Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
 
Filosofia
 
Disciplina: FLF0468 - História da Filosofia Medieval III
History of Medieval Philosophy III

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 2
Carga Horária Total: 120 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2002 Desativação:

Objetivos
Aprofundamento do estudo monográfico de autores medievais visando capacitar o estudante a trabalhar com as especificidades da produção filosófica no período.
 
 
 
Programa Resumido
Apresentação de tópicos específicos segundo as linhas mestras do pensamento patrístico e medieval: a reelaboração de Agostinho do neo-platonismo; os desenvolvimentos agostinianos até Anselmo de Cantuária; a recepção medieval de Aristóteles e a tensão com o neo-platonismo; o contato com a filosofia árabe; a constituição da teologia como ciência e a separação da metafísica, a reação de Duns Escoto e de Guilherme de Ockham contra o caráter aristotélico da teologia de Tomás de Aquino; a ruptura da metafísica tradicional em Ockham.
 
 
 
Programa
1) Agostinho e a tradição neoplatônica.
1.1) Fé e razão.
1.2) A evidência racional.
1.3) A axiomática agostiniana.
1.4) Natureza e condição.
1.5) Memória e esquecimento.
1.6) Tempo e eternidade.
2) Recepção latina de Aristóteles e ruptura da tradição agostiniana.
3) Comentadores árabes e judeus: Avicena, Maimônides e Averróis.
4) Tomás de Aquino.
4.1) A distinção entre essência e existência.
4.2) A divisão da filosofia especulativa: física, matemática e metafísica.
4.3) Metafísica e teologia.
4.4) Teologia como ciência.
5) Duns Escoto: a univocidade do ser.
6) Guilherme de Ockham:
6.1) A Suma de Toda Lógica.
6.2) O signo. Termo mental.
6.3) Significação e suppositio.
6.4) Crítica de Tomás de Aquino.
6.5) Crítica de Duns Escoto.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas expositivas e seminários.
Critério
Seminário e dissertação.
Norma de Recuperação
Dissertação.
 
Bibliografia
     
Agostinho, Do mestre. Trad. A. Ricci. "Os Pensadores", São Paulo, Abril, 1973.
- Confissões. Trad. M. L. J. Amarante. São Paulo, Paulinas, 19844.
- A Cidade de Deus. Trad. O. P. Leme. Petrópolis, Vozes, 19913.
Duns Escoto, "Escritos filosóficos" in Tomás de Aquino et al., Seleção de Textos. Trad. C. A. R. Nascimento. "Os Pensadores", São Paulo, Abril, 1973, pp. 233-338.
Guilherme de Ockham, "Seleção de obras" in Tomás de Aquino et al., Seleção de Textos. Trad. C. L. Mattos. "Os Pensadores", São Paulo, Abril, 1973, pp. 339-404.
- Lógica dos Termos. Trad. F. Fleck. Porto Alegre, Edipucrs / USF, 1999.
- "Questão I do Prólogo da Ordinatio de Guilherme de Ockham" in Santos, A. R., Repensando a Filosofia. Porto Alegre, Edipucrs, 1997, pp. 57-117.
Tomás de Aquino, Suma Teológica. Trad. A. Corrêa. Porto Alegre, Sulina, 19802.
- O Ente e a Essência. Trad. C. A. R. Nascimento, Petrópolis, Vozes, 1995.
- Comentário ao Tratado sobre a Trindade de Boécio. Questões 5 e 6. Trad. C. A. R. Nascimento. São Paulo, Editora da UNESP, 1999.
Gilson, E., L'être et l'essence. Paris, Vrin, 1948.
- Introduction à l'étude de saint Augustin. Paris, Vrin, 19432.
- Jean Duns Scot: Introduction a ses positions fondamentales. Paris, Vrin, 1952.
- A Filosofia na Idade Média. Trad. E. Brandão. São Paulo, Martins Fontes, 1995.
- Philosophie et incarnation selon saint Augustin. Montreal, I.E.M., 1947.
- Pourquoi saint Thomas a critique saint Augustin; Avicenne et le point de depart de Duns Scot. Paris, Vrin, 1986.
- El Tomismo. Introducción a la Filosofía de Santo Tomás de Aquino. Trad. A. O. Quierno. Buenos Aires, Desclée, 1951.
 

Clique para consultar os requisitos para FLF0468

Clique para consultar o oferecimento para FLF0468

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP