Informa??es da Disciplina

Júpiter - Sistema de Graduação

Escola de Comunicações e Artes
 
Comunicações e Artes
 
Disciplina: CCA0314 - Teorias do Signo
Theories of Sign

Créditos Aula: 2
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 30 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2020 Desativação:

Objetivos
Expor as principais matrizes teóricas da Semiótica, mostrando sua fundamentação filosófica e evolução histórica. Definir conceitos e termos importantes das teorias do signo, relacionando-os à teoria da informação e da comunicação. Identificar os diferentes tipos de signos e sua ação no fluxo da semiose Compreender como os signos produzem os sentidos. Explorar as relações entre semiótica e design.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
3187300 - Daniela Osvald Ramos
 
Programa Resumido
O curso discute o papel da semiótica na fundamentação teórica do design, especialmente em sua ontologia e epistemologia. A teoria dos signos de Peirce é apresentada, bem como seus desdobramentos mais recentes na teoria da comunicação e da lógica da produção dos sentidos. A aplicação da semiótica ao design é apresentada nas suas várias possibilidades, como na interface com a arquitetura, no desenho industrial, no design gráfico e nas discussões contemporâneas sobre o papel social e a sustentabilidade da atividade do design.
 
 
 
Programa
01 – Linguagem e Signos 02 - As diferentes matrizes da semiótica 03 – O conceito de semiose como ação do signo 04 – O conceito de semiose como ação do signo 05 – A tipologia dos signos segundo Peirce 06 – Conceitos da Semiótica da Cultura 07- A semiótica no design 08 – Semiótica e Sinalética 09 - A semiótica e a convergência das mídias 10 – As linguagens híbridas 11 – Semiótica nos espaços virtuais 12 – Semiótica Crítica 13 - Cultura como sistemas de signos.
 
 
 
Avaliação
     
Método
As aulas serão ministradas através de aulas teóricas e expositivas, debates e oficinas.
Critério
O aluno será avaliado a partir da seguinte produção: • Trabalho individual ao final do primeiro semestre, ensaístico ou prático; trabalho em grupo ao final do semestre. Observação: trabalhos entregues com atraso terão a nota descontada.
Norma de Recuperação
Trabalho individual ensaístico, apoiado em conceitos trabalhados durante o semestre, de 15 a 20 laudas.
 
Bibliografia
     
BARTHES, Roland. Elementos de semiologia. São Paulo: Cultrix, 1997. BELCHIOR, Camilo. Reciclando os sentidos. São Paulo, 2014. STOA ou Disponível em: < https://www.researchgate.net/profile/Camilo_Belchior/publication/322553968_Reciclando_os_Sentidos_-_E-book/links/5a5f8dae458515b4377974d5/Reciclando-os-Sentidos-E-book.pdf>. DELEUZE, Gilles & GUATTARI, Feliz. Mil Platôs Vol. 1. Editora 34, São Paulo, 1995. Mil Platôs Vol. 2. Editora 34, São Paulo, 1995____. ECO, Umberto. Estrutura ausente. São Paulo: Perspectiva-Edusp, 1971. FLUSSER, Vilém. O mundo codificado. Cosac&Naify, São Paulo, 2006. MACHADO, Irene. Escola de Semiótica. A experiência de Tártu- Moscou para o estudo da cultura. Ateliê Editorial / Fapesp, São Paulo, 2003. NIEMEYER. Lucy. Elementos de semiótica aplicados ao design. Rio de Janeiro: 2AB Série Design, 2007. NOTH, Winfried. Panorama da semiótica: de Platão a Peirce. São Paulo: Annablume, 1995. PIGNATARI, Décio. Semiótica e literatura. Cotia: Ateliê Editorial, 2004. ROMANINI, Vinicius. Design como comunicação: uma abordagem semiótica. SEMINÁRIO DO CURSO DE DESIGN DA FAU-USP-DESIGN: QUO VADIS 1, 1-5 SANTAELLA, Lucia. O que é Semiótica. Sâo Paulo: Editora Brasiliense, 2008. A teoria geral dos signos. Como as linguagens significam as coisas. Cencage Learning, São Paulo, 2000.
 

Clique para consultar os requisitos para CCA0314

Clique para consultar o oferecimento para CCA0314

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2020 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP