Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Escola de Comunicações e Artes
 
Jornalismo e Editoração
 
Disciplina: CJE0497 - Ciências da Linguagem - Fundamentos das Práticas Midiáticas IV
Language Sciences - Fundamentals of Media Practice IV

Créditos Aula: 3
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 45 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2005 Desativação: 11/03/2014

Objetivos
1) Evidenciar na prática jornalística (discursos) os procedimentos argumentativos determinantes de sua organização.
2) Introduzir a discussão de questões relativas ao conceito e aos métodos da argumentação em suas relações com a linguagem.
3) Estabelecer relações entre as ciências da linguagem e as práticas discursivas jornalísticas.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
2068372 - Rosana de Lima Soares
 
Programa Resumido
1) Evidenciar na prática jornalística (discursos) os procedimentos argumentativos determinantes de sua organização.
2) Introduzir a discussão de questões relativas ao conceito e aos métodos da argumentação em suas relações com a linguagem.
3) Estabelecer relações entre as ciências da linguagem e as práticas discursivas jornalísticas.
 
 
 
Programa
1) Práticas discursivas jornalísticas: a argumentação como produção de sentido.
2) As artes da argumentação do século V a.C.: retórica e dialética.
3) Linguagem e lógica: sentidos possíveis, sentidos históricos.
4) Persuadir, convencer, demonstrar: o fazer jornalístico.
5) Sistemas silogísticos e argumentação: a ordem lógica e a desordem retórica.
6) A lógica da ciência: linguagem científica e jargão.
7) A lógica das incertezas: o logos contemporâneo.
8) Discursos midiáticos: prova, demonstração e fundamento da crença racional (dedução).
9) Discursos midiáticos: recorrência, valor de verdade e relatos comuns (indução e abdução).
13) Procedimentos argumentativos: inventio, dispositio, elocutio.
14) Nova retórica: da arte da persuasão à arte da invenção.
11) Práticas discursivas jornalísticas: argumentos (formas válidas e corretas).
12) Práticas discursivas jornalísticas: falácias (formas não-válidas e não-corretas).
10) Práticas discursivas jornalísticas: redes midiáticas, políticas globais e tecnologia.
15) Procedimentos argumentativos e práticas discursivas: o texto jornalístico.
 
 
 
Avaliação
     
Método
1) Aulas expositivas.
2) Discussão de textos teóricos.
3) Seminários.
Critério
1) Participação comprovada nos trabalhos propostos.
2) Realização de um trabalho final.
Norma de Recuperação
Trabalho programado pelo professor e entregue no semestre subseqüente.
 
Bibliografia
     
ABRAMO, P. Padrões de manipulação na grande imprensa. São Paulo: Editora Fundação Perseu Abramo, 2003.
ARISTÓTELES. Arte retórica. São Paulo: Difusão Européia do Livro, 1964.
________. Órganon. Lisboa: Guimarães Editores, 1987.
ARNAULD, A. & NICOLE, P. La logique ou l'art de penser. Paris: Flammarion, 1970.
AYER, A. J. Linguagem, verdade e lógica. Lisboa: Presença, 1991.
BERGER, C. Jornalismo no cinema. Porto Alegre: Editora UFRGS, 2002.
BETTETINI, G. Las nuevas tecnologías de la comunicación. Barcelona: Paidós, 1995.
BLANCHE, R. História da lógica. Lisboa: Edições 70, 1985.
BRETON, P. A argumentação na comunicação. São Paulo: Edusc, 1999.
CALVINO, I. Seis propostas para o próximo milênio. São Paulo: Companhia das Letras, 1990.
CARROLL, L. "Alice através do espelho". Alice: edição comentada. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2002.
CHAUÍ, M. Introdução à história da filosofia. Dos pré-socráticos a Aristóteles. Volume I. São Paulo: Brasiliense, 1994.
COSTA, N. C. Ensaio sobre os fundamentos da lógica. São Paulo: Hucitec, 1980.
DANTAS, A. (org.). Repórteres. São Paulo: Senac, 1998.
DELEUZE, G. Lógica do sentido. São Paulo: Perspectiva, 1998.
DESCARTES, R. Regras para a direção do espírito. Lisboa: Edições 70, 1985.
DUBOIS, J et. al. Retórica geral. São Paulo: Cultrix/Edusp, 1974.
FREGE, G. Lógica e filosofia da linguagem. São Paulo: Cultrix, 1978.
GRUPO M. Rhétorique générale. Paris: Seuil, 1982 (col. Points).
HAACK, S. Filosofia das lógicas. São Paulo: Unesp, 2002.
HEGENBERG, L. Dicionário de lógica. São Paulo: EPU, 1995.
KNEALE, W. & KNEALE, M. O desenvolvimento da lógica. 3a. ed. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 1991.
KOCH, I. G. V. Argumentação e linguagem. 7a. ed. São Paulo: Cortez, 2002.
KOYRÉ, A. Estudos de história do pensamento científico. São Paulo: Forense, 1982.
LEWIS, C. S. Studies in words. Cambridge: Cambridge University Press, 1996.
LYOTARD, J.-F. Moralidades pós-modernas. Campinas: Papirus, 1996.
MARCONDES, D. Filosofia, linguagem e comunicação. São Paulo: Cortez, 1992.
MATES, B. Lógica elementar. São Paulo: Edusp, 1968.
MOSCA, L. L. S. Retóricas de ontem e de hoje. São Paulo: Humanitas/Fflch, 1998.
NAHRA, C. Através da lógica. 4ª ed. Petrópolis: Vozes, 2001.
PERELMAN, C. Retóricas. Martins Fontes, 1997.
PARENTE, A. (org.). Imagem-máquina. Rio de Janeiro: 34, 1993.
PLATÃO. Górgias. São Paulo: Difusão Européia do Livro, 1970.
PLATÃO. "Sofista". In: Os pensadores. 4ª ed. São Paulo: Nova Cultural, 1987.
PLEBE, A. Manual de retórica. São Paulo: Martins Fontes, 1992.
RUELLE, D. Acaso e caos. 2a. ed. São Paulo: Unesp, 1993 (Biblioteca básica).
RYLE, G. Dilemas. São Paulo: Martins Fontes, 1993 (col. Tópicos).
SALMON, W. C. Lógica. 2a. ed. Rio de Janeiro: Zahar, 1971.
SENRA, S. O último jornalista. São Paulo: Estação Liberdade, 1997.
SUHAMY, H. A poética. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1988.
TRAQUINA, N. O estudo do jornalismo no século 20. São Leopoldo: Editora Unisinos, 2001.
TRAVANCAS, I. S. O mundo dos jornalistas. São Paulo: Summus, 1993.
VERÓN, E. A produção de sentido. São Paulo: Cultrix/Edusp, 1981.
WOLF, M. Teorias das comunicações de massa. São Paulo: Martins Fontes, 2003.
 

Clique para consultar os requisitos para CJE0497

Clique para consultar o oferecimento para CJE0497

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP