Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
 
Lingüística
 
Disciplina: FLL1013 - Língua de Sinais Brasileira: Aspectos Linguisticos, Sociais e Educacionais
Linguistic, Social and Educational Aspects of Brazilian Sign Language.

Créditos Aula: 2
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 30 h ( Práticas como Componentes Curriculares = 20 h )
Tipo: Semestral
Ativação: 15/07/2010 Desativação:

Objetivos
A disciplina tem como objetivo apresentar aos alunos de licenciatura os aspectos fundamentais relacionados à comunidade surda, dando condições e direcionamento para o aprofundamento dos conteúdos relacionados à Língua de Sinais Brasileira e os aspectos educacionais e sociais que a envolvem.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
2982240 - Felipe Venâncio Barbosa
 
Programa Resumido
A Língua de Sinais Brasileira, sua estrutura e as implicações sociais e educacionais para a comunidade surda.
 
 
 
Programa
1. Alinhamento conceitual e revisão histórica
1.1. Histórico da surdez através dos tempos – dos primórdios da Civilização à Educação Oralista
1.2. Histórico da Surdez através dos tempos – a introdução da Língua de Sinais e a Educação Bilíngüe
1.3. Modelos de Abordagem das Deficiências
1.4. Linguagem, Língua, Sinalização e Cognição

2. Os estudos lingüísticos das línguas de sinais
2.1. Avaliação de Linguagem
2.2. Aquisição de Linguagem de Crianças Surdas
2.3. Estudos descritivos da Língua de Sinais Brasileira
2.3.1. Fonologia
2.3.2. Morfologia
2.3.3. Vocabulário da Língua de Sinais Brasileira
2.3.4. Sintaxe
2.4. Estudos experimentais das línguas de sinais
2.4.1. Cognição
2.4.2. Fluência de sinalização
2.4.3. Distúrbios de linguagem expressos nas línguas de sinais

3. Língua de Sinais Brasileira e Educação de surdos
3.1. Oralismo
3.2. Comunicação Total
3.3. Bilingüismo
3.4. O processo de interpretação entre línguas orais e de sinais
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas teóricas ministradas na modalidade expositiva dialogada, leitura e discussão de textos, exercícios práticos e apresentação de seminários.
Critério
A avaliação dos alunos da disciplina será composta por três notas:
1. Seminário: nota máxima – 10,00 (peso 1)
2. Elaboração de trabalho individual: nota máxima – 10,00 (peso 1)
3. Prova final: nota máxima – 10,00 (peso 1)
As pontuações obtidas pelo aluno nas três atividades serão somadas e o resultado divido por três, obtendo-se a média final na disciplina.
Norma de Recuperação
De acordo com as normas vigentes
 
Bibliografia
     
BRITO, L.F. Por uma Gramática de Língua de Sinais. Tempo Brasileiro. Rio de Janeiro. 1995.
FERNANDES, E. Linguagem e Surdez. ArtMed. Porto Alegre. 2003.
QUADROS, RM. Educação de Surdos: Aquisição da Linguagem. Artes Médicas. Porto Alegre. 1997.
QUADROS, RM, KARNOPP, LB. Língua de Sinais Brasileira – Estudos Lingüísticos. ArtMed. Porto Alegre. 2004.
MOURA, M.C. O Surdo: caminhos para uma nova identidade, Rio de Janeiro, Revinter, 2000.

SCLIAR, C. A Surdez: um olhar sobre as diferenças, Porto Alegre, Mediação, 1998.
 

Clique para consultar os requisitos para FLL1013

Clique para consultar o oferecimento para FLL1013

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2019 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP