Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
 
Ciência Política
 
Disciplina: FLP0444 - Relações Internacionais III
International Relations III

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2007 Desativação:

Objetivos
O curso tem como objetivos principais: - apresentar ao estudante alguns dos textos clássicos e dos principais paradigmas do estudo das relações internacionais; - colocá-lo em contato com novas temáticas do cenário internacional nas últimas décadas; - e por fim discutir as mudanças no atual sistema internacional, com ênfase no papel dos atores principais, e em questões de segurança internacional.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
2091542 - Rafael Antonio Duarte Villa
 
Programa Resumido
UNIDADE 1: Teoria das Relações Internacionais; Realismo clássico; Idealismo ou cosmopolitismo kantiano; Institucionalismo nas Relações Internacionais; Novas tendências teóricas.

UNIDADE 2: Novos temas. Atores e processos não-estratégicos das Relações Internacionais contemporâneas; O reconhecimento internacional da pessoa; Globalização e Democracia.

UNIDADE 3: Configuração de poder no sistema internacional contemporâneo; O sistema internacional; O unipolarismo americano no Pós-Guerra Guerra Fria ; A nova política de segurança dos Estados Unidos.
 
 
 
Programa
UNIDADE 1:
Teoria das Relações Internacionais

Realismo clássico

- Bedin, Gilmar. "O realismo político e as relações internacionais: algumas reflexões sobre o paradigma tradicional das relações internacionais". In Bedin et alli. Paradigmas das relações internacionais. Ed. Unijuí, Ijuí, Rio Grande do Sul, 2000.
- MORGENTHAU, Hans. Política entre as nações.Brasília: IPRI, 2003.

Idealismo ou cosmopolitismo kantiano

- KANT, Immanuel. A paz perpétua e outros opúsculos.
- MIYAMOTO, Shiguenoli. O idealismo e a paz mundial.Primeira versão, 82. IFCH/Unicamp, março de 1999.

Institucionalismo nas Relações Internacionais

- Bull, Hedley. "Há uma ordem na política mundial?". In A sociedade anárquica. Brasília: IPRI, 2003.
- KEOHANE, Robert y NYE, Joseph S. . Poder e interdependência. La política mundial en transición. Buenos Aires: Grupo Editor Latinoamericano, 1977. Caps 1 e 2.


Novas tendências teóricas

- HUNTINGTON, Samuel. O choque das civilizações e a recomposição da ordem mundial. Rio de Janeiro, Objetiva, 1996.
- ARRIGHI, Giovanni e SILVER, Berverly J. Caos e governabilidade no moderno sistema mundial. Rio de Janeiro: Contraponto/Editora da UFRJ, 2001.


UNIDADE 2:
Novos temas. Atores e processos não-estratégicos das Relações Internacionais contemporâneas.
(3 aulas)

O reconhecimento internacional da pessoa

- LINDGREN ALVES, J. A. Os direitos humanos como tema global. Ed. Perspectiva. 2003.
- REIS, Rossana. "Soberania, direitos humanos e migrações Internacionais". In REIS, Rossana. Construindo fronteiras: políticas de imigração na França e nos Estados Unidos(1980-1998).Tese de doutorado apresentada ao departamento de Ciência Política, Universidade de São Paulo, 2003.

Globalização e Democracia

- HELD, David. "A democracia, o estado-nação e o sistema global". In: Lua Nova (São Paulo/Cedec), (23), (março, 1991).
- ROSENAU, James N. "Governança, ordem e transformação na política mundial ". In: Rosenau, James e CZEMPIEL, Ernst-Otto (orgs.) Governança sem governo: ordem e transformação na política mundial. São Paulo/Brasília: Imprensa Oficial/Unb, 2000.
- GÓMEZ, José Maria. Política e democracia em tempos de globalização. Ed. Vozes.

UNIDADE 3
Configuração de poder no sistema internacional contemporâneo
(3 aulas)
O sistema internacional

- ARON, Raymond. "Os sistemas internacionais". In Paz e Guerra entre as Nações.Ed. UNB, 1986, 2.ed.
- WALTZ, Kenneth. Teoria das Relações Internacionais. Ed. Gradiva, Lisboa, 2000. Cap.6 e 8

O unipolarismo americano no Pós-Guerra Guerra Fria

- HUNTINGTON, Samuel Huntington P. "A Mudança nos Interesses estratégicos americanos". Política - Externa 1 (1), (junho 1992).
- NYE, Joseph Jr. O paradoxo do poder americano. São Paulo: Editora da Unesp, 2002.
- RICÚPERO, Rubens. "Os Estados Unidos da América e o reordenamento do sistema internacional". In FONSECA Jr. Gélson e CASTRO, Sérgio Henrique. Temas de Política Externa Brasileira. Ed. Paz e Terra, 1997.

A nova política de segurança dos Estados Unidos

- IKENBERRY, G. John. "A ambição imperial". In: Política Externa, Vol II, no. 3 (dezembro-janeiro-fevereiro, 2002/2003).
- RICE, Condoleezza. "Consciência da vulnerabilidade inspirou doutrina". In: Política Externa, Vol II, no. 3 (dezembro-janeiro-fevereiro, 2002/2003).
- SILVA, Carlos Eduardo Lins. "Doutrina Bush foi gerada há dez anos". In: Política Externa, Vol II, no. 3 (dezembro-janeiro-fevereiro, 2002/2003).
 
 
 
Avaliação
     
Método
O programa será desenvolvido através de aulas expositivas e discussão dos textos apresentados no programa.
Critério
A avaliação será feita através de duas provas dissertativas individuais, a primeira ao final da primeira sessão, e a segunda ao final da terceira sessão.
Norma de Recuperação
Prova ou trabalho sobre todo o programa da disciplina.
 
Bibliografia
     
BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR


UNIDADE 1

- ARON, Raymond. Paz e guerra entre as nações. Brasília: UnB, 1986.
- BEDIN, Gilmar et alli. Paradigmas das Relações Internacionais.Ijuí, Rio Grande do Sul, Ed. Unijuí, 2000.
- BULL, Hedley. A sociedade anárquica. Um estudo da ordem na política mundial. Imprensa Oficial do Estado. Ed. UNB, 2002.
- BRAILLARD, Philippe. Teoria das Relações Internacionais. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 1990.
- CARR, Edward. Vinte anos de crise 1919-1939. Brasília: Editora da Universidade de Brasília, 1981.
- CHIAPIN, José R. "O paradigma de Huntington e o realismo político". In: Lua Nova (CEDEC), (34), (1994).
- KEOHANE, Robert. After hegemony: cooperation and discord in the world political economy. Princeton: Princeton University Press, 1984. Caps. 4 a 7.
- Knutzen, Torbj rn L. A history of International Relations theory. Manchester University Press, 1993
- VIGEGANI, Tullo et alli. "Realismo versus globalismo nas relações internacionais". In Lua Nova (São Paulo/CEDEC), (18), 1994.
- WALTZ, Kenneth. "Kant, Liberalisms and war". In: The American Political Science Review, Vol. 56 (June 1962).
- WALTZ, Kenneth. Theory of International Politics. Reading. Mass. 1979.


UNIDADE 2

- ARCHIBUGGI, Daniele e HELD, David. Cosmopolitan democracy, an agenda for a new world order. Polity Press, Cambridge, UK, 1996.
- BOBBIO, Norberto. "Democracia y sistema internacional". In: Norberto Bobbio: el filósofo y la política. México: Fondo de Cultura Económica, 1996.
- CHAMBOULEYRON, Ingrid Cyfer. Proteção Internacional das minorias (1919 a 1992) : fundamento ético. Dissertação de Mestrado. USP. Faculdade de Direito. São Paulo, 2003.
- COMPARATO, Fábio Konder. A afirmação histórica dos direitos humanos. São Paulo, Saraiva, 2001.
- FONSECA, Gelson; BELLI, Benoni (2002). "Política e direito nas Relações Internacionais: a consolidação da justiça internacional". Política Externa. Vol.10, n.4, março 2002.
- FREEMAN, Gary. "Migration policy and politics in the receiving States". In International Migration Review, winter, New York, 1992.
- HELD, David. Democracy and global order, from the modern state to cosmopolitan governance. Polity Press, Cambridge, UK, 1995.
- HELD, David et alli. Global transformations, politics, economics and culture. Polity Press, Cambridge, UK, 2000.
- KECK, Margaret e SIKKINK, Katrhyn (1998). Activists beyond borders. Advocacy networks in International Politics. Cornell University Press, New York, USA.
- LAFER, Celso. A reconstrução dos direitos humanos. Cia das Letras.
- LILICH, Richard B. The human rights of aliens in contemporary international law.Manchester University Press, 1984.
- SASSEN, Saskia. Globalization and its discontents. New York, The New Press, 1991.
- VILLA, Rafael Duarte. "Atores não-estatais nas relações internacionais: Greenpeace e a Antártida". Revista de Desenvolvimento e Meio Ambiente, Vol. 4 (junho, 2001).






UNIDADE 3

- AMORIM, Celso Luís Nunes. "Entre o desequilíbrio unipolar e a multipolaridade: o Conselho de Segurança da ONU no período pós-Guerra Fria". In: DUPAS, Gilberto e VIGEGANI, Tullo (orgs.) O Brasil e as novas dimensões da segurança internacional. São Paulo: Editora Alfa/Omega/Fapesp, 199.
- ANDERSON, Perry. "Force and consent". In New Left Review. 17. Set/out 2002.
- KENNEDY, Paul. Preparando para o século XXI. Rio de Janeiro: Editora Campus, 1993. (Especialmente o capítulo "o dilema americano").
- KENNEDY, Paul. "A manutenção do poder americano: da ferida à recuperação". In:
- TALBOT, Strobe e Nayan Chanda (eds.). A Era do terror. Rio de Janeiro: editora Campus, 2001
- VILLA, Rafael Duarte. A Segurança global multidimensional. São Paulo: Editora Annablume/Fapesp, 1999.
-VILLA, Rafael A Duarte. "A segurança global multidimensional". In Lua Nova 46.CEDEC, São Paulo, 1999.
- WOLFORTH, William C. " The stability of a unipolar world", in: International Security, Vol. 24, n. 1 (Summer, 199).

 

Clique para consultar os requisitos para FLP0444

Clique para consultar o oferecimento para FLP0444

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP