Informa??es da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Educação
 
Filosofia da Educ e Ciências da Educ
 
Disciplina: EDF0683 - Temas Transversais em Educação
EDF0683 2 Cross-disciplinary Themes in Education

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2010 Desativação:

Objetivos
- Compreensão do conceito de transversalidade na educação;
- O estudo e a aplicação de metodologias de ensino que instrumentalizem alunos e alunas para uma ação pedagógica que integre os conteúdos escolares tradicionais (ex: matemática, língua, história, geografia e ciências), aos conteúdos mais voltados para o cotidiano das pessoas (ex: a ética, a sexualidade, o meio ambiente, a diversidade e os sentimentos);
- Incorporação de temas como: ética, sexualidade, meio ambiente e os sentimentos ao projeto pedagógico escolar;
- Instrumentalização dos alunos para a construção de uma escola de qualidade;
- O planejamento escolar empregando a metáfora de "rede".
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
1793053 - Valeria Amorim Arantes de Araujo
 
Programa Resumido
Este curso objetiva estudar o conceito de transversalidade na educação, dentro da concepção de que conteúdos como a ética, a sexualidade, o meio ambiente e os sentimentos devem constituir o eixo vertebrador da estrutura curricular das escolas brasileiras. Esta mudança na orientação da organização escolar passa pela construção de novas formas de se conceber tanto as relações interpessoais quanto as institucionais, e buscam a construção de uma escola inclusiva, pautada nos princípios da justiça e da democracia, e voltada para os interesses cotidianos da maioria da população.
Elaborado de forma interdisciplinar, o curso contará com a participação de vários docentes que abordarão os temas propostos e conceitos para a construção de uma escola de qualidade. A unidade do curso será obtida no estudo e na aplicação de metodologias de ensino que instrumentalizem os profs. para uma ação pedagógica que integre os conteúdos esc. tradic. aos conteúdos mais voltados para o cotidiano das pessoas
 
 
 
Programa
Este curso objetiva estudar o conceito de transversalidade na educação, dentro da concepção de que conteúdos como a ética, a sexualidade, o meio ambiente e os sentimentos devem constituir o eixo vertebrador da estrutura curricular das escolas brasileiras. Esta mudança na orientação da organização escolar passa pela construção de novas formas de se conceber tanto as relações interpessoais quanto as institucionais, e buscam a construção de uma escola inclusiva, pautada nos princípios da justiça e da democracia, e voltada para os interesses cotidianos da maioria da população.
Elaborado de forma interdisciplinar, o curso contará com a participação de vários docentes que abordarão os temas propostos e conceitos para a construção de uma escola de qualidade. A unidade do curso será obtida no estudo e na aplicação de metodologias de ensino que instrumentalizem os profs. para uma ação pedagógica que integre os conteúdos esc. tradic. aos conteúdos mais voltados para o cotidiano das pessoas.
 
 
 
Avaliação
     
Método
O curso será ministrado por meio de aulas expositivas e por meio de seminários temáticos, que poderão incorporar diferentes linguagens e metodologias em sua execução.
Critério
A avaliação ocorrerá por meio da produção individual de um dossiê, acompanhando as temáticas trabalhadas durante o curso; por um trabalho individual; e um trabalho em grupo.
Norma de Recuperação
Trabalho individual.
 
Bibliografia
     
Bibliografia Básica:
ALCALDE, A. I. et al. (2006). Transformando la escuela: comunidades de aprendizaje. Barcelona: editorial Graó.
ALVES, R. (2004) Aprendiz de mim: Um bairro que virou escola. Campinas: Editora Papirus.
ARANTES, V. A. (org); GHANEM, E.; TRILLA, J. (2008) Educação formal e não-formal: Pontos e Contrapontos. São Paulo: Summus.
ARANTES, V. A. (org); ARAÚJO, U.F.; PUIG, J. M. (2007) Educação e valores: Pontos e Contrapontos. São Paulo: Summus.
ARANTES, V. A. (2003). Afetividade na escola: alternativas teóricas e práticas. São Paulo: Summus.
ARAÚJO, U. F. & AQUINO, Júlio G. (2001). Os direitos humanos na sala de aula: a ética como tema transversal. São Paulo, Moderna.
ARAUJO, U. F. (2003) Temas Transversais e a estratégia de projetos. São Paulo: Moderna.
ARAUJO, U. F. & SASTRE, G. (2009). Aprendizagem baseada em problemas no ensino superior. São Paulo: Summus.
BENEVIDES, M. V. (2004). Cidadania e Direitos Humanos. In: CARVALHO, J. S. F. (org). Educação, Cidadania e Direitos Humanos. Petrópolis: Vozes.
BUSQUETS, M.D. et al (1997). Temas transversais em educação. São Paulo, Ática.
CAMARGO, A. M. & RIBEIRO, C. M. (2000). Sexualidade(s) e Infância(s): a sexualidade como tema transversal. São Paulo, Editora Moderna e Editora da Unicamp.
DUBET, F. (2006). La escuela de las oportunidades. Qué es una escuela justa? Barcelona: Gedisa.
ESTEVE, J. (2004). A terceira revolução educativa. São Paulo: Moderna.
MARTÍN, X. (2003). Tutoria: técnicas, recursos y atividades. Barcelona: Alianza.
MEC (2003). Programa Ética e Cidadania: construindo valores na escola e na comunidade. Brasília: SEB/MEC.
MEC (2007). Programa Ética e Cidadania: construindo valores na escola e na comunidade. Brasília: SEB/MEC.
MONTEIRO, A. & POMPEO, G. (2001). A matemática e os temas transversais. São Paulo, Moderna.
MORENO, M. et al (2000). Falemos de sentimentos: a afetividade como um tema transversal. São Pulo, Moderna.
PUIG, Josep M. (1998). Ética e Valores: métodos para um ensino transversal. São Paulo, Casa do Psicólogo.
PUIG, J. et al (2000). Democracia e participação escolar: propostas de atividades. São Paulo, Moderna.
PUIG, J. M. (2004) Práticas morais: uma aproximação sociocultural `a educação moral. São Paulo: Moderna.
PUIG, J. M. (2007). Competencia en autonomia e iniciativa personal. Barcelona: Alianza.
SASTRE, G. & MORENO, M. (2002). Resolução de conflitos e aprendizagem emocional: gênero e transversalidade. São Paulo: Moderna.
TORRES, R. (2005). Comunidad de aprendizaje. In: MEDEIROS, B. & GALIANO, M. Barrio-escuela: movilizando el potencial educativo de la comunidad. São Paulo: Fundação Abrinq. UNICEF, Cidade Escola Aprendiz.
ÚCAR, X. & BERÑE, A. L. (coords). (2006). Miradas y diálogos en torno a la acción comunitária. Barcelona: Editora Graó.
ZABALA, A. & ARNAU, L. (2008). Cómo aprender y enseñar competencias. Barcelona: Graó.
 

Clique para consultar os requisitos para EDF0683

Clique para consultar o oferecimento para EDF0683

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2020 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP