Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
 
História
 
Disciplina: FLH0644 - História da América Independente II
History of Independent America II

Créditos Aula: 5
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 105 h ( Práticas como Componentes Curriculares = 20 h )
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2015 Desativação:

Objetivos
Discutir temáticas centrais referentes à história da América Latina no século XX, enfatizando as relações entre as esferas da política e da cultura. Apresentar questões propostas pela historiografia latino-americana contemporânea. Capacitar e instrumentalizar os alunos para a difusão do saber histórico, das fases da pesquisa e análise bibliográfica e historiográfica ao ensino nos diferentes níveis (fundamental, médio e superior), considerando diversas linguagens educativas.
 
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
1026060 - Gabriela Pellegrino Soares
2110581 - Julio Cesar Pimentel Pinto Filho
2089618 - Maria Helena Rolim Capelato
1307355 - Mary Anne Junqueira
5775421 - Robert Sean Purdy
1855698 - Stella Maris Scatena Franco Vilardaga
 
Programa Resumido
Nesta disciplina, discutimos as temáticas centrais referentes ao século XX, tais como revoluções sociais, modernismo, modernização, nacionalismo, reformismos políticos, identidades culturais, democracia e ditadura, integração latino-americana. Escolhemos fontes documentais diversas para trabalhar com os alunos e estabelecemos diálogos constantes com outras áreas do conhecimento. É importante salientar que a escolha de um recorte como “o século XX” não se justifica simplesmente como corte cronológico seco e sim como conjunto de temáticas históricas e problemas interligados. Ainda que tenhamos uma visão horizontal do conjunto dos países da América Latina, estudamos mais verticalmente algumas sociedades nacionais da especialidade de cada docente. Discutimos também o uso de metodologias de análise de documentos históricos e a identificação de problemáticas históricas para subsidiar o ensino de História.
 
 
 
Programa
CONTEÚDO A –
I. México. 1. A Revolução de 1910: indigenismo e releitura de uma mitologia nacional 2. Do estridentismo ao surrealismo: arte e revolução nas vanguardas 3. Vozes da Selva Lacandona: a persistência do zapatismo II. Cuba 1. Os sentidos da mestiçagem: o negrismo de Nicolás Guillén e Fernando Ortiz 2. Do real maravilhoso à rede de imagens: percepções cubanas da América 3. A Revolução de 1959 em três tempos III. Argentina 1. Redescoberta ou invenção da pátria na aventura das vanguardas 2. Mitologias nacionais e americanas no peronismo 3. O obscuro país: vozes militares IV. A América no espelho do XX: entre labirintos e maravilhas

CONTEÚDO B –
1 - Modernização na América Latina da passagem do século. 2 - A guerra de independência de Cuba e seu impacto na identidade hispano-americana. 3 - O modernismo e a busca de raízes. 4 - O nacionalismo latino-americano nos anos 1920 - 1930: a direita radical. 5 - A Revolução Mexicana. 6 - Imagens do México revolucionário: fotografia e pintura. 7 - Política de massas e controle social na América Latina: propaganda política. 8 - Arte e política na América Latina Contemporânea: realismo social. 9 - A Revolução Cubana. 10 - História e Identidade na América Latina. 11 - O ensino de História da América e os materiais didáticos.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Prova ou Trabalho escrito.
Critério
-frequência às aulas; leituras e participação nas discussões em sala, nos relatórios; clareza na exposição das ideias; capacidade de argumentação; sustentação teórica e historiográfica; capacidade de articulação entre ideias e leituras; capacidade de problematização; realização de "paper" referente às unidades, resenha de obra literária ou historiográfica ou comentário de filme; prova individual.
Norma de Recuperação
Relatórios de leitura - prova sobre tema a ser definido.
 
Bibliografia
     
ABREU, Martha e SOHYET, Rachel (Org.). Cultura Política e Leituras do Passado: Historiografia e Ensino de História. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2007.
AGGIO, Alberto. Democracia e socialismo: A experiência chilena. São Paulo: Editora da Unesp, 1993.
BITTENCOURT, Circe. “O percurso acidentado do ensino de História da América”. In BITTENCOURT, Circe e IOKOI, Zilda. Educação na América Latina. São Paulo: Expressão e Cultura/ EDUSP. 1996.
CAPELATO, Maria Helena R. Multidões em cena: Propaganda política no Varguismo e no Peronismo. 2. ed. São Paulo: Editora da Unesp, 2008.
CÓRDOVA, Arnaldo. La ideología de la Revolución Mexicana. México: Era, 1984.
FLORESCANO, Enrique. El nuevo pasado mexicano. México: Cal y arena, 1991.
GALDAMES, Osvaldo Silva. Breve história contemporânea de Chile. México: Fondo de Cultura Económica, 1999.
JOSEPH, Gilbert, LEGRAND, Catherine, SALVATORE, Ricardo (orgs.) Close Encounters of Empire: Writing the Cultural History of U.S.-Latin American Relations. Durham, NC: Duke University Press, 1998.
GILMAN, Claudia. Entre la pluma y el fusil: Debates y dilemas del escritor revolucionário en América Latina. Buenos Aires: Siglo XXI, 2003.
JELIN, Elizabeth (coord.). Memórias de la represión: Ditaduras del Cone Sur. Buenos Aires: Siglo XXI, 12 vols.
KARNAL, Leandro. História na sala de aula: conceitos, práticas e propostas. São Paulo, Contexto, 2005.
LEZAMA LIMA, José. A expressão americana. São Paulo: Brasiliense, 1988.
MACKINONN, Maria Moira e PETRONE, Mario Alberto. Populismo y neopopulismo en América Latina: El problema de la cenicienta. Buenos Aires: Eudeba, 1998.
MANRIQUE, Nelson. Historia de la Republica. Lima: COFIDE, 1995.
MESA-LAGO, Carmelo. Dialéctica de la Revolución Cubana: Del idealismo carismático al pragmatismo institucionalista. Madrid: Editorial Playor, 1979.
MEYER, Lorenzo e AGUILAR CAMÍN, Héctor. À sombra da Revolução Mexicana: História mexicana contemporânea, 1910-1989. São Paulo: Edusp, 2000.
MISKULIN, Silvia Cezar. Os intelectuais cubanos e a política cultural da Revolução. São Paulo, Alameda, 2009.
PINTO, Julio Pimentel. Uma memória do mundo: Ficção, memória e história em Jorge Luis Borges. São Paulo: Estação Liberdade, 1998.
PIZARRO, Ana (org.). Palavra, literatura e cultura. São Paulo: Memorial da América Latina; Campinas: Editora da Unicamp, 1994, 3 vols.
PLOTKIN, Mariano. Mañana es San Perón. Buenos Aires: Ariel, 1993.
PURDY, Sean. A História Comparada e o Desafio de Transnacionalidade. Revista de História Comparada. Rio de Janeiro. vol.6, n.1, 64-84, 2012.
ROMERO, Luis Alberto. Breve Historia Contemporánea de la Argentina. Buenos Aires: Fondo de Cultura Económica, 2001.
SANTIAGO, Silviano. As raízes e o labirinto da América Latina. Rio de Janeiro: Rocco, 2006.
SARLO, Beatriz. Una modernidad periférica: Buenos Aires 1920 y 1930. Buenos Aires: Ediciones Nueva Visión, 1988.
______. La batalla de las ideas, 1943-1973. Buenos Aires: Ariel, 2001.
SCHWARTZ, Jorge. Vanguardas latino-americanas: Polêmicas, manifestos e textos críticos. São Paulo: Edusp/Iluminuras, 1995.
SILVA, Vitória Rodrigues e. Concepções de História e de ensino em manuais para o Ensino Médio brasileiros, argentinos e mexicanos. Tese de Doutorado. História/FFLCH/USP, 2006.
SOARES, Gabriela Pellegrino. Semear horizontes: uma história da formação de leitores na Argentina e no Brasil (1915-1954). São Paulo, UFMG, 2007.
 

Clique para consultar os requisitos para FLH0644

Clique para consultar o oferecimento para FLH0644

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP