Informações da Disciplina

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Escola de Comunicações e Artes
 
Jornalismo e Editoração
 
Disciplina: CJE0442 - História do Jornalismo II
History of Journalism II

Créditos Aula: 2
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2017 Desativação:

Objetivos
Avaliar os fundamentos teóricos da história e do jornalismo e suas relações com as práticas profissionais de historiadores e jornalistas. Mostrar a contribuição de obras sobre historia e jornalismo para a análise de crenças, de mitos, de símbolos, de preconceitos, de proibições e de utopias na sociedade.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
39052 - Alice Mitika Koshiyama
559873 - André Chaves de Melo Silva
5702986 - Vítor Souza Lima Blotta
 
Programa Resumido
Estudo de teorias da história e do jornalismo, relacionando as suas práticas com as transformações e permanências das relações sociais, econômicas, políticas e culturais na sociedade. Estudo de obras representativas de práticas de história e de jornalismo. Estudo de crenças, mitos, preconceitos, símbolos, ideologias em trabalhos de história e jornalismo. Poder, tecnologias e ideologias no capitalismo. O intelectual orgânico, o trabalhador intelectual e o funcionário do sistema. no capitalismo.
 
 
 
Programa
1. História, individuo e sociedade 2. História, ciência e ideologia. 3. História e jornalismo: tempo e espaço 4. História, jornalismo e valor 5. História imediata e jornalismo 6. O documento em história e em jornalismo 7. História e jornalismo: memória, esquecimento,silêncio 8. A investigação do passado e do presente em história e em jornalismo 9. História e jornalismo: poder, tecnologias, e ideologias no capitalismo 10. História e jornalismo: o intelectual orgânico, o trabalhador intelectual e o funcionário do sistema. no capitalismo
 
 
 
Avaliação
     
Método
Serão computadas a participação em atividades programadas, leituras e fichas de textos, organização e apresentação de seminários em grupo, provas intermediária e final, trabalho final individual.
Critério
Participação nas atividades definidas para a disciplina; participação em aulas e seminário; redação de uma dissertação individual.
Norma de Recuperação
A recuperação será feita através de leituras, fichamentos de textos, elaboração de um trabalho individual e prova de aproveitamento.
 
Bibliografia
     
ABRAMO, Bia (org.). Um Trabalhador da Notícia: textos de Perseu Abramo, São Paulo, Editora Fundação Perseu Abramo, 1997.
ARENDT, Hanna. A Mentira na Política: Considerações sobre os Documentos do Pentágono. In Crises da República. SP, Perspectiva, 1973, pp. 9-48.
BIONDI. Aloysio. Não sou militante (entrevista Márcio Venciguerra), in: http://www.aloysiobiondi.com.br/spip.php?article75
BLOCH, Marc. Apologia da História, ou o Ofício do Historiador; tradução: André Telles, Jorge Zahar Editor, Rio de Janeiro, 2002.
BRAUDEL, Fernand. Escritos Sobre a História. SP, Perspectiva, 1978.
CAPALDI, Nicholas. Da Liberdade de Expressão, Rio, Fundação Getúlio Vargas, 1974.
CARR, Edward Hallet. Que é História? , 3a. ed. (1982), 7a. reimpressão. Trad. : Lúcia Alverga, Rev. técnica: M. Y. Linhares, Rio, Paz e Terra, 1996.
CARVALHO, José Murilo. A Formação das Almas: o Imaginário da República no Brasil, SP, Companhia das Letras, 1990
CUNHA, Luiz Cláudio. “Todos temos que lembrar” [Discurso proferido na cerimônia de diplomação de notório saber do jornalista Luiz Cláudio Cunha, em 9 de maio de 2011]
http://www.unb.br/noticias/unbagencia/unbagencia.php?id=5052
ENZENSBERGER, Hans Magnus.Guerra Civil. Trad. Marcos Branda Lacerda & Sérgio Flaksman. São Paulo, Companhia das Letras , 1995.
FERRO, Marc. A História Vigiada, trad. D. S. Pinheiro, SP, Martins Fontes, 1989.
GRAMSCI, Antonio. Os Intelectuais e a Organização da Cultura. Trad. Carlos N. Coutinho, Rio, Civilização, 1968.
HABERMAS, Jürgen. Mudança estrutural da esfera pública. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 2003. pp.13-41.
HELLER, Agnes. O cotidiano e a história. 7ª. ed., trad. Carlos Nelson Coutinho e Leandro Konder, Rio, Paz e Terra, 2004.
KOVACH, Bill e Tom Rosenstiel. Os Elementos do Jornalismo – o que os jornalistas devem saber e o público exigir, São Paulo: Geração Editorial, 2003.
LE GOFF, Jacques. A Bolsa e a Vida: Economia e Religião na Idade Média, trad. Marcos de Castro, Editora Civilização Brasileira, 2007. / 2ª reimp., SP, Brasiliense, 1995.
LE GOFF, Jacques (org.). A História Nova. 2ª ed., trad. Eduardo Brandào, SP: Martins Fontes, 1993.
MORETZSOHN, Sylvia. O caso Tim Lopes: o mito da mídia cidadã''.Universidade Federal Fluminense, in : http://www.bocc.ubi.pt/pag/moretzsohn-sylvia-tim-lopes.pdf
MATTELART, Armand. História da Utopia Planetária, trad. Caroline Chang: Porto Alegre, Sulina, 2002.
MEYER, Philip. Precision Journalism: A Reporter's Introduction to Social Science Methods, 4th revised edition, New York: Rowman & Littlefield Publishers, 2002
POLLAK, Michel. “Memória, esquecimento, silêncio”. Estudos Históricos. Rio de Janeiro: CPDOC/FGV, v.1, n.3, 1989. Ou in: http://bibliotecadigital.fgv.br/ojs/index.php/reh/article/view/2278/1417
RAGO, Margareth. Os Prazeres da Noite: Prostituição e Códigos da Sexualidade Feminina em São Paulo 1890 - 1930, Rio, Paz e Terra, 1991.
SODRÉ, Nelson Werneck. A História da Imprensa no Brasil. Rio, Civilização, 1966.
 

Clique para consultar os requisitos para CJE0442

Clique para consultar o oferecimento para CJE0442

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2021 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP