Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
 
Geografia
 
Disciplina: FLG0701 - Ensino de Geografia na Educação Básica
Geography Teaching in Primary and Secondary School

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 2
Carga Horária Total: 120 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2022 Desativação:

Objetivos
1. Articular os fundamentos geográficos e as concepções teórico-metodológicas pedagógicas; 2. Analisar o conteúdo como fundamento crí¬tico do trabalho docente; 3. Discutir os aspectos epistemológico e ontológico na atividade de ensino; 4. Refletir sobre a formação social e a relação entre professores e alunos; 5. Compreender a Cartografia Escolar enquanto área de conhecimento vinculado ao ensino de Geografia na Educação Básica; 6. Analisar as diferentes linguagens e representações cartográficas no ensino de Geografia; 7. Compreender sujeito social, currículo, aula, atividade e avaliação como elementos analíticos na prática docente.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
6159172 - Paula Cristiane Strina Juliasz
 
Programa Resumido
A disciplina escolar e o conhecimento científico. Categorias, conceitos e princípios na construção do raciocínio geográfico na escola. Concepções teórico-metodológicas do ensino de Geografia. Representações cartográficas, linguagens e metodologias. Práticas de trabalho de campo.
 
 
 
Programa
1. Relação entre a Geografia como área de conhecimento acadêmico e a Geografia como disciplina escolar. 2. Fundamentos geográficos e concepções teórico-metodológicas do ensino de Geografia. 3. Conceitos fundamentais da Geografia no ensino: paisagem, território, espaço, lugar, escala, região e natureza. 4. Concepções de aprendizagem e construção de conceitos científicos. 5 Fatores do ensino: sujeito social, currículo, aula, atividade e avaliação. 6. As representações cartográficas na construção de conhecimentos geográficos. 7. Práticas de linguagem com as novas tecnologias. 8. O trabalho de campo no ensino fundamental.
 
 
 
Avaliação
     
Método
1. Exposições teóricas; 2. Aulas dialogadas; 3. Estudo dirigido; 4. Leitura e reflexão dos textos; 5. Produção de atividade didática.
Critério
1. Prova individual; 2. Atividades em grupos; 3. Planejamento de atividade de ensino;
Norma de Recuperação
Estudantes que não tiverem alcançado nota final de aprovação, mas obtiveram média acima de 3,00 e 75% de presença ao final do semestre, poderão realizar a atividade de recuperação. A atividade de recuperação consistirá em uma atividade com questões dissertativas, com base nas referências bibliográficas e temas da disciplina.
 
Bibliografia
     
Bibliografia Básica: ALMEIDA, R. D. (Org.) Novos rumos da cartografia escolar: currículo, linguagem e tecnologias. São Paulo: Contexto, 2011. CARLOS, A. F. A. (Org.). A Geografia em Sala de Aula. São Paulo: Contexto, 2003. CASTELLAR, S. M. V. (Org.) Educação Geográfica: teoria e prática. São Paulo: Editora Contexto, 2005. DUARTE, N. Educação escolar, teoria do cotidiano e a escola de Vigotski. 2ª ed. Campinas: Autores Associados, 1999. FREIRE, P. Papel da Educação na humanização. Seleção de Textos. São Paulo. n. 17. 1987. p. 01 – 13. FREITAS, M. I. C.; VENTORINI, S. E. (Org.). Cartografia Tátil : orientação e mobilidade ás pessoas com deficiência visual. Jundiaí: PACO editora, 2011. GOODSON, I. Tornando-se uma matéria acadêmica: padrões de explicação e evolução. Teoria & Educação. Porto Alegre (RS), n. 2, 1990. p. 230-254. LACOSTE, Y. A Geografia serve antes de mais nada para fazer a guerra. São Paulo: Ática, 1987. MENESES, U. T. B. de. Educação e museus: sedução, riscos e ilusões. Ciências e Letras (Porto Alegre), Porto Alegre, n.27, p. 91-101, 2000. MIZUKAMI, M. G. N. Ensino: As Abordagens do Processo. São Paulo, EPU, 1986. MOREIRA. R. Pensar e ser em geografia. 2a ed. São Paulo: Ed. Contexto, 2011. MONBEIG, P. Papel e valor do ensino de Geografia e de sua pesquisa. Boletim Carioca de Geografia, ano VII, números 1 e 2, Rio de Janeiro. RECLUS, E.; KROPOTKIN, P. Escritos sobre Educação e Geografia. Tradução de Rodrigo Rosa da Silva, Guilherme Amaral e Adriano Skoda. São Paulo: Biblioteca Terra Livre. 2014. RUFINO DOS SANTOS, J. O negro como lugar. In: MAIO, M. C.; SANTOS, R. V. Raça, ciência e sociedade.Rio de Janeiro: FIOCRUZ/CCBB, 1996. p. 219-223. SANTOS, R. E. N. dos. Diversidade, espaço e relações étnico-raciais: o Negro na Geografia do Brasil. 3a. ed. Belo Horizonte: Ed. Gutenberg, 2012. SOUZA, J. G.; JULIASZ, P. C. S. Geografia: ensino e formação de professores. São Paulo: Editora Luta Anticapital, 2020. SOUZA, J. G.; KATUTA, A. M. Geografia e Conhecimentos Cartográficos: a cartografia no movimento de renovação da geografia brasileira e a importância dos mapas. São Paulo: Editora UNESP/FAPESP. 2001. VIGOTSKI, L. S. A construção do pensamento e da linguagem. Tradução Paulo Bezerra. 2 ed. São Paulo: Martins Fontes, 2009. Bibliografia Complementar: AB'SABER, A. N. Educação e meio urbano. Geografia e Planejamento, São Paulo, n. 31, p. 1-23, 1978. ALMEIDA, R. D. Cartografia Escolar. São Paulo: Editora Contexto, 2007. ALMEIDA, R. D.; JULIASZ, P. C. S. Espaço e Tempo na Educação Infantil. São Paulo: Contexto, 2014. AZANHA, J. M. P. Uma ideia de pesquisa educacional. 2. ed. São Paulo: EDUSP. 2011. CALLAI, H. C. A Geografia no ensino médio. Revista Terra Livre, Sao Paulo, v. 14, p. 56-89, 1999. CASTELLAR, S. M. V.; JULIASZ, P. C. S. Educação Geográfica e Pensamento Espacial: conceitos e representações. Acta Geográfica, v. 1, p. 1-225, 2017. CIRQUEIRA, D. M. (2020). Notas sobre a racialidade na Geografia Humana de Vidal de La Blache. Boletim Paulista De Geografia, 1(104), 103–120. DUARTE, N. Vigotski e o “aprender a aprender”: crítica às apropriações neoliberais e pós-modernas da teoria Vigotskiana. 5ª ed. Campinas (SP): Autores Associados. 2011. FREIRE, P. A importância do ato de ler em três artigos que se completam. 50ª ed. São Paulo: Cortez. 2009. HELLER, A. Cotidiano e história. 10ª ed. Tradução de Carlos Nelson Coutinho e Leandro Konder. São Paulo: Paz e Terra. 2014. MARTINS, L. M. O desenvolvimento do psiquismo e a Educação Escolar: contribuições à luz da psicologia histórico-cultural e da pedagogia histórico-crítica. Campinas (SP): Autores Associados. 2015. MARX, K.; ENGELS, F. A ideologia alemã. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987. SAVIANI, D. Escola e Democracia. 32. ed. Campinas: Autores Associados, 1999. SEEMANN, J. (Org.). A aventura cartográfica: perspectivas, pesquisas e reflexões sobre a cartografia humana. Fortaleza: Expressão Gráfica, 2006. VENTURI, L. A. B. (Org.) Geografia: práticas de Campo, Laboratório e sala de aula. São Paulo: Sarandi, 2011. . VÁZQUEZ, A. S. Filosofia da práxis. Tradução Luiz Fernando Cardoso. Rio de Janeiro: Editora Paz e Terra, 1977. VIGOTSKI, L.S.; LURIA, A. R.; LEONTIEV, A. N. (org.) Linguagem, desenvolvimento e aprendizagem. Tradução de Maria da Pena Villalobos. 12. ed., São Paulo: Ícone, 2012. VLACH, V. R. F. Fragmentos para uma Discussão: Método e Conteúdo no Ensino da Geografia de lº e 2º Graus. Terra Livre, n. 2, 1987, p. 43 - 58.
 

Clique para consultar os requisitos para FLG0701

Clique para consultar o oferecimento para FLG0701

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2022 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP