplicação nos conteúdos trabalhados. Os critérios serão apresentados à classe no início do semestre, com base em um quadro de indicadores explicitando os objetos de avaliação e seu peso relativo na nota final, como segue no exemplo abaixo. INDICADORES DE AVALIAÇÃO NA DISCIPLINA Trabalhos individuais/em dupla = 2,5 I-foto-expressão [0,5], II-foto-sequência [0,5]; III-Layout cartão postal [0,5], VI- Vinil [0,5], VIII-Paisagem Sonora [0,5] Trabalhos em grupo = 1,5 IV. Fotonovela [1,5]. Trabalho bimestral I = 3 V. Newsletter: Briefing [0,5], Projeto Editorial [0,5], Projeto Gráfico [0,5], Raff [0,5], Newsletter finalizado [1.0]]. Trabalho bimestral II (final) = 3 VI. Spot de rádio: Projeto [0,25], roteiro [0,25], gravação [0,5], Spot editado [1.0], Spot finalizado [1.0].
Norma de Recuperação
Avaliação de trabalho(s) substitutivo(s) individual equivalente ao(s) que não alcançaram a nota necessária para aprovação.
 
Bibliografia
     
Bibliografia Básica CONSANI, M. A. Como Usar o Rádio na Sala de Aula. São Paulo, Editora Contexto, 2007 (p.63-112). EISNER, W. Narrativas Gráficas. São Paulo, Devir, 2005 (p. 07-20). FUENTES, R. A prática do Design Gráfico: uma metodologia criativa. São Paulo, Rosari, 2003 (p.21-58). LUPTON, E. Pensar com tipos. São Paulo, Ed. Cosac & Naif, 2013 (p.08-45). MARTINS, J. S. Sociologia da Fotografia e da Imagem. São Paulo, Contexto, 2008 (p.34-62). MCLEISH. R. Produção de Rádio. São Paulo, Summus, 2002 (p.43-95). SEPAC. Jornal Impresso: da forma ao discurso. São Paulo, Paulinas, 2009 (p.12- 41). (_____). Rádio: a arte de falar e ouvir. São Paulo, Paulinas, 2009 (p.37-59). SCHAEFFER, P. Representação e Comunicação. In HELBO, A. Semiologia da representação. Editora Cultrix (p.163-189). TODOROV, T. As Estruturas Narrativas. São Paulo, Perspectiva, 2013 (p.09-52). VERGUEIRO, W. & RAMA, A. Como Usar os Quadrinhos na Sala de Aula. São Paulo, Contexto, 2004. WILLIAMS, R. Design para quem não é designer. São Paulo, Callis, 2009 (p.15-51). ZANCHETTA Jr. J. Imprensa Escrita e Telejornal. São Paulo. Ed. Unesp, 2004 (p.12-37). Bibliografia Complementar BLAIR, J. P. Novo Guia de Fotografia National Geographic. São Paulo, Abril, 2011 (p.201-229). DONDIS, D.A. La Sintaxis de La imagen. Barcelona, GG, 1984 (p.53-81). FERREIRA, D. C. M. e PAIVA, J. E. R. O Áudio na Internet. Campinas, Mavebook, 2012 (p.15-28/89-102). HOLLIS, R. Design Gráfico: uma histórica concisa. São Paulo, Martins Fontes, 2000 (p.28-67). LASALLE VIRTUAL. Tutorial Audacity. Arquivo em formato “pdf” disponível em http://portaldoprofessor.mec.gov.br/storage/materiais/0000013570.pdf. MEYER, P. O Olho e o Cérebro: Biofilosofia da percepção visual. São Paulo, Unesp, 2002 (p.37-73). SCRIBUS.ORG. Tutorial Scribus http://wiki.scribus.net/canvas/P%C3%A1gina_principal . SERPA, A. Teoria das representações em Henri Lefebvre: por uma abordagem cultural e multidimensional da geografia. GEOUSP – Espaço e Tempo, São Paulo, v. 18, n. 3, p. 487-495, 2014.
 

Clique para consultar os requisitos para CCA0303

Clique para consultar o oferecimento para CCA0303

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2020 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP