Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
 
Letras Modernas
 
Disciplina: FLM0635 - Intercompreensão em Línguas Românicas
Intercomprehension in Romance Languages.

Créditos Aula: 2
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2015 Desativação:

Objetivos
1. Sensibilizar os alunos do Curso de Letras para o desenvolvimento das competências pluriligue e pluricultural;
2. Iniciar o desenvolvimento da competência de compreensão oral e escrita em línguas românicas (francês, italiano e espanhol);
3. Mobilizar conhecimentos e aplicar estratégias de compreensão utilizadas em língua materna em documentos orais e escritos em línguas estrangeiras; favorecer a reflexão metacognitiva.
4. Desenvolver estratégias de compreensão de documentos nas três línguas românicas estudadas (francês, italiano e espanhol): contextualização (dedução e indução por meio de elementos de paratexto e contexto), identificação do gênero textual, formulação de hipóteses, antecipação, inferência, entre outras;
5. Refletir sobre os conceitos que embasam a abordagem pela Intercompreensão de Línguas Românicas no ensino e aprendizagem de línguas estrangeiras.
6. Conhecer espaços da web voltados ao desenvolvimento da Intercompreensão em Línguas Românicas.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
3194628 - Elisabetta Antonietta Rita Maria Carmela Santoro
760749 - Heloisa Brito de Albuquerque Costa
1479351 - Monica Ferreira Mayrink O' Kuinghttons
 
Programa Resumido
Tendo por objetivo introduzir o aluno dos Cursos de Letras às questões relacionadas ao desenvolvimento de competências plurilíngues e pluriculturais, essa disciplina parte de conceitos fundamentais desenvolvidos pela abordagem da Intercompreensão de línguas românicas. Por meio do desenvolvimento de estratégias de compreensão oral e escrita de documentos em francês, italiano e espanhol, o aluno será levado a refletir e mobilizar conhecimentos linguísticos, lexicais e culturais adquiridos em língua materna e nas línguas estrangeiras para, ao longo do curso, construir sua identidade plurilíngue.
 
 
 
Programa
1. Elementos da história das línguas românicas presentes no curso (origem e evolução). Sensibilização ao reconhecimento das línguas românicas: atividades práticas.
2. A leitura como um processo de construção de sentido(s) consciente, intencional, reflexivo. Conscientização das estratégias de leitura utilizadas em língua materna
3. A formação do leitor plurilingue: estratégias de leitura em intercompreensão de línguas românicas. Conceitos e atividades práticas.
4. Comunicação e interação nas línguas românicas: estratégias de compreensão de documentos orais e escritos. Semelhanças entre as línguas (nível lexical, morfosintático e fonológico). Conceitos e atividades práticas.
 
 
 
Avaliação
     
Método
• Participação e desempenho nas discussões em sala de aula;
• Realização das atividades – produções individuais e em grupo;
• Avaliações escritas.
Critério
• Participação e desempenho nas discussões em sala de aula;
• Realização das atividades – produções individuais e em grupo;
• Avaliações escritas.
Norma de Recuperação
A recuperação nesta disciplina constará de uma prova a ser realizada em data indicada pelo departamento.
 
Bibliografia
     
ARAÚJO e SÁ, M. H., HIDALGO DOWNING, R., MELO-PFEIFER, S., SÉRÉ, A. & VELA DELFA, C. (Ed.) (2009). Intercompreensão em Línguas Românicas: conceitos, práticas, formação. Aveiro : Universidade de Aveiro - CIDTFF - LALE. Disponible sur : http://www.galapro.eu/wp-content/uploads/2010/07/a-intercompreensao-em-linguas-romanicas-conceitos-praticas-formacao.pdf
KLEIMAN, A. (1996). Oficina de Leitura: teoria e prática. 4 ed. Campinas, SP: Pontes: Editora da Universidade Estadual de Campinas.
____________ (2013). Texto e Leitor: aspectos cognitivos da leitura. 15 ed. Campinas, SP: Pontes Editores.

Bibliografia complementar:
ARAUJO E SÁ, M.H. CARLO, M. ANTOINE, M. (Orgs.) (2011). Cadernos do LALE de la session 3 : L'intercompréhension : la vivre, la comprendre, l'enseigner, Aveiro : Universidade de Aveiro,
http://www.ua.pt/cidtff/lale/PageText.aspx?id=13949
ARAUJO E SÁ, M.H. MELO-PFEIFER (Orgs) (2010) Formação de formadores para a Intercompreensão. Aveiro: Universidade de Aveiro.
BENUCCI A. (2005). Le Lingue Romanze. Una guida per l’intercompreensione. Torino: UTET.
BONVINO E., CADDÉO S., PIPPA S., VILAGINÈS SERRA E. (2011) Eurom5. Leggere e capire 5 lingue romanze: português, español, català, italiano, français. Milano: Hoepli.
CARULLO A.M., MARCHIARO, S.(2009) “Nuevos desafíos: hacia la inclusión de la
perspectiva plurilingüe y multicultural en las currículas de profesorados en
lenguas extranjeras”, en Volumen 4, Revista del IV Encontro Internacional de Pesquisadores de Políticas Linguísticas; Santa María, RS, Brasil, pág. 117-125.
CARULLO A, VIRAMONTE, M. (ed) (2011), Lingüística en el Aula Nº 9- Didáctica del Plurilingüismo. La intercomprensión entre lenguas emparentadas. Contexto histórico, definiciones y aportes de la investigación, CIFAL, Facultad de Lenguas, Córdoba, Argentina, Ed. Comunicarte. ISSN 1514-0202.
CARULLO A, VIRAMONTE M. (ed) (2011), Lingüística en el Aula Nº 10- Didáctica del Plurilingüismo. La intercomprensión entre lenguas emparentadas. Proyectos y
experiencias de aplicación, CIFAL, Facultad de Lenguas, Córdoba, Argentina. Ed. Comunicarte. ISSN 1514-0202.
DE CARLO, M. (Org.) (2011). Intercomprensione e educazione al plurilinguismo. Porto S. Elpidio: Wizarts Editore.
COLLECTIF (2008). Le français dans le monde n°355. Dossier « Le plurilinguisme en action ». Janvier-février 2008. Paris: CLE International. Voir sommaire sur http://www.fdlm.org/fle/article/355/index.php
DABÈNE, L., DEGACHE, C. (Ed.) (1996). Comprendre les langues voisines. Etudes de Linguistique Appliquée n°104, octobre-décembre 96, Didier-Erudition. Plusieurs articles en ligne sur www.galanet.eu > Publications.
DEGACHE, C. (2012). Recherches praxéologiques: méthodologie d’enseignement de l’intercompréhension, ingénierie pédagogique. In : Didática das Línguas e didática do plurilinguismo : o lugar da intercompreensão, Chapitre 4.(Matériel du cours de Pós-Gradução, Université de São Paulo, avril 2012).
ESCUDÉ, P. & JANIN, P. (2010). Le point sur l'intercompréhension, clé du plurilinguisme. Paris : CLE international, coll. 128.
JAMET, M.-C. (org.) (2009). Orale e intercomprensione tra lingue romanze: ricerche e implicazioni didattiche, Libreria Editrice Cafoscarina, Le Bricole, Venezia.
NELFI, C. (2010). Verso l’educazione plurilingue: la via dell’intercomprensione. LEND, Lingua e nuova didattica, n°2. Disponível em: http://ute3.umh.ac.be/galanet/publication/fichiers/Nielfi2010.pdf
NOGUEROL A, VILA N. (2007) "El plurilingüismo, una vía para el aprendizaje de la nueva ciudadanía (aprender lenguas y otras cosas)” Articles sur l’éveil aux langues. Disponible en: http://jaling.ecml.at/french/evlangarticles.htm
 

Clique para consultar os requisitos para FLM0635

Clique para consultar o oferecimento para FLM0635

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP