Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
 
Antropologia
 
Disciplina: FLA0385 - As Cidades e as Ideias
Cities and Ideas

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 90 h
Tipo: Semestral
Ativação: 15/07/2016 Desativação:

Objetivos
O curso tem como eixo estruturador as relações entre cidades e cultura, consideradas como relações de dupla mão (um polo alimentando e produzindo o outro). Trata-se de descartar qualquer aproximação do espaço urbano como “cenário” ou “contexto” no qual práticas culturais têm lugar, tentando escapar dos riscos de autonomização, seja da cidade, seja das ideias, práticas e figurações a ela associadas. O curso visa, portanto, fornecer aos alunos outros acessos à reflexão sobre os espaços urbanos, passados e presentes, com auxílio de uma bibliografia ampliada e da consideração de materiais diversos. Pretende ainda introduzi-los em uma discussão sobre as relações entre antropologia e arquitetura.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
2091991 - Fernanda Arêas Peixoto
 
Programa Resumido
A partir de um título tomado de empréstimo a José Luis Romero (1976), o curso tem como objetivo pensar os nexos íntimos e recíprocos entre a cidade e as ideias; ideias consideradas como modalidades de práticas em função de sua eficácia propositiva, ao mesmo tempo produtos e produtoras das cidades. Nos termos de Aldo Rossi em Arquitetura da cidade (1966), que inspiram a reflexão: “as grandes ideias percorrem a história da cidade e a conformam”. Examinaremos tanto o modo como as cidades são “lidas” pela teoria social e pelas artes, quanto os rebatimentos da imaginação social e artística nas feições, modelos e projetos das urbes. Cabe assinalar os descompassos frequentes entre os espaços urbanos e suas figurações, que frequentemente se autonomizam, nas cidades-míticas e nas “cidades-memória”, por exemplo. As cidades e suas formas (materiais e simbólicas), assim como o estilo de vida a elas associados, lançam-nos ainda na direção dos debates sobre a vida moderna, os espaços públicos e os modernismos, que adquirem contornos variados nas metrópoles europeias e latino-americanas, a serem pensadas, em seus traços distintivos, ao longo do percurso reflexivo proposto, que combinará diferentes abordagens, com o auxílio de textos provenientes de vários períodos e domínios do conhecimento: antropologia social, filosofia, sociologia, história urbana e cultural, arquitetura e artes.
 
 
 
Programa
- Experiências e linguagens urbanas - Materialidades e figurações espaciais - Ocupações, territórios e paisagens - Práticas, mobilidade, deslocamentos - Espaços e narrativas - Topografias conflitivas e memória - Cartografias, narrativas e imagens urbanas - Antropologia e arquitetura
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas expositivas; seminários; filmes e materiais audiovisuais; leituras dirigidas.
Critério
Presença e participação em sala de aula; provas e trabalhos escritos; seminários individuais e coletivos.
Norma de Recuperação
Prova escrita a ser realizada de acordo com o calendário estabelecido.
 
Bibliografia
     
AGIER, M. Antropologia da cidade. São Paulo, Terceiro Nome, 2011. ALBO, E. A.T. Inventión de La Habana, Barcelona, Editorial Casiopea, 2000. ARANTES, A. A. O espaço da diferença, Campinas, Papirus, 2000. AUERBACH, E. “La cour et la ville” In:_ Ensaios de literatura ocidental. Organização Davi Arrigucci Jr. e Samuel Titan Jr. Tradução Samuel Titan Jr. e José Marcos M. de Macedo. São Paulo, Duas Cidades, Editora 34, 2007. BRADBURY, M. “As cidades do modernismo” In: BRADBURY, M & MCFARLANE (eds). Modernismo: guia geral, 1890-1930. Tradução. Denise Bottmann. São Paulo, Companhia das Letras, 1998. BENDER, Thomas. The unfinished city. New York and the Metropolitan idea. New York: The New York Press, 2001. BERENSTEIN, P. A estética da ginga. A arquitetura das favelas através da obra de Hélio Oiticica, Rio de Janeiro, Casa da Palavra, 2002. BRESCIANI, Maria Stella (org). Imagens da cidade: séculos XIX e XX. São Paulo: ANPUH/Marco Zero, 1993. CANDIDO, Antonio. “A literatura na evolução de uma comunidade” (1954) In: Literatura e Sociedade. São Paulo, T.A. Queiroz, 2000. CARVALHO, Maria A. “A produção de uma cidade: o Rio de Janeiro por seus autores” In: CARVALHO, M. A. Quatro vezes cidade. Rio de Janeiro, Sette Letras, 1994. CASTRO, A. A São Paulo de Menotti del Picchia. São Paulo, Alameda, 2008. DE CERTEAU, M. L’Invention du quotidien. Vol.1 Arts de faire. Paris, Gallimard, Folio GERODETTI, João Emílio. Lembranças de São Paulo: a capital paulista nos cartões-postais e álbuns de lembranças. São Paulo, Studio Flah Produções Gráficas, 1999. GORELIK, A. “O moderno em debate: cidade, modernidade, modernização” In: MIRANDA, W. (org). Narrativas da modernidade. Belo Horizonte, Autêntica, 1999. GORELIK, A.. “Historia de la ciudad e historia intelectual”, Prismas, Revista de historia intelectual, n.3, 1999, pp. 209-23. GORELIK, A. “Mapas de identidad: la imaginación territorial en el ensayo de interpretación nacional: de Ezequiel Martínez Estrada a Bernardo Canal Feijó”. Primas. Revista de historia intelectual, n. 5, Universidade de Quilmes, 2001. GORELIK, A. La grilla y el parque. Espacio publico y cultura urbana en Buenos Aires, 1887-1936, Universidad Nacional de Quilmes, 2004, 2ª edição. JAYE, Michael e WATTS, Ann C. (Eds.). Literature and American urban experience, Manchester: Manchester University Press, 1981. INGOLD, T. Making: Anthropology, Archaeology, Art and Architecture, Routledge, London, 2013. INGOLD, T. Lines: A Brief History. Routledge, Oxon, UK, 2007. LANNA, A., PEIXOTO, F.A., LIRA, J.T.C. de e AMARAL, M.R de S. (orgs). São Paulo, os estrangeiros e a construção das cidades. São Paulo, Alameda/ FAPESP, 2011 LATOUR, B. & YANEVA. “GIVE ME A GUN AND I WILL MAKE ALL BUILDINGS MOVE”: AN ANT’S VIEW OF ARCHITECTURE” http://www.bruno-latour.fr/sites/default/files/P-138-BUILDING-VENICEpdf.pdf LATOUR, B. “OMA Projets Récents – En tapotants légèrement sur l’architecture de Koolhaas”, Architecture d’Aujourd’Hui, 361, 2005, pp. 70-79. LEPETIT, B. Por uma nova história urbana. São Paulo, EDUSP, 2001. LIRA, J.C.T. “Naufrágio e galanteio: viagem, cultura e cidades em Mário de Andrade e Gilberto Freyre”, Revista Brasileira de Ciências Sociais, v. 20, n. 57, São Paulo, ANPOCS. MACHADO, R. São Paulo em movimento. A representação cinematográfica da metrópole nos anos 1920. Dissertação de mestrado, ECA/ USP, 1989. MUMFORD, Lewis, A cultura das cidades, Belo Horizonte, Itatiaia, 1961. OLIVEIRA, L.L. (org). Cidade: história e desafios, Rio de Janeiro, Editora da FGV, 2002. PEIXOTO, F.A. “A cidade e seus duplos: os guias de Gilberto Freyre”, Tempo Social, 17 (1), Revista de Sociologia da USP, 2005. PEIXOTO, F.A. “As cidades nas narrativas sobre o Brasil” In: FRUGOLI, H. ANDRADE, L. & PEIXOTO, F. (orgs). As cidades e seus agentes: práticas e representações. São Paulo/ Belo Horizonte, EDUSP/ PUC Minas, 2006. PEIXOTO, F.A. A viagem como vocação. Itinerários, parcerias e formas de conhecimento, São Paulo, EDUSP/ FAPESP, 2015. RAMA, A. As cidades das letras. Tradução Emir Sader. São Paulo, Brasiliense, 1985. RIZEK, Cibele. “Os sentidos da cidade brasileira; figurações da ordem e de seus avessos”, Espaço & Debates, v. 23, n. 43-44, 2003. ROMERO, J. L. América Latina, as cidades e as idéias. Tradução Bella Josef. Rio de Janeiro, Editora da UFRJ, 2004. SALGUEIRO, H.A. “O pensamento francês na fundação de Belo Horizonte: das representações às práticas” In:_ Cidades capitais do século XIX, São Paulo, EDUSP, 2001. SARLO, B. Una modernidad periférica: Buenos Aires 1920 y 1930, Buenos Aires, Nueva Visión, 1988 SEVCENKO, N. Orfeu extático na metrópole, São Paulo, Companhia das Letras, 2000, 2ª reimpressão. SCHORSKE, Carl. Viena fin-de-siècle. Política e Cultura (1961). Campinas/São Paulo, editora da Unicamp /Companhia das Letras, 1990. SHORSKE, C.E. “A idéia de cidade no pensamento europeu” In:_ SHORSKE, C.E. Pensando com a história. Tradução Pedro Maia Soares. São Paulo, Companhia das Letras, 2000. SIMMEL, G. “As grandes cidades e a vida do espírito”. Tradução Leopoldo Waizbort. MANA, 11 (2), 2005. SOJA, E. Thirdspace: Journeys to Los Angeles and Other Real-and-Imagined Places, Oxford: Blackwell Publishing, 1996 XAVIER, Sandra; Paulo PROVIDÊNCIA; Luís QUINTAIS (Orgs). “Intersecções: antropologia e arquitetura (número temático)”, Joelho: Revista de Cultura Arquitetônica Coimbra, EDARQ, 2, 2011. YANEVA, A. Mapping Controversies in Architecture, ‪Ashgate Publishing, Ltd., 2012‬‬‬‬‬‬‬ YANEVA, A. The making of a building. A Pragmatist Approach to Architecture, Wien, 2009. WILLIAMS, R. O campo e a cidade na história e na literatura. Tradução de Paulo Henriques Britto. São Paulo, Companhia das Letras, 2000.
 

Clique para consultar os requisitos para FLA0385

Clique para consultar o oferecimento para FLA0385

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP