Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
 
Letras Modernas
 
Disciplina: FLM0206 - Introdução aos Estudos Tradutológicos
Introduction to Translation Studies

Créditos Aula: 2
Créditos Trabalho: 2
Carga Horária Total: 90 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2013 Desativação:

Objetivos
Proporcionar aos alunos um panorama das principais questões teóricas da tradução e capacitá-los a explorar os desdobramentos destas teorias para as práticas de tradução, pragmáticas e literárias.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
43523 - Francis Henrik Aubert
83431 - John Milton
925287 - Lenita Maria Rimoli Esteves
 
Programa Resumido
Introdução às reflexões teóricas sobre a tradução, com ênfase nas questões contemporâneas. Aspectos lingüísticos, literários e antropológicos.
 
 
 
Programa
1. Linguagem e tradução. O ato tradutório. 2. Os participantes do ato tradutório e as condições de produção do ato tradutório. 3. Os códigos lingüísticos: proximidades e distâncias na tradução. 4.Os referentes e suas expressões nos códigos e nos textos. 5. A questão da fidelidade. 6. Variação e invariança na tradução. 7. A autonomia do tradutor e da tradução. A co-autoria. 8. Tradução e relações de poder. 9. Visões de mundo discrepantes e os diálogos possíveis na tradução . Recursos textuais, extra-textuais e hipertextuais.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas expositivas
Discussão dos textos em classe
Análise comparativa de originais e traduções
Leituras de prefácios de tradutores
Critério
Notas de zero a dez obtidas em participação nas aulas, nas atividades de classe e seminários.
Norma de Recuperação
(critérios de aprovação e épocas de realização das provas ou trabalho): notas de um a dez, baseadas em prova e trabalhos de recuperação realizados no período para recuperação estabelecido no calendário da universidade. Para o cálculo da média final, será considerada a nota da 1ª. avaliação, a ser somada à nota da recuperação, com o resultado dividido por dois.
 
Bibliografia
     
ARROJO, R. (1986) Oficina de tradução: a teoria na prática. São Paulo, Ática.
ARROJO, R. (1993) Tradução, desconstrução e psicanálise. Rio de Janeiro, Imago.
AUBERT, F. H. (1993) As (in)fidelidades da tradução: servidões e autonomia do tradutor. Campinas, UNICAMP.
AUBERT, F. H. (1998) Modalidades de tradução: teoria e resultados. In TradTerm 5.1. São Paulo, CITRAT/FFLCH/USP.
AZENHA JUNIOR., J. (1999) Tradução técnica e condicionantes culturais. Primeiros passos para um estudo integrado. 1ª ed. São Paulo: Humanitas - FFLCH/USP.
BASSNET, S. (1991) Translation Studies. Londres, Routledge.
BOHANNON. L. (1971) Shakespeare in the busch. In SPRADLEY, J. P. & McCURDY, J. P. Conformity and Conflict: Readings in Cultural Anthropology. Boston, Little Brown and Co.
CATFORD, J. C. (1980) Uma teoria lingüística da tradução. São Paulo, Cultrix.
COULTHARD M. & CALDAS-COULTHARD, C. R. (org.) (1991) Tradução - teoria e prática. Florianópolis, UFSC.
JAKOBSON. R. (1969) Aspectos lingüísticos da tradução. In Lingüística e comunicação. São Paulo, Cultrix.
DELISLE, J. & WOODSWORTH, J. (1995) Translators through history . John Benjamins/UNESCO.
MILTON, J. (1993) O poder da tradução. São Paulo, Ars Poetica.
NEWMARK, P. (1981) Approaches to translation. Oxford, Pergamon.
MOUNIN, G. (1975) Problemas teóricos da tradução. São Paulo, Cultrix.
PAES J. P. (1990) Tradução - a ponte necessária. São Paulo, Ática.
VENUTI., L. (1995) The translator's invisibility. Londres, Routledge.
 

Clique para consultar os requisitos para FLM0206

Clique para consultar o oferecimento para FLM0206

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP