Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
 
Línguas Orientais
 
Disciplina: FLO1275 - Literatura Palestina
Palestinian Literature

Créditos Aula: 2
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 30 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2009 Desativação:

Objetivos
Apresentar ao aluno e analisar a obra de Edward Said, a teoria orientalista e a literatura palestina
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
304405 - Arlene Elizabeth Clemesha
1389076 - Paulo Daniel Elias Farah
 
Programa Resumido
Análise da obra de Edward Said, da teoria orientalista e da literatura palestina.

 
 
 
Programa
- Apresentação da obra de Edward Said;
- Análise de textos que discorrem sobre o orientalismo;
- Reflexão sobre as representações artísticas com base na teoria orientalista;
- Reflexão sobre a produção literária com base na teoria orientalista;
- Leitura e interpretação de textos da literatura palestina;
- Compreensão da importância da literatura palestina;
- Reflexão sobre os gêneros narrativos;
- Análise das diferentes linguagens textuais e suas especificidades;
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas expositivas, leitura e interpretação de textos, redações e seminários.

Critério
Provas, trabalhos e exercícios escritos.
Norma de Recuperação
A avaliação será realizada mediante trabalho escrito.
 
Bibliografia
     
ALARIF, A. Annakba: Nakbat Bayt Almaqdis walfirdaws almafq…d, 1947-1952 (A catástrofe: a catástrofe de Jerusalém e o paraíso perdido 1947-1952). Saida: Almaktaba, 1958.
ALKAYYALI, A. Axxi'r alfilastíniy fí nakbat Filastín (Poesia palestina sobre a catástrofe da Palestina). Beirute: almanchúrát al'arabiyya, 1975.
ANDERSON, B. Comunidades imaginadas (Reflexiones sobre el origen y la difusión del nacionalismo). Mexico: Fondo de Cultura Económica, 1993.
ANDERSON IMBERT, E. - Teoría y Técnica del Cuento, 3ª ed., Madrid, Ariel, 1999.
BAKHTIN, M. Questões de literatura e de estética (A teoria do Romance), SP: Hucitec, 1988.
BONNHEIM, H. The Narrative Modes. Cambridge, D.S.Brewer, 1982.
DARWICH, M. Folhas de oliveira. São Paulo, Cálamo, 2008
DARWICH, M. Por que deixaste o cavalo sozinho?. São Paulo, Cálamo, 2008
FRÖHLICHER, P. e G. GÜNTERT - Teoría e Interpretación del Cuento, Bern, Peter Lang, 1995.
GOTTLIB, N. B. - Teoria do Conto, São Paulo, Ática, 1985.
Hourani, A. (1994). Uma História dos Povos Árabes. Tradução de Santarrita, M. São Paulo, Companhia das Letras.
KANAFANI, G. Homens ao Sol. São Paulo, Cálamo, 2007.
JEAN, G. - Le Pouvoir des Contes, Tournai, Casterman, 1981.
JOLLES, A. - Formas Simples, São Paulo, Cultrix, 1976.
MCKEON, M. (ed.) Theory of the novel: a historical approach. Baltimore: The John Hopkins University Press, 2000.
PAREDES NUÑEZ, J. - Algunos Aspectos del Cuento Literario (Contribución al Estudio de su Estructura), Granada, Univ. de Granada, 1986.
PROPP, V. - Morphologie du Conte, Paris, Éd. du Seuil, 1965.
SAID, E. Orientalismo (O Oriente como invenção do Ocidente). São Paulo: Companhia das Letras, 1990.
_______. Reflexões sobre o exílio. São Paulo: Companhia das Letras, 2003.
SIMONSEN, M. - O Conto Popular, São Paulo, Liv. Martins Fontes, 1987.
TODOROV, T. Nós e os outros. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1993

 

Clique para consultar os requisitos para FLO1275

Clique para consultar o oferecimento para FLO1275

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2021 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP