Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
 
Sociologia
 
Disciplina: FSL0646 - Temas de Sociologia Política
Themes of Political Sociology

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2006 Desativação:

Objetivos
A disciplina tem como objetivo apresentar aos alunos autores clássicos que pensaram o espaço público republicano e democrático, refazendo sua leitura à luz das questões atuais trazidas pela pesquisa historiográfica e sociológica sobre participação política, cidadania e formação da sociedade civil. Desde meados da década de 1970, o debate e a reflexão sobre a democracia incluiu necessariamente as pressões organizadas por diversos movimentos sociais com diferentes demandas de direitos. Seus conflitos, negociações e invenções políticas, algumas mais tarde institucionalizadas, podem ser vistos como o início da impactante reentrada de conceitos como sociedade civil, cidadania, esfera pública e privada, direitos e outros no vocabulário da sociologia política, redefinindo novos contextos intelectuais e políticos em seus usos, bem como a adjetivação da democracia que se trata pelo critério da participação ampliada. O esforço em encontrar uma nomeação adequada que possa abranger o conjunto de atores e ações que, em diferentes e mutáveis contextos históricos e sociais e em diversos graus de institucionalização, demandam um espaço próprio de atuação e ativismo distinto de governos, partidos políticos e interesses do mercado, sobre os quais se aposta a construção moderna de uma nova cultura política, pouco resiste à diversidade de contextos e valores das trajetórias históricas de participação, conflito e negociação. Este curso visa discutir as teorias e modelos construídos pelas ciências sociais frente à diversidade empírica e histórica dessas trajetórias.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
27747 - Maria Celia Pinheiro Machado Paoli
 
Programa Resumido
 
 
 
Programa
(I) Espaço Público, sociedade civil e ação política: alguns clássicos
1. Hannah Arendt;
2. Jürgen Habermas;
3. Antonio Gramsci;
4. Público e privado, sociedade civil, cidadania e direitos: conceituações, contextos, usos e abusos.
(II) Espaço público, modernidade e política no Brasil
1. Pensamento crítico e modernidade brasileira: Francisco de Oliveira, Marilena Chauí, Roberto Schwarz, Luiz Werneck Vianna;
2. Reconhecer atores políticos na história moderna brasileira: algumas polêmicas da historiografia;
3. Pensando a exclusão pública-política: a discussão sobre o autoritarismo brasileiro;
4. Cultura Política e tradições imaginárias: a herança do pensamento brasileiro e suas reformulações.

(A Parte II pode ter como alternativa uma discussão de pesquisas sobre política participativa; nessa caso será fornecida outra bibliografia.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas expositivas, seminários e orientação de leituras.
Critério
Dois trabalhos sobre conteúdo do curso.
Norma de Recuperação
Constará de trabalhos escritos e/ou provas individuais que deverão ser entregues, com data a ser estipulada pelo professor, para todo aluno que obtiver freqüência superior a 70% e média final inferior a 5,0 mas superior a 3,0.
 
Bibliografia
     
19. Bibliografia:

Item 1:
Arendt, Hannah (1987) Homens em tempos sombrios. São Paulo: Companhia das Letras
---------------------- (1990) Da Revolução. São Paulo: Ática
---------------------- Origens do Totalitarismo. São Paulo: Companhia das Letras
Tocqueville, Alexis (1969) A Democracia na América. São Paulo: Cia Editora Nacional &EDUSP
Habermas, Jürgen. Mudanças estruturais na Esfera Pública. Rio de Janeiro:Tempo Brasileiro
---------------- O conceito de sociedade civil. In: HABERMAS, J. Direito e democracia vol II. Rio de Janeiro, Tempo Brasileiro:1997
Gramsci, Antonio. Maquiavel, a política e a história
Abensour, Miguel (1998). A Democracia contra o Estado. Belo Horizonte: Editora UFMG.
Finley, Moses (1998). Democracia antiga e moderna. Rio de Janeiro: Graal
Marshall, T.S. Cidadania, Classe Social e Status.
Rancière, Jacques (1996). O desentendimento. São Paulo: Editora 34
Léfort, Claude (1983). A Invenção Democrática. São Paulo: Brasiliense
Santos, Boaventura de Sousa (1999). "Reinventar a Democracia: entre o pré-contratualismo e o pós-contratualismo". In Oliveira e Paoli (orgs) Os Sentidos da Democracia. Petrópolis:Vozes
Evelina Dagnino (org) 2002. Sociedade Civil e Espaços Públicos no Brasil. São Paulo: Paz e Terra
Avritzer, Leonardo. (1994). Sociedade Civil e Democratização. Belo Horizonte: Ed. Del Rey.
Sergio Costa (2002) As Cores de Ercília. Belo Horizonte: Ed UFMG
Elenaldo Celso Teixeira (1999). "Participação cidadã na sociedade civil global". São Paulo: Lua Nova, n.46
Telles, Vera (1998). A Nova questão social brasileira. Praga, n.6

Item II
Oliveira, Francisco de (1999). "Privatização do público, destituição da fala e anulação da política: o totalitarismo neoliberal". In Oliveira, F. e Paoli, M.C. (orgs) Os Sentidos da Democracia. Petrópolis: Vozes
Oliveira, Francisco de (1998). Os direitos do anti-valor. Parte III. Petrópolis: Vozes
---------- "O Método Democrático". In:
Chauí, Marilena (2000). Brasil: Mito Fundador e Sociedade Autoritária.São Paulo: Editora Fundação Perseu Abramo
-------------------- Público, Privado, Despotismo. In: Novaes, Adauto, Ética. São Paulo: Companhia das Letras
Starling, Heloísa. Lembranças do Brasil: Teoria, Política, História e Ficção em Grande Sertão: Veredas. Editora Revan, 1999
Bignotto, Newton (2000). Pensar a República. Belo Horizonte: UFMG
Werneck Vianna, Luiz. A Revolução Passiva. Rio de Janeiro
 

Clique para consultar os requisitos para FSL0646

Clique para consultar o oferecimento para FSL0646

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP