Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Escola de Educação Física e Esporte
 
Esporte
 
Disciplina: EFE0149 - Esporte e Meio Ambiente
Outdoor Sports and Environment

Créditos Aula: 2
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2015 Desativação:

Objetivos
Propiciar informações acerca de esportes na natureza e no meio ambiente, para que os discentes tenham condições de atuarem acadêmica e profissionalmente.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
3618536 - Rômulo Cássio de Moraes Bertuzzi
 
Programa Resumido
Desenvolvimento sustentável e esporte de natureza.
 
 
 
Programa
Surgimento dos esportes de aventura. História dos esportes de aventura no Brasil. Fundamentos do desenvolvimento sustentável e Esporte. Poluição atmosférica e desempenho esportivo. Os atletas e as questões do meio ambiente. Principais fatores de risco: condições meteorológicas, insetos e animais peçonhentos. Ajustes fisiológicos crônicos mediante a exposição ao calor, frio, umidade e altitude. Esportes de aventura praticados com prancha. Esportes de aventura praticados com bicicleta. Estilos da escalada em rocha: “boulder”, esportiva, tradicional e “big wall”. Competições em escalada esportiva: aspectos táticos, técnicos, biomecânicos, fisiológicos e regras. Montanhismo: orientação, alimentação e utilização de equipamentos. Cavernas e técnicas verticais.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Serão utilizadas aulas expositivas, seminários e discussões de vídeos, além de prova escrita
Critério
Apresentação de trabalhos 0-10 (peso 4)
Avaliação escrita 0-10 (peso 4)
Relatórios 0-10 (peso 2)
Norma de Recuperação
A disciplina não oferecerá recuperação.
 
Bibliografia
     
Alsobrook NG, Heil DP. Upper body power as a determinant of classical cross-country ski performance. Eur J Appl Physiol. 2009 Mar;105(4):633-41.
Beck, S. O livro de bicicletadas do excursionista ofegante. Editora: produção independente.
Bunting, CJ, Little, MJ, Tolson, H, Jessup, G. Physical fitness and eustress in the adventure activities of rock climbing and rapelling. J Sports Med, v. 26, p.11-20, 1986.
Carlisle AJ, Sharp NC. Exercise and outdoor ambient air pollution. Br J Sports Med. 2001 Aug;35(4):214-22.
Faiss R, Praz M, Meichtry A, Gobelet C, Deriaz O. The effect of mountain bike suspensions on vibrations and off-road uphill performance. J Sports Med Phys Fitness. 2007 Jun;47(2):151-8.
Flouris AD. Modelling atmospheric pollution during the games of the XXVIII Olympiad: effects on elite competitors. Int J Sports Med. 2006 Feb;27(2):137-42.
Mendez-Villanueva A, Bishop D. Physiological aspects of surfboard riding performance. Sports Med. 2005;35(1):55-70.
Mermier, CM, Jannot, JM, Parker, DL, Swan, JG. Physiological and anthropometric determinants of sport climbing performance. Brit J Sports Med, v. 34, p. 359-366, 2000.
Miranda, J, Lacasa, E, Muro, I. Actividades físicas en la naturaleza: un objeto a investigar. Dimensiones científicas. Apunts, v. 41, p. 53-69, 1995.
Sharman JE, Cockcroft JR, Coombes JS. Cardiovascular implications of exposure to traffic air pollution during exercise. QJM. 2004 Oct;97(10):637-43.
Tavares O, DaCosta L, Miranda R. Esporte, Olimpismo e Meio Ambiente: visões internacionais. Editora Gama Filho, 2002.
Wirnitzer KC, Kornexl E. Exercise intensity during an 8-day mountain bike marathon race. Exercise intensity during an 8-day mountain bike marathon race. Eur J Appl Physiol. 2008 Dec;104(6):999-1005.
 

Clique para consultar os requisitos para EFE0149

Clique para consultar o oferecimento para EFE0149

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2021 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP