Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
 
Sociologia
 
Disciplina: FSL0602 - Sociologia da Educação
Sociology of Education

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 90 h ( Práticas como Componentes Curriculares = 90 h )
Tipo: Semestral
Ativação: 15/07/2015 Desativação:

Objetivos
Apresentar aos/às alunos/as possibilidades analíticas da educação do ponto de vista sociológico. Cada unidade do curso aborda aspectos da relação sociologia-educação por meio de estudos consagrados da área. O ponto central é analisar a educação a partir de teorias sociais específicas focadas na relação cultura, diferenças sociais e cognitivas e modos de dominação nas sociedades contemporâneas.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
3554907 - Ana Paula Belém Hey
84832 - Sylvia Gemignani Garcia
 
Programa Resumido
Apresentar aos/às alunos/as possibilidades analíticas da educação do ponto de vista sociológico. Cada unidade do curso aborda aspectos da relação sociologia-educação por meio de estudos consagrados da área. O ponto central é analisar a educação a partir de teorias sociais específicas focadas na relação cultura, diferenças sociais e cognitivas e modos de dominação nas sociedades contemporâneas.
 
 
 
Programa
1. Sociologia da educação: sociologia do conhecimento e sociologia do poder
2. Cultura e educação
3. Classificações sociais e diferenças cognitivas
4. Sistemas de ensino e desigualdade social
5. Teorias da reprodução
6. Educação e modos de dominação
7. Conhecimento e poder
8. Construção de problemáticas brasileiras
 
 
 
Avaliação
     
Método
Discussão de textos previamente lidos pelos alunos; seminários; aulas expositivas.
Critério
Baseados nas atividades discentes supracitadas e por meio da realização de duas provas escritas (individuais e sem consulta). A presença é obrigatória em todas as aulas.
Norma de Recuperação
O aluno que obtiver freqüência superior a 70% e obtiver média final inferior a 5,0, mas igual ou superior a 3,0, poderá realizar uma prova escrita abrangendo todo o programa da disciplina a ser realizada no primeiro mês do semestre seguinte ao de reprovação.
 
Bibliografia
     
ALTHUSSER, Louis. Aparelhos ideológicos de Estado. Rio de Janeiro: Graal, 1985.
BAUDELOT, Christian; ESTABLET, Roger. La escuela capitalista. Madrid: Siglo Veintiuno, 1975.
AZEVEDO, Fernando de. Os sistemas escolares. In: PEREIRA, Luiz; FORACCHI, Marialice (orgs.). Educação e sociedade: leituras de sociologia da educação. 13 ed. São Paulo: Editora Nacional, 1987, p. 138-149.
BÉAUD, Stéphane. 80% au bac... et après? Les enfants de la democratisation scolaire. Paris: La Découverte, 2002.
BOURDIEU, Pierre. La distinction. Paris: Minuit, 1979.
BOURDIEU, Pierre. Escritos de educação (Orgs. Maria Alice Nogueira, Afrânio Mendes Catani). Petrópolis, RJ: Vozes, 1998. (15ª ed. 2014).
BOURDIEU, Pierre. Estruturas sociais e estruturas mentais (Prólogo à La Noblesse d´État). Teoria & Educação. Porto Alegre, Pannonica, n. 3, 1991, p. 113-119.
BOURDIEU, Pierre. La noblesse d´État. Grandes écoles et esprit de corps. Paris: Minuit, 1989.
BOURDIEU, Pierre. O novo capital. In: ___. Razões práticas. Sobre a teoria da ação. Campinas, SP: Papirus, 1996, p. 35-52.
BOURDIEU, Pierre. Sistemas de ensino e sistemas de pensamento. In: ___. A economia das trocas simbólicas (Org. Sergio Miceli). São Paulo: Perspectiva, 1974, p. 203-229.
BOURDIEU, Pierre; CHAMPAGNE, Patrick. Os excluídos do interior. In: ___ (coord.). A miséria do mundo. Petrópolis/RJ: Vozes, 1997, p. 481-586.
BOURDIEU, Pierre; PASSERON, Jean-Claude. A reprodução. Elementos para uma teoria do sistema de ensino. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1975.
BOWLES, Samuel; GINTIS, Herbert. Schooling in capitalist America: educational reform and the contradictions of economic life. London/Henley: Routledge & Kegan Paul, 1976.
DURKHEIM, Émile. Educação e sociologia. 8. ed. São Paulo: Melhoramentos, 1972.
DURKHEIM, Émile; MAUSS, Marcel. Algumas formas primitivas de classificação. In: DURKHEIM, Émile. Sociologia. RODRIGUES, J.A. (org.), FERNANDES, F. (coord.). São Paulo, Ática, 1978, p. 183-203.
FOUCAULT, Michel. Vigiar e Punir. Petrópolis, RJ: Vozes, 1975.
FOUCAULT, Michel. Les anormaux. Paris: Seuil-Gallimard, 1999.
HEY, Ana Paula. Esboço de uma sociologia do campo acadêmico: a educação superior no Brasil. São Carlos, SP: EdUFSCar/Fapesp, 2008.
LÉVI-STRAUSS, Claude; ERIBON, Didier. De perto e de longe. São Paulo: Cosac Naify, 2005.
MAUGER, Gerard; SOULIÉ, Charles. Le recrutement des étudiants en lettres et sciences humaines et leurs objets de recherches. In: Regards sociologiques, Paris, n. 22, 2001, p. 23-40.
RINGER, Fritz. O declínio dos mandarins alemães: a comunidade acadêmica alemã – 1890-1933. São Paulo: EdUSP, 2000.
RINGER, Fritz. Education and Society in Modern Europe. Bloomington: Indiana Univ. Press, 1979.
WACQUANT, Loïc. Lendo o ‘capital’ de Bourdieu. Educação & Linguagem. São Bernardo do Campo, SP, ano 10, n. 16, jul-dez. 2007, p. 37-62.
WEBER, Max. Ciência e Política: duas vocações. São Paulo: Cultrix, 1993.
WEBER, Max. Economia e sociedade. Brasília: EdUnB, 1991.
 

Clique para consultar os requisitos para FSL0602

Clique para consultar o oferecimento para FSL0602

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP