Informa??es da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Educação
 
Adm Escolar e Economia da Educação
 
Disciplina: EDA0662 - Relações de Gênero e Educação I: Trabalho, Educação e Gênero
EDA0662 4 Gender Relations and Education I: Work, Education and Gender

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2013 Desativação:

Objetivos
Refletir sobre o conceito de gênero e sobre as relações entre a divisão sexual do trabalho e a educação, bem como discutir o processo de feminização do magistério e suas conseqüências sobre o trabalho e a identidade coletiva e individual docente.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
81022 - Claudia Pereira Vianna
61405 - Marilia Pinto de Carvalho
 
Programa Resumido
Propiciar aos alunos e alunas a reflexão sobre as relações entre divisão sexual do trabalho e educação, bem como discutir o processo de feminização do magistério e suas conseqüências sobre o trabalho e a identidade coletiva e individual docente.
 
 
 
Programa
-Relações sociais de gênero e divisão sexual do trabalho: conceitos
-Novas tecnologias, trabalho flexível e situação de homens e mulheres no mercado de trabalho brasileiro
-Feminização do magistério: aspectos históricos e sociológicos
-Identidade docente e relações de gênero
-Organização docente e relações de gênero
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas expositivas, seminários, trabalhos, leituras.
Critério
Avaliação contínua por meio de provas, seminários, trabalhos escritos e outras atividades
Norma de Recuperação
Realização de provas ou trabalhos complementares, de acordo com o calendário da Universidade
 
Bibliografia
     
ALVARENGA, Carlina Faria. Relações de gênero e trabalho docente: jornadas e ritmos no cotidiano de professoras e professores. São Paulo: FEUSP Dissertação (Mestrado), 2008.
APPLE, Michael W. Trabalho docente e textos: economia política das relações de classe e de gênero em educação. Porto Alegre: Artes Médicas, 1995.
CARVALHO, Marília Pinto de. No coração da sala de aula: gênero e trabalho docente nas séries iniciais. São Paulo: Xamã/Fapesp, 1999.
CARVALHO, Marília Pinto de. Vozes masculinas numa profissão feminina. Estudos Feministas. Rio de Janeiro: CFH/CCE/UFRJ, v. 3, n.2, 1995, p.406-422.
CATANI, Denice et allii. Os homens e o magistério: as vozes masculinas nas narrativas de formação. In: BUENO, Belmira et allii (orgs). A vida e o ofício dos professores: formação contínua, autobiografia e pesquisa em colaboração. São Paulo: Escrituras, 1998, p.45-64.
CHILLEMI, Margaret Maria. Produção de subjetividade, militância e gênero. Porto Alegre : 1997. Dissertação (Mestrado), PUC-RS.
COSTA, Marisa. Trabalho docente e profissionalismo. Porto Alegre: Sulina, 1995.
DEMARTINI, Zeila de Brito Fabri, ANTUNES, Fátima Ferreira. Magistério primário: profissão feminina, carreira masculina. Cadernos de Pesquisa. São Paulo: Fundação Carlos Chagas/Cortez, n.86, ago, 1993, p.5-14.
GROSSI, Míriam, HEILBORN, Maria Luiza, RIAL, Carmen. Entrevista com Joan Wallach Scott. Estudos Feministas. Florianópolis: CFH/CCE/UFSC, v. 6, n.1, 1998, p.114-125.
HIRATA, Helena. Reestruturação produtiva, trabalho e relações de gênero, Revista Latinoamericana de Estudios del Trabajo: Gênero, Tecnologia e Trabalho. Ano 4, n. 7. 1998, p.5-28.
LEITE, Márcia de P. e POSTHUMA, Anne C. Reestruturação Produtiva e Qualificação: reflexões sobre a experiência brasileira. São Paulo em Perspectiva, Revista da Fundação SEADE, v. 10, n. 1, 1996.
LOBO, Elisabeth Souza. A classe operária tem dois sexos: trabalho, dominação e resistência. São Paulo: Brasiliense/SMC, 1991.
LOURO, Guacira Lopes. Gênero, sexualidade e educação: uma perspectiva pós-estruturalista. São Paulo: Vozes, 1997.
LOURO, Guacira Lopes. Mulheres na sala de aula. In: PRIORE, Mary Del História das mulheres no Brasil. São Paulo: Contexto/UNESP, 1997, p.443-481.
NICHOLSON, Linda. Interpretando o gênero. Estudos Feministas. Florianópolis: CFH/CCE/UFSC, v.8, n.2, 2000, p.9-42.
PEREIRA, Luiz. Magistério primário numa sociedade de classes. São Paulo : Pioneira, 1969.
POSTHUMA, Anne C. Mercado de trabalho e exclusão social da força de trabalho feminina, IN: ABRAMO, Laís e ABREU, Alice R. de Paiva.(orgs.) Gênero e Trabalho na sociologia latino-americana, São Paulo;Rio de Janeiro: ALAST. 1998.
SCOTT, Joan W. As trabalhadoras. In: DUBY, George; PERROT, Michèle. História das mulheres no ocidente. Porto/São Paulo : Afrontamentos/Ebradil, s.d. p.444-475
SCOTT, Joan Wallach. Gênero: uma categoria útil de análise histórica. Educação & Realidade. Porto Alegre: v. 20, n. 2, jul./dez. 1995, p.71-99.
VIANNA, Cláudia Pereira. Entre o desencanto e a paixão: desafio para o magistério. In: BRUSCHINI, Cristina, HOLLANDA, Heloisa Buarque de. Horizontes plurais: novos estudos de gênero no Brasil. São Paulo: FCC/Ed. 34, p.315-342.
VIANNA, Cláudia Pereira. O sexo e o gênero da docência. Cadernos PAGU, Campinas Núcleo de Estudos de Gênero/UNICAMP, n. 17/18, 2001/2002.
VIANNA, Cláudia. Os nós do nós: crise e perspectivas da ação coletiva docente em São Paulo, São Paulo : Xamã, 1999.
VIDAL, Diana Gonçalves. Sexualidade e docência feminina no ensino primário do Rio de Janeiro (1930-1940). In: BRUSCHINI, Cristina, HOLLANDA, Heloisa Buarque de. Horizontes plurais: novos estudos de gênero no Brasil. São Paulo : Fundação Carlos Chagas/Ed. 34, p.281-314.
 

Clique para consultar os requisitos para EDA0662

Clique para consultar o oferecimento para EDA0662

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2020 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP