Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
 
Antropologia
 
Disciplina: FLA0102 - Antropologia II - Questões de Antropologia Clássica
Anthropology II - Inquiries in Classical Anthropology

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 90 h ( Práticas como Componentes Curriculares = 20 h )
Tipo: Semestral
Ativação: 15/07/2015 Desativação:

Objetivos
Propiciar a reflexão teórica e metodológica sobre conceitos fundamentais da antropologia social britânica e do culturalismo norte-americano (fases clássicas).
Com vistas à formação de professores, o curso tem como objetivos específicos a) aprimorar competências e habilidades relacionadas à expressão em língua portuguesa através da realização de atividades de interpretação de textos, imagens e vídeos, bem como de produção textual verbal e escrita; b) a partir do programa do curso explorar questões, conteúdos, materiais (textos de divulgação, filmes, reportagens etc.) relevantes para capacitação dos alunos como docentes do ensino médio na área de sociologia; c) estabelecer como recurso de rotina a teconologias de informação e comunicação, tais como o uso de plataformas como o moodle, disponibilização de materiais em nuvem, consulta e utilização do acervo filmográfico do Laboratório de Imagem e Som de Antropologia (LISA) etc.
 
 
 
Programa Resumido
Os conceitos de cultura (e seus processos de atribuição de significado) e de sociedade (organização, estrutura, instituição e função sociais) abordados a partir de dimensões como arte, parentesco, religião, economia etc. O método comparativo e a observação participante como fundamentos da pesquisa etnográfica.
 
 
 
Programa
Os conceitos de cultura (e seus processos de atribuição de significado) e de sociedade (organização, estrutura, instituição e função sociais) abordados a partir de dimensões como arte, parentesco, religião, economia etc. O método comparativo e a observação participante como fundamentos da pesquisa etnográfica.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas expositivas, Seminários e material audiovisual (filmes, documentários, slides etc.); leituras supervisionadas, proposição de exercícios de exprssão escrita e verbal, interação virtual via plataforma moodle, etc.
Critério
Prova escrita, Seminário, Relatório de pesquisa de campo feito em grupo.
Norma de Recuperação
Prova sobre toda matéria dada.
 
Bibliografia
     
UNIDADE I – Antropologia norte-americana: cultura e personalidade
A busca de leis no desenvolvimento das culturas. O método comparativo. Relação entre cultura e personalidade. Ênfase na construção e identificação de padrões culturais (“patterns of culture”) ou estilos de cultura (“ethos”).

BOAS, Franz. Antropologia cultural. (Org: Celso Castro). Rio de Janeiro, Jorge Zahar, 2004. “As limitações do método comparativo na antropologia”, p.25-39 [1896]; “Os métodos da etnologia” p.41-52 [1920]; “Raça e progresso” [1931], p.67-86; Os objetivos da pesquisa etnológica [1932], p.87-109.
BOAS, Franz. “Pontos de vista antropológicos básicos”, in: Stocking Jr., G. (org. e introd.) A formação da antropologia americana 1883-1911. Antologia. RJ: Contraponto/Editora UFRJ, 2004 pp. 84-104.

BATESON, G. Naven. Um exame dos problemas sugeridos por um retrato compósito da cultura de uma tribo da Nova Guiné, desenhado a partir de três perspectivas. São Paulo: EDUSP [1958] 2008 Cap. 2 “As cerimônias do Naven” (pp. 73-86); Cap. 9 “O ethos da cultura Iatmul: os homens” (pp. 175-190); Cap. 10 “O ethos da cultura Iatmul: as mulheres” (pp. 191-200); Cap. 13 “Contrate etológico, competição e cismogênese” (pp. 219-240).

MEAD, Margaret - Sexo e temperamento. São Paulo, Perspectiva, 4. ed., 2000 [1935]. “Introdução”, p. 19-27; “A padronização do temperamento sexual”. p.267-277; “O inadaptado”, p. 277-292; “Conclusão”, p. 293-303.

BENEDICT, Ruth. 1934. Padrões de cultura. Lisboa, Livros do Brasil, s.d. “Primeira Parte: Apresentação do Problema”, p. 7-70.
Unidade II - Funcionalismo Britânico: as noções de estrutura e Função
Origens e características do modelo funcionalista. A sociedade como totalidade. Interesse pelas instituições e suas funções para a manutenção da totalidade social. A ênfase no trabalho de campo (observação participante), na abordagem sincrônica dos processos sociais e nas noções de estrutura e função.

MALINOWSKI, Bronislaw. 1977. Argonautas do Pacífico Ocidental, São Paulo, Abril, Coleção Os Pensadores.
RADCLIFFE-BROWN, A. R. Estrutura e função na sociedade primitiva. Petrópolis, Vozes, 1973. “Sobre a estrutura social” [1940], p. 232-251; “O irmão da mãe na África do Sul” [1924], p. 27-45; “Os parentescos por brincadeira” [1940], p. 115-133.
EVANS-PRITCHARD, E.E. Bruxaria, oráculos e magia entre os Azande. Rio de Janeiro, Jorge Zahar, 2. ed., 2005 [1937]. “A bruxaria é um fenômeno orgânico e hereditário”, p. 33-48; “A noção de bruxaria como explicação dos infortúnios”, p. 49-61; “As vítimas dos infortúnios buscam os bruxos entre os inimigos”, p.62-81”; O oráculo de veneno na vida diária”, p.136-158.
EVANS-PRITCHARD, E.E. Os Nuer. São Paulo: Perspectiva, 2. ed., 2002 [1940]. “Introdução” (p. 5-21); “Tempo e espaço” (p. 107-150); “O sistema político” (p. 151-200).
LEACH, Edmund Sistemas políticos da Alta Birmânia. São Paulo, Edusp, 1996 [1954]. “Introdução”, p.65-80; “Gumlao e gumsa”, p. 247-260; “O mito como justificação da facção e da mudança social”, p. 307-319; “Conclusão”, p. 321-333.


Unidade III - As críticas às noções de estrutura e função

LEACH, Edmund “O mito como justificação da facção e da mudança social”, in: Edmund LEACH, Sistemas políticos da Alta Birmânia. São Paulo, Edusp, 1996 [1954] p. 307-319.
GLUCKMAN, Max 1974. Ordem e rebelião na África tribal (Cap.3. “Rituais de rebelião no sudeste da África”) Cadernos de Antropologia, n. 4, Ed. da UnB.
GLUCKMAN, Max “Análise de uma situação social na Zululândia moderna” (Parte I). In: Antropologia das sociedades contemporâneas (org. Bela Feldman-Bianco), São Paulo, Global, 1987, [1940] p. 227-267.
 

Clique para consultar os requisitos para FLA0102

Clique para consultar o oferecimento para FLA0102

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP