Informa??es da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Ciências Farmacêuticas
 
Farmácia
 
Disciplina: FBF0428 - Farmacognosia I
Pharmacognosy I

Créditos Aula: 2
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 30 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2015 Desativação:

Objetivos
Ao final da disciplina, o aluno deverá ter adquirido conhecimentos relativos à obtenção de drogas vegetais e de seus extratos, incluindo tópicos relativos ao cultivo da planta medicinal, aos processos de conservação e de extração, às diferentes classes de metabólitos secundários que contêm, bem como suas propriedades físico-químicas, biológicas, farmacológicas e usos.
 
This is a course designed to allow students to acquire knowledge on plant drug and extracts obtention. Among the main included topics are: medicinal plant cultivation and collection, conservation and drug extraction processes, classes of secondary metabolites as well as their physico-chemical, biological and pharmacological proprieties and uses.
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
62469 - Dominique Corinne Hermine Fischer
 
Programa Resumido
Grupos de princípios ativos: glicosídeos antraquinônicos, taninos, polissacarídeos e óleos voláteis, quanto aos aspectos químicos, biológicos e farmacológicos, obtenção, conservação, extração e principais drogas vegetais utilizadas.
 
This course aims to assess plant drugs containing anthraquinone glycosides, tannins, polysaccharides and volatile oils, in what concerns their chemical, biological and pharmacological features, obtention, conservation, extraction and the main used drugs containing it.
 
 
Programa
Teórico:
- Introdução à Farmacognosia e principais conceitos
- Obtenção de drogas e de extratos vegetais
- Processos extrativos empregados em Farmacognosia
- Grupos de compostos ativos e aspectos relativos a: estrutura química, propriedades físicas e químicas, processos de obtenção, caracterização, quantificação, atividades biológicas e farmacológicas, usos e principais drogas que os contem:
- Glicosídeos antraquinônicos
- Taninos
- Polissacarídeos
- Óleos voláteis

Prático:
- Processos de extração de drogas vegetais
- Obtenção e caracterização de glicosídeos antraquinônicos, taninos, polissacarídeos e óleos voláteis em drogas vegetais e derivados.
 
Theoretical Content:
- Introduction to Pharmacognosy and main concepts
- Drugs and plant extracts obtention
- Main extraction processes applied in Pharmacognosy
- Groups of bioactive compounds: Chemical structure, chemical and physico-chemical proprieties, obtention processes, characterization, quantification, biological and pharmacological activities, uses and main drugs containing:
- Anthraquinone glycosides
- Tannins
- Polysaccharides
- Volatile oils
Practical Content:
- Plant drugs extraction processes
- Detection and quantification of markers and/or classes of bioactive compounds of drugs and plant extracts.
 
 
Avaliação
     
Método
1) Método de Ensino:
Aulas expositivas e práticas referentes aos tópicos abordados na disciplina, apresentação de trabalho relativo a espécie vegetal contendo determinada classe de compostos bioativos e resolução de exercícios.

2) Método de Avaliação:
A avaliação será baseada na realização de 2 (duas) provas teóricas dissertativas, na apresentação do trabalho e no desempenho do aluno nas aulas práticas.
Critério
MÉDIA FINAL = 6 x P + 2 x T + 2 x L / 10
onde :
P: média das Provas = (P1 +P2)/2
T: nota do trabalho (apresentação, conteúdo, formatação)
L: nota de laboratório (participação, presença)

O aluno deverá obter média das Provas (P) maior ou igual a 5,0 (cinco), para que as demais notas sejam consideradas no cálculo da Média Final

Será aprovado o aluno que obtiver nota média superior ou igual a 5,0 e frequência mínima de 70%.
Norma de Recuperação
Os alunos com frequência mínima de 70% e nota média de 3,0 a 4,9 poderão fazer uma prova escrita sobre o conteúdo, ao final do semestre do oferecimento da disciplina.
 
Bibliografia
     
Básica:
PROENÇA DA CUNHA. Farmacognosia e fitoquímica. Lisboa. Fundação Calouste Gulbenkian. 2009.670 p.
SIMÕES, C.M. e col. Farmacognosia. 6a ed. Porto Alegre/Florianópolis: Ed. Univ. UFRGS/Ed. UFSC, 2007.1102 p.
BRUNETON, J. Farmacognosia, fitoquímica, plantas medicinales. Zaragoza: Editorial Acribia, [2001]. xvi, 1099 p.
EVANS, W.C. Trease and Evans’ Pharmacognosy 16 ed. Edinburgh: Saunders/Elsevier, 2009 New York. 603 p.
ROBBERS, J.E.; SPEEDIE, M.K.; TYLER, V.E. Farmacognosia e farmacobiotecnologia. São Paulo : Editorial Premier, 1997. 372 p.
COSTA, A.F. Farmacognosia. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian. 3 vol. 1967-2002.
Legislação
BRASIL. Resolução RDC n.14, de 31 de março de 2010. Dispõe sobre o registro de medicamentos fitoterápicos. Diário Oficial da União, Brasília, n.63, 05 abr. 2010.

Farmacopéias
EUROPEAN PHARMACOPOEIA. Strasbourg: Council of Europe. 2007. 2v. [suplementos e edições anteriores]
FARMACOPÉIA BRASILEIRA 5.ed. São Paulo: Atheneu, 2010 [e edições anteriores]
THE UNITED STATES PHARMACOPEIA: USP 34 ed. National Formulary: NF 29. Rockville,Md:United States Pharmacopeial Convention, 2010. [e edições anteriores]

Complementar:
Periódicos da Área: Journal of Ethnopharmacology, Journal of Natural Products, Planta Medica, Phytotherapy Research, Fitoterapia, Phytomedicine, Revista Brasileira de Farmacognosia
Bases de Dados: SciFinder, Pubmed, Web of Sciences, International Pharmaceutical Abstracts.
 

Clique para consultar os requisitos para FBF0428

Clique para consultar o oferecimento para FBF0428

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2020 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP