Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
 
Filosofia
 
Disciplina: FLF0481 - História da Filosofia Moderna IV
History of Modern Philosophy IV

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 2
Carga Horária Total: 120 h
Tipo: Semestral
Ativação: 15/07/2016 Desativação:

Objetivos
O pensamento de Hume é frequentemente associado a rótulos – empirismo, ceticismo etc. – que não ajudam muito a compreender uma obra que, na primeira metade do século XVIII, propôs uma reflexão radical acerca dos fundamentos, possibilidades e limites do conhecimento e da ação humana. Pondo de lado essas denominações, o curso introduz a filosofia de Hume através da leitura, estudo e comentário de textos, em especial o livro primeiro do Tratado da natureza humana (1739-40) e as duas investigações, Sobre o entendimento humano (1748) e Sobre os princípios da moral (1751). É nessas obras, com efeito, que Hume leva a cabo uma revisão dos fundamentos da metafísica clássica. Pretende-se, com a leitura de textos centrais, dar uma ideia da dimensão e das implicações da ruptura efetuada por Hume em relação ao pensamento moderno, ruptura esta determinante não apenas para o advento da reação kantiana como também para o surgimento da fenomenologia, do positivismo lógico e de outras correntes filosóficas que marcam o pensamento contemporâneo.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
499525 - Eduardo Brandão
1591051 - Pedro Paulo Garrido Pimenta
 
Programa Resumido
Por meio da a leitura de textos centrais, pretende-se mostrar a dimensão e as implicações da ruptura efetuada por Hume em relação ao pensamento moderno, ruptura determinante não apenas para o advento da reação kantiana como também para o surgimento da fenomenologia, do positivismo lógico e de outras correntes filosóficas que marcam o pensamento contemporâneo
 
 
 
Programa
1) A ciência da natureza humana. 2) Origem e natureza das ideias. 3) Produção do sentido. 4) Crítica da razão. 5) Uma nova compreensão da experiência. 6) A dimensão histórica do conhecimento.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Trabalho escrito e/ou seminário.
Critério
A nota final será aquela da atividade de avaliação proposta. Se houver mais de uma atividade, o peso de cada uma será indicado pelo professor responsável pela disciplina.
Norma de Recuperação
Trabalho escrito, versando sobre conteúdos do curso, cuja nota substituirá a da primeira avaliação.
 
Bibliografia
     
Hume A treatise of human nature. Ed. Selby-Bigge/Nidditch. Oxford: Clarendon Press, 1978. A treatise of human nature. Ed. Norton. Oxford: Clarendon Press, 2011. Tratado da natureza humana. Tradução Debora Danowski. São Paulo: Edunesp, 2003. An inquiry concerning human understanding. Ed. Beauchamp. Oxford: Oxford University Press, 1999. An inquiry concerning the principles of morals. Ed. Beauchamp. Oxford: Oxford University Press, 1999. Estudos BAIER, A. A progress of sentiments. Cambridge (EUA): Harvard University Press, 1978. BRUNET, O. Philosophie et esthétique chez David Hume. Paris: A. G. Nizet, 1965. CLERO, J. Hume. Une philosophie des contradictions. Paris: Vrin, 1999. DELEULE, D. Hume et la naissance du libéralisme économique. Paris: Aubier, 1979. DELEUZE, G. Empirisme et subjectivité. Paris: PUF, 1953. _____. “Hume”. In: François Chatêlet (org.), História da filosofia, vol. 4. Tradução Guido Antonio de Alameida. Rio de Janeiro: Zaghar, 1974. FORBES, D. Hume’s philosophical politics. Cambridge (EUA): Cambridge University Press, 1975. GAUTIER, C. Hume et les savoirs de l’histoire. Paris: Vrin, 2006. HARRIS, J. Hume. An intellectual biography. Cambridge (EUA): Cambridge University Press, 2015. JONES, P. – Hume’s sentiments. Their Ciceronian and French contexts. Edimburgo: Edinburgh University Press, 1982. LE JALLÉ, E. Hume et la régulation morale. Paris: PUF, 2004. LEBRUN, G. “A boutade de Charing-Cross”. In: A filosofia e sua história. São Paulo: CosacNaify, 2004. _____. “David Hume no álbum de família da fenomenologia”. In: A filosofia e sua história. São Paulo: CosacNaify, 2004. MALHERBE, M. “La notion de circonstance dans la philosophie de Hume”. In: Hume Studies, IX, 02, 11/1983. MICHAUD, Y. Hume et la fin de la philosophie. Paris: PUF, 1981. MOSSNER, E. C. The life of David Hume. Oxford: Clarendon Press, 1990. RIBEIRO DE MOURA. C. A. “David Hume para além da epistemologia”. In: Racionalidade e crise. São Paulo, Curitiba: Discurso Editorial, Editora UFPR, 2002. WAXMAN, W. Hume’s theory of consciousness. Cambridge (EUA): Cambridge University Press, 2003.
 

Clique para consultar os requisitos para FLF0481

Clique para consultar o oferecimento para FLF0481

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP