Informa??es da Disciplina

Júpiter - Sistema de Graduação

Escola de Comunicações e Artes
 
Música
 
Disciplina: CMU0849 - Música na Antiguidade Grega
Music in Greek Antiquity

Créditos Aula: 3
Créditos Trabalho: 4
Carga Horária Total: 165 h
Tipo: Semestral
Ativação: 15/07/2016 Desativação:

Objetivos
Aprofundar o entendimento da história da música ocidental a partir de sua origem grega e ampliar a sensibilidade estética para a compreensão de eventos e artefatos musicais da Antiguidade grega.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
1604221 - Monica Isabel Lucas
 
Programa Resumido
Os fundamentos da música grega antiga no período arcaico, clássico e helenístico. O conceito de mousiké. Organologia, aspectos melódicos, formais e rítmicos. Afinação e gêneros musicais. Artistas e circunstâncias de performance. A presença da música na poesia homérica, lírica e dramática. As relações da música com a filosofia, com a retórica e com a política, em especial por meio das noções de éthos e harmonía.
 
 
 
Programa
Introdução – localização espaço-temporal da cultura grega e breve análise comparativa com outras culturas antigas. O período arcaico grego e a origem da ideia de mousiké. As circunstâncias de performance, a rítmica e os instrumentos gregos do período arcaico e clássico. Aspectos da terminologia musical grega. Os instrumentos e cordas e a estrutura musical. Princípios de harmônica: a fixação das consonâncias, as médias proporcionais, as razões numéricas e os incomensuráveis. Afinação e gêneros musicais. Ethos e pensamento musical em Platão e Aristóteles. As relações da acústica com a harmônica. Análise dos Elementos de harmônica de Aristóxeno de Tarento. A tensão entre aristoxenianos e pitagóricos. A música grega no período helenístico e romano. Os tratados musicais de Claudio Ptolomeu e Aristides Quintiliano. Reconstituições dos instrumentos e da música grega antiga. Aspectos da transmissão e do legado da tradição musical grega.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Trabalho escrito.
Critério
Participação em aula; resultados em trabalhos/avaliações, evidenciando a absorção do conteúdo.
Norma de Recuperação
Não há recuperação.
 
Bibliografia
     
ARISTOXENUS. The harmonics. Hildesheim, Georg Olms Verlag, 1974. BARBERA, Andre. The consonant eleventh and the expansion of the musical tetráktys: a study of ancient pythagoreanism. Journal do Music Theory, vol. 28, no. 2, pp. 191-223. Yale: Duke University Press, 1984. BARKER, Andrew. Greek musical writings. Vol. II, Harmonic and acoustic theory. Cambridge, Cambridge University Press, 1989. BÉLIS, Annie. “Harmonique”. In: Le savoir grec. Paris, Flammarion, 1996, p.352-367. DEL GRANDE, Carlo. “Cenni sulla musica greca”. In: Enciclopedia Clasica, Vol. V, Sezione II. Torino, Societá Editrice Internazionale, 1960. FILOLAU. Fragmentos. Coleção “Os Pensadores”. São Paulo, Abril Cultural, 1973, p. 256-258. GIBSON, Sophie. Aristoxenus of Tarentum and the birth of musicology. Nova York, Routledge, 2005. MATHIESEN, Thomas. Apollo’s lyre. Nebraska: University of Nebraska Press, 1999. PLATÃO. Timaeus. Loeb Classical Library, Livro IX. Harvard University Press, 1989. PLATÃO. Laws. In: www.perseus.tuft.edu. acesso em 03 de janeiro de 2014. _____. La Repubblica. Milão: Mondadori, 1990. WEST, M. L. “The singing of Homer and the modes of early greek music.” In: The Journal of Hellenic Studies, 101. Cambridge, 1981, p.113-129. Winnington-Ingram, R.P. Mode in ancient greek music. Cambridge, 1968.
 

Clique para consultar os requisitos para CMU0849

Clique para consultar o oferecimento para CMU0849

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2019 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP