Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Faculdade de Educação
 
Metodologia do Ensino e Ed Comparada
 
Disciplina: EDM0426 - Metodologia do Ensino de Física II
Methodology of the Teaching of Physics II

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 3
Carga Horária Total: 150 h ( Estágio: 90 h )
Tipo: Semestral
Ativação: 15/07/2019 Desativação:

Objetivos
a) Fornecer subsídios teóricos e vivências de situações práticas para que o licenciando desenvolva os saberes docentes necessários à uma prática profissional compatível com as finalidades do ensino de física no nível médio b) Possibilitar oportunidades de análise sobre situações vivenciadas na escola durante o estágio, a partir de conhecimentos teóricos e de propostas inovadoras de ensino trabalhados ao longo da disciplina, dando o apoio para o desenvolvimento de projetos de ensino c) Desenvolver uma atitude investigativa e crítica sobre os processos de ensino de física e o papel do professor de física na sociedade contemporânea.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
6578131 - Elio Carlos Ricardo
2961052 - Lúcia Helena Sasseron Roberto
1644612 - Maria Lucia Vital dos Santos Abib
2104163 - Mauricio Pietrocola Pinto de Oliveira
 
Programa Resumido
O desenvolvimento curricular do ensino de física no contexto das escolas de ensino médio e possibilidades de inovação: perspectivas teóricas, propostas inovadoras e recursos didáticos atuais. Desenvolvimento de projetos de ensino no estágio em perspectiva investigativa. O papel do professor de física na escola
 
 
 
Programa
1. Reorganização curricular do ensino de física em diferentes perspectivas teóricas e princípios para atuação docente 2. Reorganização curricular e avaliação do ensino e da aprendizagem 3. Análise de recursos didáticos no ensino de física: livros didáticos, textos paradidáticos, softwares 4.História e filosofia da ciência no ensino 5. Resolução de problemas e matematização no ensino 6. Perspectivas de inovações no ensino de física no contexto escolar
 
 
 
Avaliação
     
Método
A avaliação será realizada por meio de acompanhamento do envolvimento dos estudantes registrado em atividades em sala de aula e atividades de estágio. Estas situações demandarão construção, pelos estudantes, de produções escritas, como portfólios, resenhas e relatórios, podendo compreender também provas escritas.
Estas atividades podem compreender ações individuais e em grupo, realizadas em sala de aula ou em outros horários de estudos.
Critério
A aprovação está condicionado à frequência mínima em 75% das aulas, à obtenção de média igual ou superior a 5,0 (cinco) pontos e à realização do estágio.
Médias entre 3,0 (três) e 4,9 (quatro e nove) pontos possibilitam que o alunos realize recuperação em período conforme calendário USP.
Norma de Recuperação
Prova escrita e/ou trabalho (somente para aqueles que tenham realizado os estágios).
 
Bibliografia
     
ASTOLFI, Jean-Pierre; Develay, M. (1989) - La Didactique des Sciences - Presses Universitaires de France.
BENLLOCH, M.; (1984) - Por um aprendizaje constructivista de las ciencias. Propuesta didactica para el ciclo superior de basica. Visur Libros.
CARRASCOSA ALIS, J. e outros (1990) - Formacionde Formadores en Didactica de las Ciencias, Universitat de valencia. Nau Libres.
DRIVER, R., GUESNE, E. y TIBERGHIEN, A. (1985). Chisdre's ideas in science. (Open University Press: Milton Keynes) Trad. Cast. De P. Manzano, 1989 - Ideas científicas en la infancia y la adolescencia (Morata/MEC:Madrid)..
GIL D.; CARRASCOSA, J.; FURIO, C.y. M. Torregrosa (1991) - La Ensenanza de las Ciencias en la Education Secundarie, Ice - Harsori, Universitat de Barcelona.
CARVALHO, A. M. P. (1987) - Prática de Ensino: os estágios na formação do professor. 2ª edição, Livraria Pioneira ed., São Paulo.
CARVALHO, A. M. P. de (org.) Ensino de ciências por investigação: condições para implementação em sala de aula. São Paulo: Cengage, 2013.
CARVALHO, A. M. P. de (org.) Ensino de Física. São Paulo: Cengage, 2010.
CARVALHO, A. M. P. de. Os estágios nos cursos de licenciatura. São Paulo: Cengage, 2012.
PORLAN, R.; GARCIA, J.E. y CANAL, P. (1989) - Cosntrutuvismo y ensenanza de las ciencias. Diada Ed., Sevilha.
POZO, J. I. (1987) - Aprendizage de la Ciencia y Pensamiento Causall. Visor Libros Ed. Madrid.
PROYECTO CURRICULAR "INVESTIGACION Y RENOVACION ESCOLAR"(IRES), Volumes: I, II e II, Diada Editoras S. L. (1991).
GIORDAN, A.; VECCHI, G. (1988) - Los Origenes del Saber, Diada Editoras - Sevilha.
CARVALHO, A. M. P. de; GIL-PEREZ, D. (1993). Formação de Professores de Ciências. São Paulo, Cortez.
CARVALHO, A. M. P. de; VANNUCCHI, A. I.; BARROS, M. A.; GONÇALVES, M. A. R.; REY, R. C. de (1998). Ciências no Ensino Fundamental. São Paulo, Escrituras Editora.
NARDI, R. (org.) (1998). Pesquisas em ensino de Física. São Paulo, Escrituras Editora.
SILVA, D. (1990). O ensino construtivista da velocidade angular. Textos Pesquisa para o ensino de Ciências nº 3, São Paulo, Faculdade de Educação.
TIBERGHIEN A., JOSSEM, E. L.; BAROYAS, J.; (Ed.) (1998); Research in Physics Education with Teacher Education, ICPE book. 15
NARDI, R. (1992) Subsídios para o Ensino de Campo, Texto Pesquisa para o Ensino de Ciências, Faculdade de Educação.
Livros Didáticos de Física para o Ensino Médio. Artigos diversos dos seguintes periódicos:
Revista Brasileira de Ensino de Física.
Caderno Catarinense de Ensino de Física.
Revista de Ensino de Ciências.
Enseñanza de las Ciencias.
Investigacioón en la Escuela.
 

Clique para consultar os requisitos para EDM0426

Clique para consultar o oferecimento para EDM0426

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2020 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP