Informações da Disciplina

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Escola de Comunicações e Artes
 
Comunicações e Artes
 
Disciplina: CCA0308 - Metodologia do Ensino da Educomunicação com Estágio Supervisionado
Methodology of Teaching Educomunication with Supervised Practice

Créditos Aula: 2
Créditos Trabalho: 3
Carga Horária Total: 120 h ( Estágio: 90 h )
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2020 Desativação:

Objetivos
Contribuir para a formação do licenciando em Educomunicação, privilegiando a análise e a realização de estágio supervisionado articulado pela interface comunicação-educação nos espaços de educação formal. Possibilitar, a partir desse objetivo, o exercício do pensamento crítico e reflexivo, voltado para a ação educomunicativa nos espaços de educação formal. Fornecer por meio da supervisão subsídios teóricos e práticos para a realização dos estágios curriculares.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
213522 - Claudemir Edson Viana
2139781 - Maria Cristina Palma Mungioli
 
Programa Resumido
A disciplina oferece fundamentos teóricos e práticos com o objetivo de fundamentar a realização dos estágios curriculares voltados para a formação do futuro educomunicador. Nesse contexto, a abordagem das concepções e práticas educomunicativas serão enfocadas levando em consideração os estágios realizados pelos licenciandos. Para subsidiar a discussão sobre as práticas, serão abordados os seguintes tópicos: Comunicação e Educomunicação nos contextos de educação formal; estratégias e procedimentos didáticos voltados para a Educomunicação; o espaço da Educomunicação nos documentos curriculares oficiais.
 
 
 
Programa
1. Comunicação, cultura escolar e didática: construindo o espaço da Educomunicação. 2. Formação de Educomunicadores: relações entre conhecimentos escolares e propostas curriculares. 3. Práticas educomunicativas no Ensino Fundamental: análise das orientações de dispositivos específicos: Lei Educom (Município de São Paulo), Programa de Educomunicação Socioambiental do Ministério do Meio Ambiente; Plano Estadual de Educação em Direitos Humanos de São Paulo; Base Nacional Comum Curricular. 4. Práticas educomunicativas no Ensino Médio: análise das orientações contidas nos Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Médio e das Orientações da Base Nacional Comum Curricular do Ensino Médio 5. Trabalho comunicativo a serviço da educação mediante o uso da mídia: o caso do Curso Mídias na Educação do MEC. 6. A produção educativa de emissoras de rádio ou de TV; 7. Metodologias de avaliação de projetos educomunicativos nos espaços de educação formal.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas dialogadas, seminários discentes, discussões em grupos, trabalhos práticos e teóricos individuais e coletivos. A avaliação ocorrerá ao longo processo de forma contínua e cumulativa, observando-se os seguintes aspectos: pontualidade, participação em discussões, realização das atividades solicitadas, elaboração de projeto para realização do estágio supervisionado e cumprimento das atividades previstas no estágio.
Critério
Assiduidade, participação.Realização dos trabalhos solicitados (Seminário, Relatório e Fichas de Estágio).
Norma de Recuperação
Esta disciplina não prevê recuperação.
 
Bibliografia
     
BRUNER, Jerome. A cultura da educação. Porto Alegre: Artmed Editora, 2001. BUCKINGHAM, David. Crescer na era das mídias eletrônicas. São Paulo: Edições Loyola, 2007. Citelli, A. (2018). Reforma do ensino médio. Comunicação & Educação, 23(2), 7-19. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9125.v23i2p7-19 COLL, Cesar et all. O construtivismo na sala de aula. São Paulo: Editora Ática, 2003. DIAS, Lia Ribeiro. A rede de inclusão digital, projetos da sociedade civil. São Paulo: 4º anuário a Rede (Bit Social), 2013 GOMES, Margarita Victoria. Educação em rede. São Paulo, Cortez, 2004. KAPLUN, Mario. Processos educativos e canais de comunicação. Comunicação & Educação, jan./abr. 1999, p. 68-75. LIBÂNEO, José Carlos; ALVES, Nilda (org). Temas de pedagogia: diálogos entre didática e currículo. São Paulo: Cortez, 2012. MARTÍN-BARBERO, Jesús. A comunicação na educação. São Paulo: Contexto, 2014. MARTIN-BARBERO. Jesús. O que significa saber na era da informação. In: A comunicação na educação. São Paulo: Contexto, 2014. (pp. 79-102) MEC. Comunicação e uso de mídias. Manual do Programa Mais Educação. Brasília, 2013. MEIRIEU, Philippe. A pedagogia entre o dizer e o fazer. Porto Alegre: Artmed Editora, 2002. MOLL, Jaqueline et. al. Caminhos da educação integral no Brasil: direito a outros tempos e espaços educativos. Porto Alegre: Penso, 2012. MUNGIOLI, M. C P.; RAMOS, Daniela O.; Viana, Claudemir Edson Uma formação inovadora na interface educação e comunicação: aspectos da Licenciatura em Educomunicação da Escola de Comunicações e Artes da USP. REVISTA LATINOAMERICANA DE CIENCIAS DE LA COMUNICACIÓN. , v.14, p.219 - 228, 2018. ONRUBIA, Javier. Ensinar: criar zonas de desenvolvimento proximal e nelas intervir. In: COLL, Cesar et all. O construtivismo na sala de aula. São Paulo: Editora Ática, 2003. PERRENOUD, P. Sucesso na escola: só o currículo! Nada mais que o currículo. Cad. de Pesquisa, n. 119, p. 9-27, julho/2003. PIMENTA, Selma Garrido e LIMA, Maria Socorro Lucena. Estágio e docência. São Paulo: Cortez, 2012. REVISTA VIRAÇÃO. Guia de Educomunicação, conceito e práticas. São Paulo, 2012. SETTON, Maria da Graça Jacintho. A cultura da mídia na Escola. São Paulo, Annblume, 2004. SOARES, Ismar de Oliveira. Educação a distância como prática educomunicativa: emoção e envolvimento na formação continuada de professores da rede pública. Revista USP. São Paulo: n. 55. p. 56-69, 2002. SOARES. Ismar de Oliveira. Gestão comunicativa e educação: caminhos da educomunicação. Comunicação & Educação, São Paulo, Ano VIIi, já./abr 2002, no. 23. SOARES, Ismar de Oliveira. A Educomunicação e a Base Nacional Comum Curricular: caminhos para a alfabetização midiática e informacional. In:VIANA, C. E; SOARES, I O; XAVIER, J.B.((org). Educomunicação e alfabetização midiática: conceitos, práticas e interlocuções– São Paulo, SP : ABPEducom, 2016. (p. 35-49); https://issuu.com/abpeducom/docs/livro_4-_final SOARES, Ismar de Oliveira. BASE NACIONAL COMUM CURRICULAR (BNC): EXISTE ESPAÇO PARA A EDUCOMUNICAÇÃO E A MÍDIA-EDUCAÇÃO, NO NOVO PROJETO DO MEC? São Paulo, SP : ABPEducom, 2015. https://issuu.com/abpeducom/docs/texto_bncc_-_existe_espa__o_para_a_ SOUSA, Sandra Zákia; OLIVEIRA, Romualdo Portela. Ensino Médio noturno: democratização e diversidade. Educar, Curitiba, n. 30, p. 53-72, 2008. Editora UFPR TEIXEIRA, Anísio. Educação no Brasil. Rio de Janeiro: UFRJ Editora, 2011. VIANA, Claudemir Edson. Educomunicação na Atualização de Docentes do Ensino Básico: a Educação Crítica e Emancipatória em Tempos de Cibercultura. Cadernos de Pesquisa: Pensamento Educacional. v. 14 n. 36 (2019): Mídias, Comunicação e Educação: Interfaces. 2019. VIANA, Claudemir Edson Educomunicação, do movimento popular às políticas públicas: o percurso acadêmico de Ismar de Oliveira Soares. REVISTA LATINOAMERICANA DE CIENCIAS DE LA COMUNICACIÓN. , v.14, p.238 - 247, 2017. VIANA, Claudemir Edson. A educomunicação possível: práticas e teorias da educomunicação revisitadas por meio de sua práxis. In. Educomunicação e suas áreas de intervenção: novos paradigmas para diálogo intercultural. ABPEducom, 2017. P 925-943. VIANA, Claudemir Edson; Pesquisa TIC Educação 2013 e os caminhos a percorrer na prática educomunicativa em contextos da cibercultura. TIC Educação 2014. São Paulo:. Comitê Gestor da Internet no Brasil. 2016. VIANNA, Heraldo Marelim. Pesquisa em Educação – a observação. Brasília: Plano Editora, 2003. VIGOTSKI, L. S. Imaginação e criatividade na infância. São Paulo: Editora WMF Martins Fontes, 2014. VOLPI, Mário e PALAZZO, Ludmila (orgs.). Mudando sua escola, mudando sua comunidade, mudando o mundo, sistematização de experiências em educomunicação, UNICEF, Brasília, 2010.
 

Clique para consultar os requisitos para CCA0308

Clique para consultar o oferecimento para CCA0308

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2020 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP