Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
 
Letras Clássicas e Vernáculas
 
Disciplina: FLC1256 - Literatura Latina: Historiografia ou Retórica/Oratória
FLC1256 Latin literature: Historiography or Rhetoric/Oratory

Créditos Aula: 2
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 60 h ( Práticas como Componentes Curriculares = 10 h )
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2015 Desativação:

Objetivos
Opção Historiografia: Proporcionar uma abordagem dos principais subgêneros, autores, tópicos e convenções da historiografia latina. A disciplina pretende discutir os problemas didáticos de ensinar a prática historiográfica latina, distinguindo o caráter laudatório desta do caráter pretensamente científico da prática historiográfica moderna.
Opção Retórica/Oratória: Proporcionar uma abordagem dos conceitos mais importantes de retórica e oratória antigas que possibilitem uma leitura contextualizada, e assim uma interpretação mais adequada, detextos latinos clássicos. A disciplina pretende discutir os problemas didáticos de ensinar retórica latina, que era parte da formação elementar do cidadão e instrumento do exercício da cidadania, no contexto atual, em que o julgamento da retórica é negativo.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
467529 - Adriano Scatolin
2353791 - Alexandre Pinheiro Hasegawa
433598 - Elaine Cristine Sartorelli
2085274 - João Angelo Oliva Neto
2851470 - Marcelo Vieira Fernandes
2095949 - Marly de Bari Matos
3190350 - Pablo Schwartz Frydman
1484771 - Paulo Martins
6752208 - Robson Tadeu Cesila
5094210 - Sidney Calheiros de Lima
 
Programa Resumido
Opção Historiografia:
O curso se propõe o estudo de textos da historiografia latina em suas várias modalidades e subgêneros, a partir das considerações teóricas elaboradas pela Retórica e pela Poética, assim como pelas definições tecidas pelos próprios autores das obras historiográficas.
Opção Retórica/Oratória:
O curso começa com o De oratore de Cícero, em que se examinam as diferentesescolas retóricas e a avaliação ciceroniana de cada uma delas. Estudam-se ainda as partes da retórica – invenção, disposição, elocução, memória e ação – e as virtudes da elocução – clareza, brevidade, correção, adequação e elegância. Por fim, aplicam-se os conceitos estudados a discursos de Cícero.
 
 
 
Programa
Opção Historiografia:
1) Historiografia e retórica (Cícero);
2) Leitura e comentário de textos de César, Salústio, Tito Lívio e/ou Tácito;
3) Subgêneros historiográficos: biografia (Suetônio e/ou Cornélio Nepos)
4) Subgêneros historiográficos: comentário;
5) Subgêneros historiográficos: monografia: Salústio;
6) Subgêneros historiográficos: anais;
7) Subgêneros historiográficos: epítome;
8) Subgêneros historiográficos: história universal;
9) Subgêneros historiográficos: história pragmática.
Problemas e estratégias didáticas do ensino das convenções da prática historiográfica latina e da distinção entre história, anais, comentários, biografia.
Opção Retórica/Oratória:
1. Cícero: a penetração da retórica como técnica, como sistema codificado, no mundo romano;
2. as diferentes escolas retóricas e a avaliação ciceroniana de cada uma delas;
3. a relação entre retórica, ou eloqüência, e sabedoria; os pontos de vista de Antônio e de Crasso (De Oratore) acerca do orador ideal;
4. o conceito de cultura geral, ou de “humanismo” (humanitas), por oposição ao conhecimento das técnicas da oratória; 5. as partes da retórica: invenção, disposição, elocução, memória e ação; o ritmo e a concinnitas;
6. as virtudes da elocução: clareza, brevidade, correção, adequação e elegância;
7. os tipos de questões: conjetura, definição, qualificação;
8. os discursos de Cícero.
Problemas e estratégias didáticas do ensino dos preceitos da retórica latina e da distinção entre os gêneros oratórios (deliberativo, judiciário, demonstrativo).
Em ambas as opções: Emprego das Tecnologias da Informação e da Comunicação no ensino e também no aprendizado (“sites” de texto e imagem relacionados com literatura latina e com cultura romana).
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas expositivas e dialogadas, e/ou leitura e comentário de textos. Uso de recursos audiovisuais e de tecnologia da informação e comunicação.
Critério
A avaliação dos alunos levará em conta os resultados das provas, e/ou a realização de exercícios e/ou trabalhos monográficos e/ou a participação nas aulas. Serão observados aspectos como capacidade de análise crítica dos textos, capacidade de redação, adequação à bibliografia proposta, entre outros.
Norma de Recuperação
Conforme norma vigente, terá direito a recuperação o aluno que alcançar a média mínima 3,0 (e abaixo de 5,0) no período letivo normal. A recuperação se fará mediante trabalho e/ou prova escrita (e/ou outros instrumentos, equivalentes aos utilizados no período letivo) em torno do programa desenvolvido durante o semestre. A média final do aluno será o resultado de uma média ponderada, em que a nota anterior terá peso 1 e a nota obtida na recuperação terá peso 3, isto é, a nota inicial corresponde a 25 % da média final.
 
Bibliografia
     
Opção Historiografia:
CAPE Jr. Robert W. “Persuasive history: Roman Rhetoric And Historiography”. In: DOMINIK, W. J. Roman Eloquence. London: Routledge, 1997, p. 212-228.
JOLY, Fábio Duarte. Ensaios sobre historiografia antiga. São Paulo, Alameda, 2007.
LEEMAN. A.D. “Le genre et le style historique à Rome: Théorie et pratique”. REL. Paris, v. 33. p. 183-208, 1955. - “L’historiographie dans le De oratore de Cicéron”. BAGB, Paris, v.3, p. 280-288, 1985.
HARTOG, F. A história de Homero a Santo Agostinho. Trad. J. L. Brandão. Belo Horizonte: Editora da UFMG, 2001.
MARINCOLA, John (ed.). A Companion to Greek and Roman Historiography. 2 vols. Oxford, Blackwell, 2007.
MARTIN, René; GAILLARD, Jacques. Les genres litteraires à Rome. Paris. Éditions Nathan, 1990.
ROLLER, Matthew B. “Color-Blindness: Cicero´s Death, Declamation and the Production of History”. CPh. Chicago, v. 92, p. 109-130, 1997.
SYME, Ronald. The Roman Revolution. Oxford: Oxford University Press, 1960.
WISEMAN, T.P. “Practice and Theory in Roman Historiography”. History 66, p. 375-393, 1981. WIEDEMANN, Th. “Reflections of Roman Political Thought in Latin Historical Writing”. In: AAVV. The Cambridge History of Greek and Roman Political Thought”. Cambridge, Cambridge University Press, 2000, p. 523-.
WOODMAN, A.J. Rhetoric in Classical Historiography. Four Studies. Sidney, Croom Helm, 1988.
Opção Retórica/Oratória:
BYCHKOV, O. V. & SHEPPARD, A. (Eds.) Greek and Roman Aesthetics. Cambridge, Cambridge University Press, 2010.
CLARKE, M. L. Rhetoric at Rome -- A Historical Survey. Routledge, London/New York, 1996 (3rd edition).
DOMINIK, W. J. & HALL, J. (Eds.) A Companion to Roman Rhetoric. Oxford, Blackwell, 2007.
DOMINIK, W. J. (Ed.). Roman Eloquence -- Rhetoric in Society and Literature. Routledge, London/New York, 1997.
GUNDERSON, E. (Ed.) The Cambridge Companion to Ancient Rhetoric. Cambridge, Cambridge University Press, 2009.
HABINEK, T. Ancient Rhetoric and Oratory. Oxford, Blackwell Publishing, 2005.
KENNEDY, G. A. A New History of Classical Rhetoric. Princeton, Princeton University Press, 1994.
MAY, J. (Ed.) Brill’s Companion to Cicero— Oratory and Rhetoric. Brill, Leiden/Boston/Köln, 2002.
PERNOT, L. La Rhétorique dans L’Antiquité. Paris, Librairie Générale Française, 2000.
POWELL, J., & PATERSON, J. (Ed.) Cicero the Advocate. Oxford, Oxford University Press, 2004.
STEEL, C. Roman Oratory. Cambridge, Cambridge University Press, 2006.
TOO, Y. L. (Ed.). Education in Greek and Roman Antiquity. Brill, Leiden/Boston, Köln, 2001.
WALKER, J. Rhetoric and Poetics in Antiquity. Oxford, Oxford University Press, 2000.
WARDY, R. The Birth of Rhetoric. Routledge, London/New York, 1998.
WORTHINGTON, I. (Ed.) A Companion to Greek Rhetoric. Oxford, Blackwell, 2007.
Bibliografia didática:
ANCONNA, R. A Concise Guide to Teaching Latin Literature. Norman: University of Oklahoma, 2007.
GAILLARD, J. Approches de la littérature latine. Paris: Nathan, 1992.
Bibliografia didática:
ANCONNA, R. A Concise Guide to Teaching Latin Literature. Norman: University of Oklahoma, 2007.
GAILLARD, J. Approches de la littérature latine. Paris: Nathan, 1992.
- “Sites” da internet:
LINKS LATINOS: http://frcoulter.com/latin/links.html
PERSEUS DIGITAL LIBRARY: http://www.perseus.tufts.edu/hopper/
ROME REBORN: http://romereborn.frischerconsulting.com/gallery-current.php#videos_2_1
THE LATIN LIBRARY: http://www.thelatinlibrary.com/
 

Clique para consultar os requisitos para FLC1256

Clique para consultar o oferecimento para FLC1256

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP